quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Paulo Betti e Alexandra Richter se repetem em "Malhação"

Infelizmente alguns atores acabam sendo 'vítimas' da repetição de papéis. Isso ocorre porque há autores que têm medo de sair do certo e partir para o 'duvidoso'. Afinal, se um determinado ator já deu certo interpretando um tipo 'X', por que não pode novamente repetir o êxito? O problema é que isso acaba prejudicando o profissional, que fica estigmatizado e algumas vezes tem seu talento questionado. E o caso do 'mais do mesmo' está podendo ser visto na fraca atual temporada de "Malhação".


Embora talentosos, Paulo Betti e Alexandra Richter ganharam papéis praticamente iguais ao últimos tipos vividos por eles. Paulo integrou recentemente o elenco de "Lado a Lado", interpretando um diretor teatral, que foi muito bem defendido por ele. Porém, seu personagem anterior ainda permanece vivo na memória do público; o Jonas, de "A Vida da Gente". O rico empresário que era casado com uma periguete muito mais nova, tinha desvios de caráter, um puxa-saco do lado e pouco se importava com os filhos, foi um dos personagens brilhantemente escritos pela autora Lícia Manzo. O ator se destacou na trama e ainda proporcionou bons momentos cômicos.

Ao observar Caetano, da história de Ana Maria e Patrícia Moretzsohn, o telespectador não consegue notar nenhuma diferença em comparação ao Jonas. O personagem também não é um poço de ética, é casado com Bernardete (Fernanda Souza), uma periguete burra, tem uma excelente condição financeira, não se
preocupa com suas filhas e vive com um bajulador do lado (Abelardo - Marcelo Laham). Ou seja, só o nome é diferente.

Já no caso de Alexandra Richter, a repetição é mais facilmente notada porque seu último trabalho foi em "Cheias de Charme", novela de grande sucesso que terminou mais recentemente, se comparada com "A Vida da Gente". E na trama protagonizada pelas empreguetes, a atriz interpretou Sônia Sarmento, uma dondoca rica, que vivia na aba do marido, tinha duas filhas de caráter duvidoso, era preconceituosa e humilhava Cida (Isabelle Drummond), espécie de filha adotiva que era tratada como escrava. Em "Malhação", a cópia não fica tão explícita quanto no caso de Paulo Betti.

Afinal, Maura não tem um marido rico para lhe sustentar, muito pelo contrário, tem uma vida de classe média. Porém, as demais situações ficam extremamente parecidas com as da sua personagem anterior. Ela também explora uma garota, no caso a sobrinha do interior (Zelândia - Flávia Rubim) ---- nesse caso, ao contrário de Cida, a garota é dissimulada ----, e tem um filho com sérios desvios de caráter (Sidney - Vitor Thiré). E vale ressaltar que na reta final de "Cheias de Charme", Sônia perdeu sua fortuna e passou a viver com dificuldades; ou seja, caso semelhante com o de Maura.

A atual temporada de "Malhação" não tem sido nem um pouco atrativa, uma vez que sua história é praticamente voltada para o público infantil e não adolescente. Mas tudo fica ainda pior quando se constata que dois ótimos atores, com novelas e peças teatrais no currículo, estão interpretando personagens já vividos em outras produções e que pouco têm a acrescentar à história.

Paulo Betti e Alexandra Richter acabaram dando vida a tipos que são meros clones de Jonas e Sônia. Infelizmente, a talentosa dupla ---- que já brilhou em vários trabalhos ---- não poderá mostrar outras facetas para o público, que terá que se contentar com o mais do mesmo. Com isso, todos perdem: atores, autoras e telespectadores.

30 comentários:

Luan Bruno disse...

Olá, Sérgio!

Olha, você escreveu sobre algo que eu estava falando essa semana.

Eu não sou muito de acompanhar "Malhação", mas como estou encantado por "Joia Rara", acabo ficando em frente a tv logo cedo e assistindo um pouquinho dessa novelinha. Então, acabei notando a mesma coisa que você, em relação a Paulo Betti e Alexandra Richter.

Seu texto tá ótimo, como sempre!

#ÓtimaSexta


eder ribeiro disse...

Pelo visto a novelinha tem mais contra do que pros. Abçs e bom finde, Sérgio.

Bell disse...

Malhação boa mesmo era as primeiras temporadas lá qdo começou.

tenha um ótimo fds =)

Felisberto Junior disse...

Olá!Bom dia
Sérgio
Bela análise... Eu, particularmente ,nunca assisti Malhação.A análise geral é que Malhação,atual temporada, tem poucos e alguns personagens bons e personagens com cheiro de mesmice igual à de P.Betti e Paula e a história em si não está prendendo ninguém.
Agradeço
Belos dias
Abraços

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Raramente assisto a esta temporada de Malhação, mas, pelo que pude acompanhar, tive a mesma impressão, Sérgio. Para mim, os melhores papeis do Paulo Betti foram em Força de um Desejo, A Indomada e Pedra sobre Pedra, e da Alexandra foram em Passione, Coração de Estudante e Cheias de Charme.

Maxxi disse...

Oi Sergio...


Mal assisto Malhação, e confesso que desde a temporada de 2007, ela não teve mais nada a oferecer ao público que se dispõe a agradar. É ruim saber que dois excelentes atores estão sendo desperdiçados nessa produção, quando poderiam estar brilhando em horários mais acessíveis ao público.

Sérgio, aproveitando o ensejo, gostaria de entender de acordo o seu entendimento, porque produções como Rebelde, que lidam com o mesmo público de Malhação, faz sucesso (inclusive nessa reexibição que o Sbt está promovendo) e a Malhação cada vez mais afunda, mesmo contando com histórias inéditas, diversos autores e diretores. Espero que responda o motivo desse fenômeno, o que Rebelde possui que agrada e Malhação deixa a desejar.

Adriana Helena disse...

Sérgio, muito boa tarde amigo!
Eu li com atenção todo o se post, sempre muito bem escrito e elaborado!
Só não posso emitir uma opinião por não acompanhar a novelinha Malhação!

Com certeza alguns atores se destacam em determinados tipos de papéis que acabam se repetindo em outros trabalhos! E isso não é favorável a eles! Gosto muito do Paulo Betti, é um excelente ator! Tomara que tenha mais sorte no próximo papel que fizer!!

Gostei muito do seu compartilhamento das notícias do show do Metallica pelo twitter amigo! Que show, nossa! Os veteranso roqueiros SÃO SURPREENDENTES!! :))

Beijos e um maravilhoso fim de semana!

Barbie Californiana disse...

Sérgio, eu só assistia malhação quando era mais novinha, depois perdeu a graça e pelo que parece a novelinha está mesmo sem graça. beijinhos e linda sexta-feira.

Anônimo disse...

Essa Malhação está ridícula! Saudades da temporada passada.

Carla P. disse...

Sérgio, o que a temporada passada teve de boa essa tem de idiota. Não há nada de interessante e os dois atores do seu texto ficaram com personagens iguais mesmo. Tá tudo muito ruim, nem vejo mais. Beijo.

Anônimo disse...

Ótimo artigo, também tenho percebido que os personagens dos dois em Malhação infelizmente lembram muito "Jonas" e "Sônia".

Concordo também com o fato dessa temporada estar muito fraca, quase insuportável pra falar a verdade. A única coisa que me atrai é a história da Micaela (Lais Pinho) e a Sofia, que tem sido muito bem interpretada pela promissora Hanna Romanazzi. De resto, achei o elenco (com exceção dos veteranos) muito mal escalado. O ator que faz o Ben atua tão mal que chega a dar dó, sem falar na Bianca Salgueiro (Anita). Ao meu ver ela começou a temporada bem, mesmo interpretando uma personagem tão chata, mas enfraqueceu no decorrer da novela e agora está muito forçada, sem um pingo de emoção, uma pena.

Resumindo: Fico muito triste em ver dois atores tão bons sendo desperdiçados em papéis tão repetitivos e insignificantes. Paulo Betti e Alexandra Richter mereciam papéis melhores, em uma novela melhor.

Abraços!

Anônimo disse...

Temporada ruim, atores ruins, autoras péssimas e talentos desaproveitados.

Sérgio Santos disse...

Muito obrigado, Luan! Abraços! =)

Sérgio Santos disse...

MUITO mais, Eder. abçs e bom fim de semana!

Sérgio Santos disse...

Discordo, Bell. Tiveram boas temporadas que foram exibidas recentemente. A de 2010 e 2012 são bons exemplos. bjssss

Sérgio Santos disse...

Nem chega a ser mesmice, Felis, é bobajada mesmo. A trama se tivesse escrito para crianças, ok, mas é pra adolescente. Aí não dá. Abçs

Sérgio Santos disse...

Elvira, eu também raramente assisto. Aliás, me arrisco dizer que essa temporada é praticamente 'inassistível'. Alexandra e Paulo foram muito bem nesses trabalhos citados por vc mesmo, além de outros também. Mas agora estão se repetindo e não têm culpa disso, é bom dizer. bjssss

Sérgio Santos disse...

Maxxi, discordo, acho que tivemos boas temporadas recentemente. A de 2010 foi ótima e a de 2012 excelente. Mas há fases fraquíssimas também, claro, como a de 2011 e a de agora.

Rebelde tem uma imensa legião de fãs mas o sucesso nem é tanto. Digo em relação aos números. Quando foi exibida anos atrás no SBT tinha bons índices mas nada de absurdo, assim como agora. E td bem que Malhação tá na Globo, mas o ibope, msm baixo, é maior que a da série mexicana. E quando a Record fez uma versão brasileira o resultado foi um fiasco. Tanto que cancelaram por causa da baixa audiência. Mas fã-clube e afins todas têm. Até mesmo essa temporada atual, que é péssima. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Sem problema, Adriana! Obrigado pelo carinho de sempre.

Ah, o show do Metallica foi excelente, né? Sou fã. E hoje o do Bon Jovi e NickelBack também foram geniais! Beijão!

Sérgio Santos disse...

Obrigado pelo comentário, Barbie. bjs

Sérgio Santos disse...

Saudades mesmo, anônimo.

Sérgio Santos disse...

Concordo com você, Carla. Infelizmente é verdade. bjs

Sérgio Santos disse...

A temporada tá insuportável mesmo, anônimo. Fica difícil de ver. A Micaela é a nerd, correto? Achei muito caricata a forma como abordaram o tema do bullying e nem cheguei a ver o desfecho. Hanna Romanazzi é excelente mesmo e é um dos poucos acertos, junto da Bruna Griphao.

E Alexandra e Paulo não estão sendo bem aproveitados e foram escalados para se repetirem. Pena. abraços.

Sérgio Santos disse...

Obrigado pelo comentário, anônimo.

Anônimo disse...

Essa temporada está bem fraca mesmo nas histórias tudo muito nada a ver nada prende de fato. A Ultima temporada que acompanhei foi em 2010. Nessa atual a atriz lais pinho está se destacando o único motivo para olhar as cenas dela depois no site da novela. Acho que mesmo tendo temporadas fracas a novela tem uma promessa de lançar na telinha um novo leque de atores por esse motivo que acho que se perdura por quase duas décadas.

Fábia disse...

Essa temporada está muito fraca, embora não tenha achado a passada maravilhosa como você, Sérgio. E é uma pena ver dois atores bons como esses se repetindo, ainda que não por culpa deles. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Anônimo, a temporada de 2010 foi excelente e lamento não ter visto desde o início. Foi muito boa e considero uma das melhores. Não me recordo da Laís Pinho, mas depois darei uma olhada pra lembrar.

Sim, apesar dos pesares, Malhação ainda é uma vitrine de talentos. Pena que a temporada passada teve seu êxito jogado fora com o início dessa.

Sérgio Santos disse...

Fábia, eu achei a temporada passada excelente e um retrato fiel do mundo adolescente. A atual é infantil, boba e com um elenco muito fraco. Pra piorar, os veteranos que eu citei estão interpretando papéis repetitivos. bjss

Anônimo disse...

Hoje eu vi o capítulo. Primeira vez e última. Personagens que parecem uns idiotas e história bobilda. Deprimente a Globo colocar um troço nesses no ar.

Sérgio Santos disse...

Obrigado pelo comentário, anônimo.