quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Giane de "Sangue Bom": mais um êxito na carreira de Isabelle Drummond

Ela demorou para se destacar em "Sangue Bom". Sua personagem sempre foi muito interessante e totalmente diferente de tudo o que a atriz já havia feito na televisão. Porém, Giane só começou a crescer na história quando deixou de ser a sombra de Bento (Marco Pigossi), passando a se amar e ter uma vida própria. A partir dessa guinada, o telespectador pôde ser agraciado com o talento de Isabelle Drummond, até então apagado em meio às poucas aparições que a filha de Silvério (Norival Rizzo) tinha.


Após ter se destacado na pele da atrevida Emília, no "Sítio do Pica-Pau Amarelo", enquanto ainda era uma criança, Isabelle conheceu o sucesso ao interpretar a esperta Bianca, em "Caras & Bocas" (2009), no início da adolescência. Seu bordão "É a treva!" é até hoje lembrado e a filha de Dafne (Flávia Alessandra) foi o seu melhor papel na carreira até agora. Depois a atriz foi escalada para "Cordel Encantado" (2011) e acabou não sendo valorizada. Sua personagem, Rosa, era a coadjuvante do coadjuvante e teve poucas cenas relevantes. Mas em "Cheias de Charme" (2012), ela pôde voltar a brilhar na pele da empreguete Cida e encantou o público. Agora, em "Sangue Bom", com o crescimento de Giane, a atriz vem protagonizando excelentes cenas através desse rico papel.

A personagem, depois que deixou de se vestir feito um menino e passou a se sentir mais mulher, tem feito sucesso como modelo. Já fez fotos para vários comerciais, desfilou e ainda tem se dedicado ao ofício de fotógrafa. Também arrumou um namorado (Caio - Thiago Amaral) e agora não vive mais em função do
Bento, apesar de continuar se preocupando com ele. Porém, a vida da garota sofreu um novo revés. 

Giane começou a enxergar Fabinho (Humberto Carrão) com outros olhos depois que o rapaz foi acusado por todos de ser o responsável pelo incêndio na Toca do Saci, graças a uma armação de Amora (Sophie Charlotte). Os personagens, que antes se odiavam, agora começam a demonstrar carinho um pelo outro; embora ele esteja mais arredio do que ela. Esse é o início de uma relação que sempre ficou nas entrelinhas e que estava demorando até demais para acontecer. 

A química entre Isabelle Drummond e Humberto Carrão pôde ser vista em "Cheias de Charme", através do casal Cida e Elano, um dos mais queridos da novela. Agora, essa perfeita sintonia está podendo ser revista mesmo com os atores interpretando personagens totalmente diferentes. Aliás, o fato apenas comprova a versatilidade desses dois jovens talentos, que mais uma vez estão fazendo uma excelente parceria. E a aproximação dos ex-rivais será benéfica para ambos, que poderão se destacar ainda mais na história e ainda tirarão um pouco o foco do triângulo Bento/Amora/Malu.

A cena mais recente, quando Giane encontra Fabinho caído no chão e o leva para casa, só expôs a nítida sintonia que a dupla têm, constatando o quanto que esses personagens demoraram para receber o destaque merecido na novela. O filho de Plínio (Herson Capri) tem dominado as últimas semanas da história e o crescimento de sua importância ficou evidente, porém, agora o papel de Isabelle irá fazer parte de todo esse conflito, se envolvendo diretamente com o rapaz. Ou seja, apesar de ter tido sua participação aumentada no momento em que a inimiga de Amora se aceitou como mulher, é a partir dessa relação que a atriz irá honrar sua posição de protagonista.

Isabelle Drummond cresceu diante dos olhos do público e a cada dia que passa angaria mais admiradores. Nada mais natural, afinal, a atriz vem demonstrando ---- a cada trabalho apresentado ---- sua evolução e seu amadurecimento, não só como pessoa mas também como profissional. E a sarcástica Giane, de "Sangue Bom", é apenas mais um êxito de sua carreira. 

58 comentários:

Lulu on the Sky disse...

Sérgio,
Perfeito o seu texto. Concordo com tudo o que vc disse e fico feliz que finalmente a Giane vai se envolver com o Fabinho e ao que tudo indica, ele vai se regenerar. Dá pra perceber essa química perfeita entre os dois, desde aquela cena que ela driblava com a bola o Fabinho.
Fooooooooooofos demais.. Merecem ficar juntos no final da novela.
Big Beijos

Thallys Bruno Almeida disse...

Olha, Sérgio... Acho que pelo menos em uma protagonista de Sangue Bom a gente concorda no gosto. Se bem que fica difícil tentar focar em um só personagem com um trio de protagonistas femininas tão rico e bem amarrado. E, por isso mesmo, ainda há pontos em que discordo. Mas vamos lá.

Como Isabelle é a mais talentosa das três, Giane era pra ser a minha preferida desde o início. Porém, ela não estava sendo valorizada direito, só servia como escada do Bento. Foi nessa época que a Malu, aquela que vc classificou como "rasa, virginal, santificada e de discursos moralistas" (definição com a qual nunca concordei) foi ganhando minha preferência e a Giane acabou pra segundo plano. Aliás, acho que a questão de uma ser mais complexa do que a outra é mais questão pessoal, pois a Malu já começava a demonstrar suas inseguranças desde pouco depois do começo e a Giane demorou pra isso, o que me permite dizer que considero a filha biológica de Bárbara Ellen muito mais complexa que Giane, ao contrário de sua visão.

O tema do futebol foi totalmente jogado fora. Mas não sei se lamento isso, até porque ela era corinthiana roxa e alguns torcedores de outros times poderiam se irritar com isso, devido ao destaque do Corinthians na Globo após os títulos do ano passado. Em compensação, Giane foi ganhando seu devido espaço quando ela começou a descobrir a mulher que havia dentro de si e é aí que Caio entra na história. Ele foi fundamental para ela se arriscar na carreira de modelo e ganhou um merecido espaço.

Quanto ao Fabinho, eu de fato não imaginava a possibilidade de se repetir o par de Cheias de Charme porque achava desnecessário que os pares do sexteto protagonista tivessem que ser obrigatoriamente entre eles mesmos, tanto que torcia pra Lara Keller e Maurício tbm. Mas se a condução da situação me agradar, porque eu não poderia torcer para Giane e Fabinho tbm? Não vejo incoerência nenhuma nisso. Se eu passei a gostar da Sophie Charlotte no papel após criticá-la nos primeiros meses (porque considero que ela se encontrou de fato no papel), posso muito bem mudar de opinião. Assim como vc que mesmo preferindo Amora e Giane, passou a elogiar a Malu assumindo voz ativa e enfrentando a mãe e a irmã no lugar da fase anterior insegura dela. Simples.

E eu tô adorando ver Malu e Giane amigas e unidas prontas pra desmascarar Amora. Na boa, o Bento tá precisando acordar pra vida.

Mas se tem uma opinião que eu talvez não vá mudar é o ódio à Amora, rsrs... não tem jeito, considero-a é intragável a ponto de não me interessar tanto por sua trama. Ela vai ter sua redenção? Vai. E deve. Assim como faz sentido o argumento de que o Fabinho só tá causando pena e tá "na m****" porque perdeu o dinheiro do Plínio, dinheiro esse que o faria continuar aprontando. Mas, como vc disse, se a pessoa "prefere" Fabinho a Amora, é simplesmente por gosto pessoal e o meu diz isso.

E sim, eu mesmo disse que enquetes não querem dizer nada, mas como vc usou a enquete da Kogut que aponta mais aprovação a it girl pra mostrar que Amora não é tão rejeitada assim, eu me sinto à vontade pra usar a enquete do site oficial em que os pares românticos de Malu e Giane (Bento&Malu/Caio&Giane) têm mais preferência do público votante do que AmorEnto.

No fim das contas, Isabelle tá dando um verdadeiro show e, junto com a Fernanda (no meu caso), a Sophie e o Humberto, tem sido o maior destaque da fase atual de Sangue Bom. É mais simples do que se pensa, não sou tão agressivo assim. rsrsrsrs

Abçs!

Wander Veroni Maia disse...

Oi Sérgio!

O capítulo de hoje foi da Giane parando o casamento. Adorei a cena!

Torço para a Giane ficar com o Fabinho como um próximo passo para ela se descobrir, não de forma definitiva. Ela merece um cara melhor, mais maduro e resolvido.

Aliás, acredito que a Giane vai ensinar o Fabinho muita coisa sobre caráter e que a vida não é só luxo.

Mas o que eu torço mesmo é para a Amora cair do cavalo. Não vou com a cara dessa bisca. E me irrita o Bento pagando de cego, de apaixonado. As pessoas não mudam assim, só para agradar o outro na relação.

Antigamente eu torcia para a Giane ficar com o Bento pelo menos para ela desencantar, agora nem isso eu desejo mais. Ela merece coisa melhor. Um home cego desse do lado dela não vale a pena.

Antigamente eu também torcia pelo casal Bento e Malu. Mas, agora torço para a Malu ficar com o Mauricio.

Esse Bento é um atraso de vida. O elenco inteiro dá altas pistas para ele que a Amora não vale um centavo e ele faz de cego. Perdi a paciência!

O Bento virou o chato da novela, essa que é a verdade.

Ótimo artigo, Sérgio.

Abraço,

http://www.cafecomnoticias.com

A Viajante disse...

Que legal!! Adorei a postagem... ela é excelente, mesmo!!! Beijo

Celina Alves disse...

Não tenho acompanhado muito mas vi o crescimento da Giane e torço pra ela ficar com o Fabinho. A cena de ontem onde ela manda parar o casamento, foi bem legal.
BjoBjo;)
Celina Alves
Luxos e Luxos

eder ribeiro disse...

Sérgio, eu sou desinformado sobre televisão, tenho o seu blog como uma das fontes de informação. Não sabia q a Isabelle era a Emília do S.P.A, como lembro do bordão, é a treva, todos falam. Abçs e bom finde.

Francisca Baptista disse...

Puro talento, muito muito talento ne Sergio? Porque, fora isso, esse destaque foi quase tirado a forceps (nossa que palavra antiga), se dependesse dos autores e se fosse outra atriz, Giane nem existiria mais na novela.
Eu começei a acompanhar, de fato, a carreira da Isabelle somente a partir da adoravel Bianca (vi os Maias tb), nao lembro de nada do Sitio (tb nunca gostei de programas infantis) e confesso que me surpreendo a cada novo trabalho dela, o que a deixa mais apaixonante ainda. No começo achava que era prematuro ela voltar tao cedo, depois de um papel tao marcante como a Cida, mas ela voltou tao diferente e de uma maneira tao espetacular na composiçao da Giane que nao tenho mais duvidas sobre nada que ela possa vir a fazer. Ela é muito jovem, e que me consta, nao fez nenhuma escola, mas é muito sensivel, meticulosa nos detalhes das composiçoes, ela tem gestos,olhares e a maneira de se portar em cena, que sao de uma pessoa com muitos anos de profissao, nao vejo, hoje, muitas atrizes com essas preocupaçoes todas. A Giane, principalmente na 1ª fase, demonstrava bem isso. Leio com muito bons olhos ela declarar na revista Estilo uma coisa muito importante, pra uma atriz de 19 anos: “Nunca tive duvida do que queria. Escolhi a profissao de atriz e nao o meio artistico”. Num “meio” cheio de gente que “escolhe o meio artistico”, é muito bom saber disso, e ela passa isso tambem, que tem prazer e leva muito a serio o que faz.
Agora me explique: como ela consegue fica cada dia mais linda?
So falta ela fazer mais cinema, antes que a tv transforme ela num bagaço, colocando ela pra fazer uma novela atras da outra.
beijao

Carlos disse...

Já ta na hora de Isabelle Drumond e Humberto Carrao fazerem novela das 21 horas, tomara que nao demore muito

Sou o jhwz2011, meu nome é Carlos eu vou colocar a partir de agora

Anônimo disse...

Bom dia Sérgio

Acho que vai ser muito legal essa aproximação entre Fabinho e Giane. Eles vão dar o que falar. Bom assim fecha-se o ultimo casal de protagonistas de Sangue Bom. Pela última entrevista da Maria Adelaide dizendo que a Amora não irá se redimir, acredito que termina Bento/Malu, Amora ou com o Maurício ou sozinha, Fabinho/Giane. Não acredito mais que a Amora se redimirá e/ou ficará com o Bento no final.

Abraços

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Sérgio, também gostei da reviravolta da Giane, o que possibilitou a Isabelle mostrar mais nuances do seu talento. Ela convence como a nova it-girl, nas cenas de ajuda ao Fabinho, da amizade com Malu, e sempre sem perder a oportunidade de abrir os olhos do Bento para a verdadeira Amora.

Paty Michele disse...

Sabe que eu até curtia aquele jeitinho de moleque dela no início da novela?
Pode ser que ela esteja mesmo ganhando mais destaque, mas o papel acaba caindo na mesmice.
:/
E o romance com Fabinho eu tinha certeza que iria rolar...

Um bjo e um bom final de semana, Sérgio.

Francisca Baptista disse...

Concordo total com o Carlos sobre a Isabelle e o Carrão irem direto para novelas das 9 e com a Paty Michele que a Giane era muito mais desafiadora, como personagem, na 1a fase isso era.

Zilani Célia disse...

OI SERGIO!
NA VERDADE EU TENTO NÃO ME FOCAR MUITO EM NOVELAS, ESCOLHO UMA, QUE FOI O CASO DE "AMOR À VIDA" E AS OUTRAS SÓ DOU UMA OLHADINHA ESPORADICAMENTE, ENTÃO SÓ O QUE POSSO OPINAR É SOBRE O TALENTO DA ISABELLE, JÁ QUE A VI EM OUTROS TRABALHOS E CONSIDERO QUE ESTÁ CRESCENDO COMO ATRIZ E QUE A CURTO PRAZO SERÁ UMA DAS MELHORES.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Sissym Mascarenhas disse...

Olá Sergio,

Eu não tenho tempo para assistir esta novela, apenas relances. Esta atriz está cada vez mais crescendo profissionalmente.

Bjs

Barbie Californiana disse...

Essa menina é uma boa atriz mesmo, Sérgio, pena que parei de acompanhar a novela. beijinhos

Anônimo disse...

Boa atriz e tals, mas o meu maior problema com esse núcleo é a falta de uma trama boa. No começo parecia que ia ser uma novela character-driven, mas acabou não centrando tanto assim na evolução dos personagens, e tudo ficou básico demais. O texto em si é bom, mas os autores fracassaram no final das contas.

Thallys Bruno Almeida disse...

Errata: retiro o termo "rasa" escrito no meu comentário acima.

Neli Souza disse...

Oi,Sérgio,
Isabelle Drummond é daqueles talentos precoces e raros. Eu me lembro perfeitamente da menininha que fez a melhor das Emílias (foram três,não?) no fantástico Sítio do Pica-pau Amarelo.
E você tem razão quanto à Rosa do Cordel Encantado.Era mesmo uma personagem secundaríssima, muito aquém do talento e do carisma da atriz.
Depois, veio a explosão da Cida Cheia de Charme nas Empreguetes .Ali também a história dela cresceu do meio para o fim da novela, embora houvesse um relativo equilíbrio nas três trajetórias.
E agora, a Giane marrenta e autêntica de Sangue Bom.Ela é muito versátil.
Na contramão de muitos, acho que foi intencional dos autores o destaque da Giane neste momento , a um mês e pouco do final da trama.É um bom truque para manter em alta o nível de interesse na história.Um novo casal que se forma tendo como alicerce a redenção de um dos vilões.Bingo para os autores.
Só me decepcionou a vilanização extrema e irreversível da Amora.Fazendo um retrospecto,era previsível.A gente tem duas formas de conhecer um personagem:pelas suas ações - o que pode ficar contaminado pela empatia com o(a) intérprete.Ou, pelo que davam a conhecer sobre ele os demais personagens.E aí não há como negar,todas as vozes eram e são contra ela.Menos do Bento,por confusão de sentimentos e fôrça do amor cego ,até aqui.
Ou seja,foi uma escolha dos autores desde o início que se tratava,sim, de um produto da criação distorcida da Bárbara Ellen, de quem é inteiramente discípula e dependente.Uma pena.
Mas também é coerente,já que ela personifica o que eles pretendem criticar: o mundo de aparências,de futilidade,de 'expedientes'.O 'TER', oposto ao 'SER'.
Do sexteto de protagonistas,só mesmo o Maurício não mereceu dos autores uma história bem construída e,minimamente,interessante.Como o Vicente Villari declarou à Kogut que um casamento da Malu com o Maurício está fora de cogitação,suponho que ele não terá oportunidade de crescer.
Então,ao que parece,daqui até o final,a novela será mesmo da desconstrução do amor do Bento pela Amora e, inversamente, da construção do amor do Fabinho e da Giane.
Só nos resta embarcar.Mas continuo gostando muito de acompanhar Sangue Bom.
Bjs.

Patricia Galis disse...

Resumindo quem tem talento tem e essa ai foi agraciada, é um doce de menina tenho certeza que seu futuro será brilhante.

Sérgio Santos disse...

E a gente torcia pra isso, Lulu. Que bom que sem querer eu acabei prevendo isso. bj

Sérgio Santos disse...

Eu nunca disse que a Malu era rasa, Thallys, mas como vc se corrigiu, ok. Mas o resto eu considerava mesmo e não a suportava. Mas agora vejo uma Malu que eu queria desde o início, tanto que Fernanda cresceu com isso, inegável. Acho Giane e Amora bem mais complexas que Malu, mas ok.

Não disse que vc era incoerente porque ter mudado de ideia em relação ao casal Fabinho/Giane, só achei estranho porque vc amava o par com Caio e repetia mais de uma vez que não achava boa essa formação.

E odiar a Amora, sem problemas, fique à vontade. Gosto é gosto, empatia é empatia. Só me cansa quando leio argumentos dizendo que Fabinho é melhor que ela, pq isso não existe.

O fato do fanatismo da Giane por futebol ter sido deixado de lado prova que os autores não souberam conduzir a personagem como deveria, tanto que o destaque dela demorou e muito pra acontecer. É até estranho vê-la apagar tudo da memória. Mas, como disse no comentário de Amor à Vida, novelas excelentes podem cometer alguns deslizes.

Não sabia dessa enquete, mas pelo visto tá meio esquisita porque há uma imensa torcida por Giane e Fabinho e Caio tá longe de ser um dos tipos mais populares da novela. Mas sempre vi equiparação nas torcidas, tanto pró Amora e Bento, quanto Malu e Bento e Malu e Maurício. Só sei que os fãs de Caio e Giane podem jogar a toalha porque não tem mais jeito. abçs

Sérgio Santos disse...

Oi Wander, obrigado! Tô respondendo com atraso, então esse capítulo já é o de anteontem. rs

Também gostei da cena e, querendo ou não, Amora já está sofrendo pelo que fez com esse casamento e com o tratamento estúpido do Bento. Quando for desmascarada vai ter uma dura queda e todas suas fragilidades ficarão expostas o que será o caminho para uma redenção. Isso se os autores seguirem a sinopse e não se perderem, o que espero que não aconteça.

Sempre torci por Malu e Maurício, assim como por Giane e Fabinho e Amora e Bento. Querendo ou não, acabei tendo a 'sorte' de torcer pelos casais mais prováveis. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Obrigado, Ju. bj

Sérgio Santos disse...

Obrigado pelo comentário, Celina. bjs

Sérgio Santos disse...

Que bom, eder. rs abçssss

Sérgio Santos disse...

Muito talento mesmo, Francisca. E é verdade, esse destaque demorou demais. Cheguei até a achar que não viria mesmo. Mas que bom que veio. Ela tá impecável e a personagem é totalmente diferente e rica.

Não vi o Sítio também, mas vi algumas cenas dela lá. Já era talentosa. Mas a Bianca continua sendo o melhor papel dela até então. Até agora nenhuma outra deu a ela tanto destaque. Obrigado pelo comentário. bjs

Sérgio Santos disse...

Carlos, eles têm talento pra isso. Mas tudo no seu tempo. Virá com certeza. abçs

Sérgio Santos disse...

Oi Anônimo, não acredito que Amora não se redimirá. Só se os autores resolverem jogar no lixo mesmo toda a complexidade que criaram. MAA não disse isso, disse que se fosse se redimir seria uma redenção dúbia como ela. Mas vc já viu algum autor dizendo o final da sua novela? Eu nunca. Então ainda confio nisso.

Giane e Fabinho já estão dando o que falar. O casal é muito bom. abçsss

Sérgio Santos disse...

Exatamente, Elvira. Essa virada deu pra Isabelle a chance de mostrar do que é capaz. Já estava mais do que na hora. bjs

Sérgio Santos disse...

Eu também curtia, Paty. Mas ela só mudou o visual, o jeito continua o mesmo e a graça está justamente nisso. Não acho que tenha caído na mesmice. bjssss

Sérgio Santos disse...

Sim, Zilani, eu me lembro que vc falou isso. Tá focada só em Amor à Vida mesmo. E Sangue Bom não conquistou o público adulto, é mais adolescente msm. bjsss

Sérgio Santos disse...

Sissym, sem dúvida é um duplo crescimento! bjs

Sérgio Santos disse...

Ela é ótima, Barbie.bj

Sérgio Santos disse...

Anônimo, os autores fracassaram em relação ao ibope porque a trama´e mesmo um fracasso, mas eles acertaram e muito na criação da novela que é uma delícia. Mas respeito não gostar. abçs

Sérgio Santos disse...

Neli, eu nem sei quantas Emílias foram...

Mas Isabelle é um talento mesmo. Acho que o destaque demorou muito e desvalorizou a personagem. Porém, sem dúvida a Rosa de Cordel Encantado foi a pior da carreira dela. Era figurante do coadjuvante e tinha uma importância pífia.

Também acho que os autores exageram nas atitudes da Amora, principalmente na pichação do orfanato. Aquilo foi gratuito e ridículo. Aliás, li que ela vai forjar uma gravidez. Pra quê? Acho que a personagem foi muito bem conduzida, mas a dupla v~em deslizando nas últimas semanas. Espero que não estraguem tudo no fim como fizeram na reta final de Ti ti ti. Ainda tô confiante.

O Vincent descartou um casamento da Malu com Maurício, mas não descartou envolvimento. É diferente. Até porque todos são muito jovens pra casar, verdade seja dita.

Mas enfim, apesar do início fraco, estou amando a novela pelo menos até agora. Beijão!

Sérgio Santos disse...

Em suma é isso mesmo, Paty. bjs

Elisabete disse...

Esta novela começou a dar cá (na semana passada).
Bom domingo

Bia Hain disse...

Essa atriz é fantástica desde que despontou na telinha, adoro!

Thaís disse...

Giane é fascinante. Uma garota insegura que usa seus maneirismos "durões" e sarcasmo para se manter protegida. Apresenta a dupla de ouro que muitos bons personagens também possuem: é complexa e complexada. Foi muito bem articulada desde o começo, pois tem virtudes inegáveis (bondade, amizade, lealdade, sinceridade), porém também uma lista de defeitos (agressividade, rabugentice, impulsividade, ciúmes). Sua evolução rumo ao contato com sua feminilidade foi natural e crível. Em uma esfera pessoal, é provavelmente a personagem com a qual mais me identifiquei em novelas das sete. Giane é tão bem construída que não é difícil ver-se nela. Quem nunca teve fases (ou uma vida inteira) baseadas em auto-estima mínima? Quem nunca criou uma persona tão concreta como uma parede, de maneira que poucos conseguem ver através da máscara?

Exatamente por isso que nunca entendi a marginalização de Giane; sempre à sombra de Amora, Bento e Malu, aparecendo 20 segundos por capítulo e continuamente falando de Bento. Obtive a resposta ao ler uma entrevista com os autores; quando questionados sobre suas personagens, foram citados nomes como Bento, Malu, Irene, Plínio, Amora, Bárbara e Dámaris. Achei interessante que os três protagonistas apagados da listinha também eram os três menos favorecidos da trama como um todo. Ah bem.

Uma pena. Isabelle Drummond é dona de um talento incomparável à maior parte dos atores de sua geração. Suas cenas transbordam emoção; é impossível ficar apático à sua interpretação. Interessante mesmo é observar que, mesmo com as mudanças sofridas por Giane, ela ainda mantém o tom ácido na voz, o jeito forte e marrento de se expressar. Imagino como serão seus futuros papéis e espero continuar a ver sua versatilidade; imaginemos Isabelle como vilã!

Por falar em vilões, outro que merece todos os méritos é Humberto Carrão. Digo e repito que sua interpretação como Elano me fisgou por completo, mas foi Fabinho que consolidou seu talento a meus olhos. Ele está em seu melhor e mais profundo papel. Cada cena tem uma nuance diferente que me impede de desgrudar meus olhos.

Confesso que não tenho apoiado Giane e Fabinho desde o começo de Sangue Bom; como minha favorita sempre foi Giane, procurei um casal à altura de sua grandiosidade. Bento é provavelmente a criatura mais medíocre da novela inteira, sem nenhuma hipérbole; o quão vergonhoso é que eu prefira as cenas de Filipinho? Não é pela qualidade da atuação, obviamente: Marco Pigossi é talentoso e não tem culpa de seu papel ser insuportável. Caio não tem nem uma personalidade desenvolvida; não consigo encontrar adjetivação além de "bom moço" para entregar-lhe, e isto somente porque copiei as palavras de Silvério. Aprecio o desenvolvimento que ele infligiu em Giane e algumas cenas "bonitinhas" que dividiram, mas acabou por aí.

Giane e Fabinho têm um texto explosivo, que vem alternando momentos de profunda conexão com outros de implicância. Como não amar vê-los abraçados chorando juntos por um flash de suas infâncias? Como não sentir empatia por essa relação que vai crescendo a cada capítulo, tornando-se o que considero o melhor par de protagonistas de Sangue Bom? Finalmente, como não venerar a química absurda que existe entre Isabelle Drummond e Humberto Carrão? Cida e Elano que me desculpem, mas este é um casal de outro nível, tanto em uma esfera individual quanto conjunta.

Somente mais uma observação paralela: já posso morrer feliz depois da cena de Damáris e Lucindo ontem?

Lucas disse...

Boa noite Sérgio

Concordo com tudo que você disse da Isabelle. Ela é uma atriz talentosa e com futuro muito promissor. Com relação a novela em si, me sinto frustrado. Sinto que os autores estão perdendo a mão, na minha opinião, com a Amora e Bento.

Com relação a Amora, sinto que estão exagerando nas vilanias dela. Para você ter uma idéia do que ela ainda vai fazer: golpe da barriga, vai sabotar um brinquedo no Kim Park por vingança e vai ameaçar a irmã biológica e seus sobrinhos. Em síntese, acho isso tudo desproporcional com que foi apresentado até agora da personagem. A Amora nunca foi flor que se cheire, sendo que todas as vilanias dela tiveram algum propósito. Essas maldades que ela irá cometer não tem propósito nenhum. É uma pena pois ainda tinha esperança na redenção dela.

Com relação ao Bento, ele se tornou insuportável. Nem de longe é aquele personagem no inicio da novela que era seguro, confiante e boa gente sem ser pedante. Atualmente é um hipócrita, mala, mimado, etc. Ele perdeu o total encanto que tinha no inicio. Isento o Marco dessa culpa porque acho que o personagem está insuportável por falha dos autores. O Bento tinha tudo para ser o cara da novela.

Apesar de tudo isso espero que os autores não estraguem a novela no final. Se eles apresentarem um final a lá Ti Ti Ti como você citou, será extremamente decepcionante. Vamos ver no que isso vai dar rezar para que o final seja coerente com que foi apresentado pela novela até então.

Abraços

Sérgio Santos disse...

Bacana, Elisabete. Acho que vc irá gostar. bj

Sérgio Santos disse...

Concordo, Bia. bjss

Sérgio Santos disse...

Thaís, nem tenho mais o que acrescentar diante do seu comentário. Concordo com tudo o que foi dito. E quero ver mesmo Isabelle vivendo uma vilã!

Giane demorou muito para crescer na trama, o que foi uma pena. E o par com Caio era bonitinho mas só. Ele é um personagem sem história e ela merecia um papel mais interessante do lado. Fabinho sempre foi esse personagem. Via futuro no casal desde o início e desconfiava que dessas agressões gratuitas que eles tinham poderia surgir um sentimento mais forte. É um clichê das novelas, mas sempre bacana de se ver.

Humberto merece mesmo elogios e Fabinho é seu melhor papel até então.

E, sim, também torço por Lucindo com Damáris e acho praticamente impossível que eles não fiquem juntos no final. Bjssss

Sérgio Santos disse...

Olá Lucas! Isabelle merecia esse post e demorei pra fazê-lo porque esperei o momento certo, ou seja, o início do envolvimento dela com Fabinho e o crescimento da personagem.

Olha, eu só sabia da mentira da gravidez, não sabia desse resto que vc me contou. Decepcionante mesmo. Amora é uma personagem que foi brilhantemente construída pelos autores e está sendo maravilhosamente bem interpretada pela Sophie. Mas até o incêndio da Toca do Saci, suas atitudes era explicáveis (não justificáveis, sempre digo que não são sinônimos), mas a pichação do orfanato soou foçado e todos esses desdobramentos são bem ridículos.

Porém, creio na redenção porque eles não iriam inserir a irmã dela, vivida pela Andreia Horta, á toa. Tem que ter um propósito, colocá-la só por colocar seria bem idiota. E a trama só acaba em novembro.

Mas concordo que a dupla tem errado a mão em algumas situações. Sobre o Bento, eu sempre o achei um mala sem alça e pregador do bom-samaritanismo, mas o nível de chatice dele tem aumentado a cada dia. Fato. Marco tá ótimo mas o personagem é muito chato mesmo.

Sim, espero sinceramente que os autores não estraguem a novela como fizeram com da metade pro final de Ti ti ti. Mas ainda confio neles e espero não queimar a língua. Abraços.

Luma Rosa disse...

Oi, Sérgio!
Torcendo para o Fabio resolver suas questões de carência afetiva e mostrar que pode também ser um "sangue bom". Giane poderá ajudá-lo na sua trajetória ao passado para resgatar sentimentos bons e ter uma nova interpretação dos vínculos que se formaram naquela época. Eles também poderão se aliar para desmascarar a Amora, juntamente com a Malu - provado porque Giane se aproximou da ex-rival.
A Isabelle Drummond é pura simpatia e muito talentosa!
Boa semana!!
Beijus,

Sérgio Santos disse...

Com certeza vai acontecer, Luma. E a Isabelle é muito talentosa mesmo. Bjs e boa semana.

Francisca Baptista disse...

Oi Thais, amei seu comentario, concordo integralmente com ele. Quem nao se sentiu uma Giane ao longo da adolescencia? Perfeito!

Filha do Rei disse...

OIIII! Fico feliz com a trajetória da Isabelle, pois são poucas as atrizes ou atores que continuam com uma carreira de êxito desde pequena,a que me vem à memória é a Glória Pires .
Aplaudo a cada dia esta menina e espero que ela continue crescendo com graça e firmeza.
Tenha ótimos dias, Sérgio. Bjs

Sérgio Santos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sérgio Santos disse...

É verdade, Cléu. O talento dela é visível e cresce a cada trabalho. bjssss

léo.sensui disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
léo.sensui disse...

ela é uma excelente atriz e pessoa, sem dúvida. mas ainda precisa daquele carimbo de novela das 9.

uma coisa que venho reparando no figurino da giane é que parece que a intenção do figurinista é deixar o corpo dela BEM à amostra

Sérgio Santos disse...

Léo, obrigado pelo comentário. abçs

Vivi disse...

Eu concordo em número, gênero e grau!

Eu, sinceramente, só vejo a novela por causa da Giane e do Fabinho!
A Giane sempre foi a minha personagem favorita, mas eu morria de rir com a franqueza do Fabinho que dizia coisas muito certas apesar de ser grosseiro por vezes!

Até conjecturarem que os 2 poderiam formar um casal eu não conseguia vê-lo de forma nenhuma juntos. era de uma resistência só. mas quando comecei a vê-los interagindo, e vendo que a Giane seria a mudança na vida do Fabinho em todos os sentidos, eu "shipei" no casal de uma forma inenarrável! virei fã de carteirinha mesmo!

Assim, parabens Isabelle Drummond e Humberto Carrão por serem os protagonistas interessantes de VERDADE desta novela! sinceramente são os 2 personagens mais críveis da novela em minha opinião! mas todos do elenco estão de parabens e os personagens dos outros tb são bem montados!

PS: estou amando a mudança do Fabinho que está acontecendo de forma natural e não forçada, como se ele fosse virar um anjo! adoro as tiradas de Fabinho! e ele e a Giane se alfinetando são cenas hilárias e ao mesmo tempo empolgantes pela química do casal!

Vivi disse...

Confesso que gosto muito mesmo da novela apesar de achar algumas das muitas cenas desnecessárias, e chatas, mas sei que são necessárias!
Porem, o motivo principal de vê-la é devido a esse casal LINDO e FOFO d+!
É fato que os 2 são os que mais fazem sucesso, não desde o começo mas já há um booooooom tempo! Prova disso são os vídeos mais vistos no site da novela em que praticamente em todos os capítulos, há um tempão, que a Giane vem sempre figurando como o vídeo + visto. e eu acho que os editores colocam cenas do Fabinho e da Giane junto com as de outros personagens porque ficam com vergonha de admitirem que os 2 são sempre os + vistos. os outros atores devem ficar com invejinha, talvez!
Enfim, amo os 2 d+! não havia assistido Cheias de Charme, e é a 1ª vez que os vejo de fato em uma novela que eu acompanho, pq há um tempo que não as assisto pq acho mt repetitivas e chatas.
Parabens ao escritores por essa novela diferenciada e empolgante que me prendeu desde o começo!
AH, e por favor terminem a novela com a GIANE E O FABINHO JUNTOS, POR FAVOR! S2

léo.sensui disse...

detalhe que até o beijo dela com pareceu mto mais natural do que quando ela estava com o caio hehehe

Sérgio Santos disse...

Vivi, eu amo a novela como um todo. Acho Giane, Fabinho e Amora os protagonistas mais ricos e o trio está dando um show. Vou escreveu um texto sobre Gianec e Fabinho e acho que vc irá gostar. Eu sempre acreditei nesse romance desde o início e via muita lógica no envolvimento. E de fato aconteceu. A química é nítida e as cenas ótimas. Bjssss

Sérgio Santos disse...

Também percebi, Leo. rs abç