terça-feira, 18 de setembro de 2012

Avenida Brasil, fotos, tecnologia e furos

Neste espaço, "Avenida Brasil" só recebeu elogios desde que estreou. Não há um texto sequer onde críticas se fazem presentes em relação ao texto, trama, elenco, histórias, desenvolvimento, enfim... Será que finalmente chegou o dia em que os leitores encontrarão um post espinafrando o atual sucesso do horário nobre? Não, não será. Entretanto, não se pode ignorar os recentes acontecimentos da obra e muito menos sua repercussão nas redes sociais e na imprensa. Afinal, há furos ou situações totalmente absurdas na novela?


Na teledramaturgia sempre houve o que chamamos de licença poética. São situações que se desenvolvem de acordo com a lógica de uma novela, fugindo um pouco da realidade, mas que, no entanto, não afetam a qualidade da história e apenas a enriquecem. Em "Avenida Brasil", um exemplo desta 'licença' é Nina não ter contado nada sobre Carminha a Tufão por medo que ele se magoe. Claro que na 'vida real' qualquer pessoa já teria contado tudo e destruído a vilã e dane-se se ele sofreria, uma vez que é melhor sofrer agora do que ser enganado a vida toda. Porém, se a mocinha contasse tudo logo não haveria novela, não haveria conflitos e a trama acabaria em menos de três meses. Outro fato interessante é Begônia não ter tido a curiosidade de ver o que sua irmã tinha lhe entregue no tal envelope e, por isso, acabou não reconhecendo Max e se deixou seduzir por ele. Ainda há a dificuldade em se aceitar que ninguém da família do ex-jogador tenha percebido até hoje da cumplicidade de Max e Carminha. São casos clássicos de licenças poéticas e que não prejudicam em nada a condução da obra.

Mas alguns acontecimentos recentes aborreceram muitos telespectadores e desagradaram parte da crítica. A primeira situação foi Nina ter ido receber sua herança (um milhão de Reais) em dinheiro vivo. Que banco aceitaria fazer uma transação dessas? Aliás, ela não tem conta em banco? Em meio a violência que o país vive, que pessoa honesta sairia com uma bolsa recheada de notas? E para piorar, Nina ainda
sofreu um trauma na infância, onde o próprio pai foi assaltado na mesma situação da chamada 'saidinha de banco'. Só que naquele caso, alertado pela filha, Genésio se precaveu e usou papel no lugar do dinheiro. Foi um furo em "Avenida Brasil"? Sim, foi um furo em "Avenida Brasil". Subestimou a inteligência do público? Sim, subestimou.

Agora há outro fato que está gerando discussões, polêmicas e muitos debates entre os noveleiros e críticos. Afinal, há outro furo nesta situação das fotos roubadas? Aparentemente até há, mas analisando friamente não há motivos para tanta indignação. Em um mundo em que a tecnologia se faz presente na vida de qualquer ser humano, é impossível o telespectador assistir a mocinha revelando as fotos de Carminha e Max transando e não questionar: "Mas em que ano se passa essa novela?" Afinal, com a febre das câmeras digitais, quase todas as lojas que revelam fotos faliram, inclusive a famosa Kodak pediu à Justiça proteção contra falência em janeiro desse ano. Porém, é normal que Nina queira ter em mãos documentos que provassem o adultério da rival, até aí nada demais. O problema é vê-la sem salvar estas mesmas fotos em um arquivo no computador, pen drive, CD ou qualquer objeto tecnológico que seja. Aliás, no capítulo desta segunda-feira (17/09) o autor se mostrou preocupado com a veracidade da situação. Carminha, ao comprar as fotos de Valdo, viu um aparelhinho que parecia ser um pen drive. Ou seja, ponto para o João Emanuel Carneiro que mostrou ao telespectador que Nina não é tão avessa às modernidades quanto se pensava.

Porém, a câmera utilizada para fazer as fotos era digital, ou seja, tem uma memória e, ao que tudo indica, deve estar guardada em um banco. Em suma: não haveria motivo para que houvesse pânico com as aquisições da vilã. E daí que Begônia, Betânia e Débora perderam as preciosas provas? Bastava Nina ir até o banco, pegar a câmera e revelá-las novamente. Mas Carminha pegará o objeto antes que sua adversária se lembre de fazer isso. Aliás, se a vilã já tem o flagrante de Nina e Max na lancha, onde parece que ambos estão tendo um caso, por que ainda há a necessidade da compra das fotos? Não bastava chantagear a rival com isto? Estamos diante de outro furo em "Avenida Brasil"? Na verdade sim e não. Não dá para negar que estas situações acabam subestimando o telespectador, que se irrita ao ver Nina sendo tão óbvia nos esconderijos escolhidos e tão burra ao não salvar essas fotos em tudo quanto é lugar. Entretanto, sem este tipo de recurso, dificilmente seria possível criar uma reviravolta na novela e a trama iria acabar se arrastando sem novos acontecimentos.

Em suma, "Avenida Brasil" continua sendo uma novela bem desenvolvida, com grandes personagens, muito suspense, uma rica história e que conseguiu evitar a insuportável barriga, que se faz presente em grande parte das obras dramatúrgicas. Apesar de um ou outro furo (que, sim, se fazem presentes), será uma novela que deixará muitas saudades.


67 comentários:

✿ chica disse...

rsssss...Detalhes que pensamos na hora, depois nem damos bola.Seguimos olhando, esperando pra ver até onde vai.

Tem muito a acontecer por lá! Tomara não fiquem com muitas enrolações... abração,chica e um lindo dia!

Cecilia sfalsin disse...

Ei Sérgio.

Bom dia meu amigo..

Realmente como bem detalhado por você são furos impensados , sem lógica que em nossa realidade trataríamos como "burrice":), mas ao mesmo tempo acredito que o autor quis dar um movimento na novela, embora se não sair dessa rápido torna se chata mas ainda sim estou meio que ansiosa para o que esta por vir..Que ele saiba realmente montar este quebra cabeça com inteligência...:)..

Beijos

Fernando Oliveira disse...

Bom dia!
É um post que faz refletir e mostra que o público não engole qualquer coisa. Temos de analisar todos os pontos de vista, afinal somos um público inteligente e pensante, mas às vezes e em se tratando de "Avenida Brasil", temos de tolerar os "furos no roteiro", pois sem eles a trama não anda, fica amarrada.

Jefferson de Almeida Dutra disse...

Parece que tem outra Nina na novela, o que aconteceu com aquele Nina que cometia barbaridades, mentia, usava as pessoas e era inspirada na Flora, é essa Nina que tornava a novela interessante

paulo disse...

Independente dos absurdos todos citados vamos combinar que o auge da vingança da nina ser apenas umas fotos é meio bobo, né? Além do mais ela tem mil maneiras de pegar a Carminha e o Max no flagra, afinal a novela inteira sabe do envolvimento dos dois, menos aquela família "trapo" do tufão e o próprio. Será que em 100 capítulos morando dentro daquela casa a Nina não podia colocar um gravador escondido pra pegar as conversas dos dois, ou mesmo uma camera escondida? Não, ela preferiu ficar 100 capítulos cozinhando, lavando, passando, faxinando e fazendo massagem na Carminha. Realmente essa novela deixou muito a desejar, apesar de gostar do texto do JEC mas acho que ele tem muito que melhorar. E AB não é nenhum sucessão, tem um ibope bom pro horário mas longe de ser um arraso como foi Fina Estampa, que aliás era péssima. Acho que a empolgação do momento faz as pessoas ficarem forçando uma barra com as novelas, como no caso da Adriana Esteves que a meu ver tem uma interpretação bastante exagerada e caricata, cheia de caretas e afins. Abrçs.

Anônimo disse...

no caso do video que a carminha fez da nina, esse video não tem tanta importancia pra nina quanto as fotos tem pra carminha, são provas diferentes. O video que a Carminha fez foi algo forjado pra influenciar a familia depois, e que não faria diferença na vida da nina ja que ela nem trabalha na casa do tufão e ta procurando distancia dele.

Rita disse...

Olha tem certas coisas que só mesmo em novelas
Assisto com minha mãe que tem 81 anos
e ela fica falando....12 anos juntos
com Max fazendo toda essa pouca vergonha na Sauna e ninguém viu....
Concordo com ela e com vc nesses furos da novela que por mim já teria acabado, apesar de gostar dela.Mas quanto mais tempo passar a dona Carminha vai pegar todas as fotos e ai?????
Sei la vamos ver como fica o fim.
Tomara que não termine em pizza
Bjuss
Rita!!!!

Carlos disse...

Ai Sérgio, rsrsrs

Essa desculpa da novela acabar em 3 meses não cola. Se a Nina chegasse na casa e fosse colhendo provas e no "tal capítulo 100" ela jogasse tudo no ventilador, veríamos uma "outra novela" como aconteceu em A Favorita. Veríamos uma vilã tentando dar a volta por cima, o problema é que o JEC criou furos na estrutura da trama.

Pra começar, volto a perguntar: pq a vilã roubou no início da novela se ela NÃO é claptomaníaca? Vc poderia até responder que ela estava distraída, mas a reação dela, na cena, não foi dessa forma, principalmente quando ela chega e fala no final da cena, lá no elevador, que ela e a Nina agora tem um segredo.

O Jorginho ver a boneca próximo a cama, não é um "furo", mas já mostra a inocência do autor e, por tabela, da Nina. Quem, com sede de vingança, levaria o seu passado pra casa da inimiga? Só uma pessoa mto inocente ou muito burra.

Pulando alguns capítulos, chegando ao agora, essa desculpa da Nina de temer pelo Tufão, é ridículo. Ela tem carinho pelo cara e prefere que ele seja traído pela mulher que ela mais detesta e que ela vive dizendo que destruiu seu pai? Ter medo inicialmente, até vai, mas render isso em capítuloS é demais.

O pior é o tal DNA. A Nina poderia fazer teste com a Ágata (pra ver se ela é filha do Genésio, e as duas são irmãs), o Jorginho poderia fazer (pra ver se eles são irmãos), o Tufão tem a guarda dela e poderia obrigar a fazer um exame, a Carminha poderia ser obrigada pela justiça a fazer um exame... Traduzindo, tem várias maneiras de se descobrir, mas aí entra onde falei em outros coments: as tramas dessa novela, são tratadas de uma forma muito raza. Os personagens entram em contradição a todo instante só pra "safar" a vilã. O ser humano entra sim em contradição, mas os mocinhos se tornam bobos e burros apenas pra dar tempo a novela e a vilã, e é isso que eu reclamo. Glamourizam os vilões só pra poderem tê-los entre "Os maiores vilões da teledramaturgia".

Gosto desses debates tbm Sérgio, mas detesto ficar falando mal do programa de uma outra pessoa. A minha revolta só é grande pq eu de fato acreditava nessa novela, até pelo autor, mas ao ver a trama em si. Acho a Adriana uma boa atriz, mas, por mais que ela fique marcada pela Carminha e receba prêmios por ela, não acho que ela esteja excelente, muito pelo contrário. A única forma que a atriz consegue demonstrar fúria é gritando ou sibilando (o tal som de cobra que ela faz). Mas como ela é vilã, e só se dá bem, acaba ofuscando quem está trabalhando um pouco melhor: Débora. Sim, digo um pouco pqs cenas pré e pós cova foram mto boas (a encenação corporal dela estava ótimo), entretanto a diferença de expressão dela com os vilões e com os mocinhos não tinha uma diferença mto grande, não tinha um olhar diferenciado.

Ignoro os furos dos outros núcleos pq sinceramente, são furos pequenos de lógica dos personagens mesmo, tipo o Leleco ser inteligente quando convém (ao autor) e bobo quando é pra ter graça na trama. Isso pq estou falando só do Leleco.

Concordo que fazer novela e enrolar durante meses é difícil. Concordo que tem que ter uma licença poética e tudo mais, mas me desculpe, não querendo comparar de novo (pq Fina Estampa foi uma MER..), mas perdoas as licenças do JEC é o mesmo que perdoar as licenças do Aguinaldo. Ambas as tramas tem furos e incoerências. Agora chega, pq NÃO quero ficar levantando moral do Aguinaldo kkkkk.

Abraço.

Rafael Barbosa dos Santos disse...

Para mim a vingança da Nina perdeu um pouco da força, afinal ela só conseguiu tirar Carminha da mansão, e já se deu por satisfeita, mesmo Carminha continuando a ir enganar toda a família, e mesmo ela ainda ficando com uma gorda pensão. Também não engulo muito á desculpa de não querer ver Tufão sofrer, se fosse á mesma Nina disposta a tudo por vingança, ela teria ido até o fim. Quanto a estes furos, de tecnologia, fotos e tal, são meio surreais mesmo, já não me incomoda tanto, porque é novela né, acho necessário para trama. Bem mais independente de qualquer coisa Avenida é maravilhosa, e acho que JEC soube desenvolver bem á novela, com muita criatividade, o que prendeu nossa atenção. E a reta final promete grandes momentos.

http://brincdeescrever.blogspot.com.br/

Giselle disse...

É tudo culpa Nina!!! kkkk. Confesso que não acompanha mais Avenida Brasil, a vingança desgastante, uma protagonista chata, e tramas paralelas fracas, fizerem eu perder o gosto pela novela que começou tão bem. Os furos presentes no texto do João, nessa fase de Avenida Brasil, realmente, apesar de ser ficcão, tornam inverosímel e prejudica ainda mais a novela, que ainda tem mais um mês pela frente. E vai terminar com uma audiência inferior as outras novelas escritas pelo JEC. Na minha opinião AvBr, tá enrolação pura!

Marco Paulo disse...

Avenida Brasil tá insuportável! Essa história das fotos tá mais que enrolada, fora que tem um monte de personagens que estão bem chatos, "vejo uma barriga já visível." Vai ser mais uma novela das 21hs, que vai terminar sem atingir a meta de 40 pontos.

VERINHA disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
VERINHA disse...

Olá Sergio tudo bem?
Sabe que deixei de assistir esta novela, ela estava acabando com meus nervos,kkkkkkk, bem por todos estes fatos, está muito enrolada esta trama, não acontece nada de extraordinário. Não me conformo do Jorginho não contar nada para o Tufão.
Só tomara que o fim desta novela valha a pena tantas unhas roidas,kkkk
Muito bom você tocar neste assunto.
Dias de muitas novidades.Beijinhos.

Anônimo disse...

Estou vendo "Cambalacho" no novelão da semana e comparando com as novelas atuais dá até raiva: novelas boas eram as dos anos 80, as de hoje nem me arrisco.

Mila disse...

Realmente estes furos acontecem em novelas e vejo como sera dificil a vida dos autores de novela daqui pra diante. O público cobra muito, ás vezes com razão, mas também só pra ter algo pra criticar. Se formos ver a maior parte, se não todos, os filmes de Hollywood tem coisas que a gente vê que só acontece em filme mesmo, ou seja deixa passar a situação e esquece. Eu acho que temos que esperar o fim da Avenida Brasil pra fazermos um balanço do que realmente foi bom ou foi ruim, até lá muitas coisas podem acontecer, quem sabe não tem mais segredos envolvendo nestas fotos, que estão guardados mais pro final? Só saberemos depois..mas uma coisa é certa não existe novela perfeita, e não adianta o pessoal vir com esta história que antigamente as novelas eram melhores que é mentira em certa parte. Eu duvido que novelas que fizeram o maior sucesso anos atrás fariam o mesmo sucesso se fossem feitas hoje. Lembro de A Indomada que foi um big sucesso, mas tinha uma cena que o prefeito achava uma buraco que dava até a China. Vê se isso daria certo hoje? Nunca...

Kellen Bittencourt disse...

Oii amigo, olha ando meio decepcionada com esses furos viu, são mirins demais p o meu gosto, essa do dinheiro foi de doer, e essas fotos agora sendo roubadas pela carminha com tanta facilidade e a nina não ter um outro meio de guarda-las tbém é de doer, fora o Tufão Bobão que não descobre nada nunda, a neimmmm tá é me cansando, acho que o autor está caindo de Brilhante para mais um! ProntoFalei! rsrsr Abraçossssss

Dandara Blue disse...

Sérgio,

Sou suspeita para julgar pois gosto tanto de Avenida Brasil que minha visão fica prejudicada. Mesmo sendo parcial, e admito que sou, não consigo considerar estes "furos" significantes diante da trama e da qualidade colossal deste texto. Em nada afetaram o desenvolvimento da narrativa e a credibilidade da história. Vejo uma verdadeira "caça as bruxas" acontecendo a cada cena, e não estou me referindo à você, que é um fiel admirador da novela e um crítico competente, mas me chama a atenção o quanto um detalhe toma vulto, quando se trata de Avenida Brasil. É o caso, por exemplo, de quando Begonia ficou com Max. Quase lincharam o autor, afinal ela teria que tê-lo reconhecido pelas fotos (que ela nunca olhou). Toda obra, seja ela literária, cinematográfica, teatral, o que for se permite determinados rompantes na realidade. Continuo achando qque os que Avenida Brasil apresentou até aqui, sequer foram rompantes. Foram exatamente o que você denota - detalhes. E como tal, não comprometeram. Enfim, a novela divide opiniões e isso faz parte do show, temos que respeitar. De minha parte, continuo aplaudindo cada capítulo,e em pé, convencida que estamos diante de um trabalho excepcional (e raro)na teledramaturgia, no qual autor, elenco e direção merecem os parabéns. Um beijo,Dandara

Cla disse...

Ahh novela é muito engraçado.
Tem situações que não se pode entender, coisas tão óbvias na vida real, mas que diante da tela nos trata como ignorantes. Realmente toda trama tem furo, mas não precisa subestimar aqueles que a assistem. Em relação ao conteúdo geral, a novela dá um show a parte, com clímax constante deixando as pessoas atentas a cada movimento dos personagens.
Vai deixar saudade mesmo, já vejo algumas pessoas desejando um Carminha em sua vida rsrsrs

Beijos Sérgio.

EDER RIBEIRO disse...

Sergio, nenhuma trama duraria se seguisse a lógica. Abçs.

Paty Michele disse...

Eu me lembro bem que ela levou um cartão de memória pra imprimir as tais fotos. Agora onde foi parar esse tal cartão???

Tô aqui assistindo e vendo tudo rolar!
kkkkkkkkkkkk

bjo, Sérgio.

Maria Lúcia Marangon disse...

Oi, Sérgio!
Eu parei de ver a novela exatamente porque odeio que subestimem a minha inteligência. rsrs
Beijos!

Gabriel pires disse...

Esse jec , t contar!! Se as mentiras da novela fossem menos, como dizer, exageradamente ridículas, a novela seria melhor...
Ultimamente tô assistindo só pra ver se ele ( jec) corrige esses erros ridículos e a novela vai pra frente!
Avenida Brasil tinha um potencial bom pacas mas deu uma caída linda por esses erros!

Fabio Dias disse...

É escrever uma novela de quase 200 capítulos na atual era, com tanta tecnologia, não é uma tarefa nada fácil!

Mesmo com esses furos, Avenida Brasil é simplesmente incrívelllllllll!
Que capítulo foi o de hoje?

João Emanuel Carneiro, te perdoo por todos os furos!!

Esperei quase 4 anos por Avenida Brasil, e VALEU A PENA!!

Gabriel pires gabevpires twitter disse...

Mas isso nao eh novela de época... E eu sei q o Brasil é um país de 3o mundo, mas existe internet....
Pelo visto nem falar pra tufão q carminha e Max são amantes faz uns 12 anos -incrível como ninguém sabe até hj- e q jorginho e ágata são filhos deles, é tão importante qt copias de foto, pq só foto prova a verdade.... Na moral, jec esculhambou a novela q tinha o potencial de ser muito boa

Anônimo disse...

Basta o jorginho fazer um exame de DNA e tá comprovada a traição de Carminha e Max. Precisa de foto pra isso? Essa novela se passa em que decada?

Sérgio Santos disse...

Oi chica, obrigado pelo comentário. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Cecília, é exatamente isso. A novela precisa se desenvolver e o autor acabou optando por esse caminho para dar reviravoltas. E o capítulo de hoje foi sensacional. Valeu a pena. Beijo!

Sérgio Santos disse...

Oi Fernando, boa noite. Pois é, se não tolerarmos certas coisas a história acaba ficando amarrada mesmo, mas o que eu acho inadmissível foi o fato da Nina sair do banco com aquela dinheirama toda. Aquilo forçou muito! Abração!

Sérgio Santos disse...

Oi Jefferson, gostei do seu comentário. Também preferia aquela Nina, mas também gosto dessa, embora, claro, a burrice em relação às fotos irrite qualquer ser humano! rs Abraços!

Milene Lima disse...

Pois é, esse papo de que se o povo todo soubesse a verdade acabaria a novela, não cola, porque em A Favorita soube-se cedo que a Flora era a vilã e ainda assim muitas coisas aconteceram.

Também esperava mais de Avenida Brasil. Há dias não vejo.

Beijo, Sérgio.

Sérgio Santos disse...

Oi Paulo, olha a novela é um sucesso, sim, mas realmente Fina Estampa (por enquanto) deu mais audiência. Ainda assim a diferença entre as duas é mínima (menos de 1 ponto) e talvez Avenida Brasil até empate ou supere até a reta final, vamos ver.

Eu sou fã dessa novela e do texto, no caso do gravador, incluo como licença poética e não como furo. Ela entra na casa, grava a primeira conversa e fim. Acabou novela. Aí não pode.

Sobre as fotos é que houve muita controvérsia e indignação do público, com razão, diga-se... Mas vejo Nina como uma mulher obstinada, mas que quando chegou na hora agá ficou sem saber como agir e meteu os pés pelas mãos.

Acho a interpretação da Adriana fantástica. Abraços.

Sérgio Santos disse...

"Anônimo", olhando por esse lado você tem razão. Carminha tem mais a perder que Nina. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Oi Rita, não acredito que termine em pizza, não. Confio no autor e até hoje não me decepcionei com as novelas dele. Beijos e obrigado pelo comentário.

Sérgio Santos disse...

Carlos, sabia que esse post iria mexer com você! rs Concordo sobre o roubo da Carminha e realmente ficou muito mal explicado porque diabos ela roubou aquela peça lá. É um furo, sem dúvida.

Mas Nina não quer contar para Tufão (ok, é forçado mesmo) mas porque ela já havia conseguido 'tirar Carminha da mansão', ou seja ele já tinha se livrado dela, mas sem saber de tudo.

Olha, eu te peço, se for possível, para você assistir à cena em que Nilo deixa Débora em pânico que foi ao ar hoje. Aliás, o capítulo dessa terça foi espetacular e vc deveria ver pelo menos um trecho. Valeu muito a pena.

Fina Estampa não tinha furo, tinha um festival de equívocos. História, elenco, personagens, tudo... Era uma vergonha assistir qualquer cena daquela coisa. Perdoo esse furos de Av Brasil porque acho o nível da novela altíssimo. Mas entendo os seus argumentos. Abração!

Sérgio Santos disse...

Oi Rafael, é isso aí. Nina ter se contentado em expulsar Carminha foi frustrante mesmo e as fotos acabam irritando o telespectador, mas o saldo geral é muito positivo. E você acertou porque o capítulo de hoje foi genial! Vimos e comentamos no Twitter, inclusive. Abração.

Sérgio Santos disse...

Oi Giselle, obrigado pelo comentário. Porém, discordo que Nina seja chata e que a trama esteja enrolando. Av Brasil consegue atrair e prender o telespectador pela quantidade de cenas tensas e ganchos excelentes. Mas respeito sua opinião. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Marco Paulo, obrigado pelo comentário. Não acho que Avenida Brasil tenha barriga, mas respeito sua opinião. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Oi Verinha, obrigado pelo comentário. Tudo indo e você? Pois então eu digo com toda a tranquilidade que você perdeu um grande capítulo nessa terça-feira. Foi muito legal! Beijos!

Sérgio Santos disse...

"Anônimo", esse quadro do Vídeo Show foi uma grande ideia do programa. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Oi Mila, é exatamente isso. Nos filmes as pessoas são muito mais tolerantes do que em novelas. Em longa-metragens pode acontecer um festival de absurdos que tá tudo bem.

Concordo também que as novelas antigas não eram tão extraordinárias assim. Tinha tramas boas e ruins, como hoje. Fracassos e sucessos, criticadas e elogiadas... Simples assim. Muito bom seu comentário. Beijos e obrigado!

Sérgio Santos disse...

Oi Kellen, pode falar! Sempre! O que me incomodou MUITO foi a cena do dinheiro. Aquilo foi dose mesmo, as fotos também me perturbaram, embora um pouco menos ao ver o pen drive com o Valdo. Enfim, continuo amando a novela. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Dandara, obrigado. Eu acho que a cena do roubo acabou sendo um furo muito grande, ainda mais com Nina tendo sofrido um trauma tão grande no passado. Por isso achei necessário escrever esse texto falando dos furos e das polêmicas atuais. Também acho que elenco, direção, texto e autor estão de parabéns. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Clarice, pois é, com furos ou sem furos, é fato que Avenida Brasil marcou e foi uma revolução no horário. Há tempos não víamos uma novela tão comentada quanto esta. Deixará saudades. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Eder, é verdade, por isso que as licenças poéticas são permitidas e aceitas. Só não podem subestimar a nossa inteligência. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Oi Paty, bem o celular com as fotos foi jogado no mar pelo Max e o chip estavam no banco, que acabou parando nas mãos do Valdo.

É claro que Nina deveria pegar só umas fotos e deixar o restante no banco, né? Mas foi burra mais uma vez... Foi bom o capítulo hoje, hein? Beijos!!!!

Sérgio Santos disse...

Oi Maria, saudades! Ah, eu continuo gostando muito da trama! rs Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Gabriel, obrigado pelo comentário. Acho o João um grande autor e acho que teremos um ótimo final na novela. Vamos ver. Abraços.

Sérgio Santos disse...

"Anônimo", pois é, um exame resolve os problemas mesmo e até o simples fato da Nina contar tudo. Óbvio que fará com que todos desconfiem e procurem apurar os fatos, mas enfim é novela... Abraços.

Sérgio Santos disse...

Oi Milene, mas o exemplo dado por você é diferente. Em A Favorita, o público foi enganado ao mesmo tempo que os personagens, ou seja, nós estávamos dentro da novela, então se descobríssemos que Flora era a vilã não poderíamos 'entrar' na trama pra contar tudo para os outros. Tanto que a Dona Irene (Glória Meneses), por exemplo, e Lara (Mariana Ximenes) só foram descobrir que Flora era uma peste já indo pra reta final da novela. Beijos e obrigado pelo comentário! =)

Sérgio Santos disse...

Oi Fabio, não é fácil mesmo. E o capítulo de terça foi SENSACIONAL! Muito bom mesmo! Abração!

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Você fez uma boa análise, Sérgio. Mas o fato é que essas incoerências na trama me fizeram desanimar um pouco. Afinal, Nina sempre foi esperta - até parecia ter aprendido vários truques de uma verdadeira policial, como quando fotografou o casal de amantes de cima do telhado da casa. Ultimamente, parece que Nina se tornou ingênua e até simplória. Ela subestimou o poder de fogo da Carminha, achando que o jogo já estava ganho, apesar das advertências da Lucinda.
Nina deveria ter mostrado logo as fotos ao Tufão (não acredito que ele seria tão frágil a ponto de não suportar a verdade), fazer uma transferência bancária, colocar as fotos em equipamentos tecnológicos seguros (evitando, com isso, colocar a vida dos amigos em perigo), não buscar as últimas fotos no banco. Ela parece ter trocado a razão pela emoção, erro fatal numa situação como a dela.
Agora, o capítulo de ontem foi sensacional, com as cenas de terror psicológico do Nilo sobre Débora, o roubo das fotos pelo Valdo, o roubo do dinheiro do Max pela Carminha ("ladrão que rouba ladrão tem cem anos de perdão"?) e o "gancho" final, com ela revelando ao Tufão que Nina é Rita. Temperadas com cenas divertidas das mulheres do Cadinho no leilão e da Tessália defendendo o Darkson das agressões do Leleco.
Reconheço que é difícil para qualquer autor manter o suspense e a alta qualidade do começo ao fim, daí, minha preferência por minisséries. Mesmo assim, espero uma reviravolta convincente na trama e me delicio com algumas situações e atuações.

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

PS. Desde o início, achei muito difícil de acreditar que Tufão e Ivana sejam tão ingênuos que não perceberam o romance de Carminha e Max, nesses anos todos.
E, agora, Leleco e Muricy terem a recaída, presenciada por quase todos os membros da família, menos pelo Adauto. Ontem, não entendi por que Janaína se esforçou para evitar o flagrante do casal pelo rapaz.

Sissym disse...

Óhhhh Sergio... embora reconheça as excelentes interpretações de alguns personagens, esta novela já cansou minha beleza. Desisti. As minhas vizinhas tambem não suportam mais. Ouço comentários negativos em muitoslugares, tipo em salão de beleza. O motivo é enrolação demais, tornou-se cansativa, uma picuinha de vingança sem fim, cansa... aliás, mata as grandes viradas que já poderiam levar a conclusão ali.

Eu falo mais uma vez que as novelas deveriam mudar e passarem a ser mais curtas. Seriam mais interessantes, haveriam menos embromações e tambem daria mais oportunidades a atores parados.

Eu vejo entrar e sair novela com as mesmas caras. Opa, não estava na ultima?! Como se contasse nos dedos quantos artistas existem.

Viu?! Critiquei a novela!

Beijos

Carlos disse...

Maas digo APÓS a Carminha ter voltado, pq ela não contou? Rsrs.

Sérgio, gostaria mto de dar outra chance a essa novela. Não sei se comentei aqui lá no início, mas em outros blogs chegava a elogiar demais essa novela, vício diário e ai daquele que falasse mal (como disseram, passamos 4 anos de bobagens e o TOP foi FE). Mas aí, foram tendo cenas (como a do roubo) que me fizeram ficar com um pé atrás, mas que nem liguei, pq acreditei que no futuro ele falaria e pq tbm, alguns furos dão pra tolerar (filmes, séries tem furos pq novela não pode ter? Ainda por ser uma dramaturgia feita "às pressas"). O problema é que essa novela está tendo erros primários. Na vdd, eu vejo essa indignação das pessoas meio que "fulando disse, então vou dizer tbm". Tem gente que nem vê, mas reclama. Eu só reclamo pq vejo algumas coisas (no momento vejo mais nada, tenho evitado inclusive sites de fofoca), mas infelizmente essas notícias estão se confirmando.

Volto a dizer, ibope pra mim é o de menos, só usei uma vez pra te irritar hihihi (como o Nilo kkkk). FE tinha audiência boa e não era sucessão, como foi o início de AB (pq por mais que ela seja citada no twitter, já não é da mesma forma como antes, com elogios e tudo mais). Acho que o importante em uma novela, série e qualquer outro formato é ter um bom texto, uma boa direção, maquiagem, figurino,... Essa novela, pra mim, tem pecado justamente nos pontos cruciais: texto e interpretação. Resumiria dizendo que ambas tem muito exagero.

Não vi essa cena do Nilo e de verdade, após aquela cena do enterro, nem tenho curiosidade de ver, principalmente se formos analisar que tudo é mto fácil para os vilões. Nilo não deve ter sido perturbado por nenhum segurança do "circo" onde a Débora trabalha, assim como o Max tbm teve problema nenhum em entrar, e sair, de um ap de Copacabana. Até nisso ouso fazer uma comparação com a INFELIZ FE (adoro destacar negativamente essa novela ahaihauhauha). Por mais que Tereza C. tenha se dado bem no final, durante a novela a maioria dos planos foram fracassados. Em AB, todos os planos da Carminha dão certo. Carminha é uma gênia que percebe (e sabe) quantas pessoas tem as fotos, quem são elas, onde as cópias estão... Se for assim temos outro furo: como ela não percebeu que Nina era Rita se ela sabe de tudo? Rsrsrs. Mas tenho que confessar que a Flora tbm tinha disso, de sacar as coisas, mas lá as situações aconteciam mais cautelosas, e não dessa forma brusca de, do nada, Carminha perceber.

Mas volto a colocar a culpa no público. Mtos tbm não sabem assistir novela. A glamourização das vilãs não venha apenas do autor, mas dos telespectadores tbm (caso o contrário, hj em dia, ninguém acharia as tramas do Maneco um saco, embora paradas). O que li de telespectador falando que Carminha "jamais seria enganada por tanto tempo"... Lógico, estamos assistindo, pra nós é fácil ver que a Nina não era boazinha. Não são todos que conseguem colocar-se na posição dos personagens. E antes que vc fale que o Tufão entraria nesse caso, venho dizer que eles gritam, se pegam (e deixam no ar que são "afastados"), mas não são flagrados, ninguém suspeita que somem a anos ao mesmo tempo. A mulher maltrata a filha, grita com as empregadas e mesmo assim é uma santa pra ele? Tem mta contradição, por isso não assisto, e nem pretendo assistir a próxima, esperarei pelo retorno do JEC que, creio eu, terá aprendido com os erros de AF e de AB.

Abraço

Carlos disse...

Já ia me esquecendo, concordo com a Elvira, ele não seria tão frágil até pq ele já tinha perdido a confiança com a Carminha (tanto que foi aí que começou a rolar a paixonite pela Nina) e essa fragilidade na relação deles foi vista por TODOS.

E outra, antes que digam que o cara roubou dinheiro, chip, pendrive, que seja, a Nina descobriu a Carminha através de sites, ou seja, usando um COMPUTADOR. Conheceu a Ivana em um CHAT. Seria tão difícil pra Nina usar a tecnologia novamente? Pior que eu li um defensor da novela, dizendo que "só a internet é mais fácil para o telespectador entender, já ultizar email, nuvem seria complicado"... Sim, eu li uma defesa desse nível hehehe.

Mesmo que o JEC venha com uma resposta para isso, não teria pq a Nina ficar desesperada, por exemplo. Ele pode até tentar encaixar, mas o furo permanecerá.

Agora sim, abraço.

Sérgio Santos disse...

Oi Elvira, você tem razão! Realmente Nina passou da condição de esperta para ingênua e burra. As fotos e o dinheiro foram bem forçados e não tinha como deixar passar essas situações sem que eu escrevesse sobre.

Sobre a não percepção das pessoas na mansão para com Carminha e Max eu já acho que faz parte da licença poética mesmo e é até tolerável. Sobre a Janaína, também não entendi, mas acho que como ela é medrosa acabou temendo que houvesse mais um barraco. Mas que o capítulo de terça foi sensacional, ah isso foi! Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Sissym, também acho que as novelas deveriam ser mais curtas e todos sairiam beneficiados com isso, mas a emissora precisa querer. Beijos e obrigado pelo comentário! =)

Sérgio Santos disse...

Carlos, isso é verdade. Tem muita gente que nem vê a novela e reclama só pra falar mal mesmo. Aliás, tem comentários que falam sobre a 'manipulação da Globo' e coisas afins como se isso tivesse alguma coisa a ver com a novela.

Olha, não acho que tivemos 4 anos de bobagens porque adorei Passione, do Silvio de Abreu. Claro, tinha seus erros também, mas foi uma grande novela.

Esse comentário aí da nuvem é puxado mesmo. rs Mas eu entendo seus argumentos, embora ame a novela. Abração!

Carlos disse...

Pior que tem muitos levando em consideração isso, de que "os avós, as crianças, o piriquito e o papagaio não entenderiam se fosse utilizada a nossa tecnologia". Agora imagine se fossemos pensar dessa forma, não apenas para AB mas para a dramaturgia mundial? Tá certo que novela é para um público amplo, mas não é por causa disso que tem que ser rebaixada pra fazer com que o ser mais ignorante a entenda, ainda mais se formos considerar que uma das coisas que mais diziam era que AB era uma novela inteligente.

Li um agora a pouco que falou que a mocinha é cheia de rompantes (se bobear vc ja leu esse tbm kkkk).

Enquanto isso vou me divertindo com os coments contra (alguns sem base, já que não veem a novela) e os a favor (que tentam convencer a eles mesmos de que a novela é perfeitississíssima).

Obs.:Foi difícil achar a sílaba tônica nessa palavra, repeti a palavra três vezes kkkkkkk

Abraço.

Gabriel pires disse...

Pessoal, eu acho q a maioria dos telespeck como eu, só estão vendo a novela agora pra ver se alguma coisa q faz sentido aconteça ... Eu acho q leleco vai acabar "salvando" a família otária....

Sérgio Santos disse...

Oi Carlos, sim, li tudo isso que você citou hoje. Também não concordo que esse argumento que a novela tem que agir dessa forma porque caso contrário muitos não entenderiam. Claro que entenderiam, isso não é desculpa, vejo uma falha mesmo do autor nesse ponto. Até porque mesmo que Nina tivesse salvo em um e-mail, a Carminha poderia contratar um hacker para instalar um vírus no computador e apagar as fotos, ou seja, seria uma saída para ela triunfar da mesma forma.

Ou então ela poderia salvar as fotos em vários CDs e distribuí-los da mesma forma que fez com as fotos, ou seja, daria na mesma e ficaria mais plausível. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Oi Gabriel, não sei se o Leleco vai salvar, mas ajudar eu já li que vai mesmo. Abraços e obrigado pelo comentário.

Vanessa disse...

Sérgio,
Sei que você é um grande admirador de "AVBR", mas eu cansei há um tempo da trama. Antes, se perdia um cap, corria para o site para ver os vídeos.

E foi bem antes dessas falhas do banco e das fotos. Achei que faltou fôlego para sustentar essa briga de gato e rato entre Carminha e Nina. Tudo ficou muito repetitivo, apesar de JEC colocá-las em diferentes situações. No fundo, porém, era uma correndo atrás da outra.
Se a novela fosse mais enxuta, certamente não teria ficado tão maçante.

Alguns núcleos paralelos até se desenvolveram, como o do Cadinho (sim, conseguiu ficar ótimo, um dos melhores), enquanto outros se arrastaram e continuam assim. Até a trama da Suelen, que era bacana, já caiu na mesmice.

Acho que só vou voltar a acompanhar diariamente "AVBR" na reta final mesmo. Até pq, quando imaginamos que o Tufão enfim saberia quem é o amante do Max, mais uma vez vamos precisar aguentar um "enrolation". Por que NIna não contou? Ou Jorginho? Bastante o Tufão não acreditar!

Beijão!

Sérgio Santos disse...

Oi Vanessa, pois é, você conhece a minha admiração pela novela. Mas mesmo assim não tenho como negar esses furos e concordo que Nina e Jorginho não contarem nada para Tufão mesmo sem ter provas foi MUITO FORÇADO. Poderiam contar, ele não acreditar e pronto: daria na mesma e não afetaria a verossimilhança da trama. Ainda assim, acho que a novela nunca teve barriga e nem enrolação, vejo um desenvolvimento claro desde sempre, sem encher a paciência do telespectador.

Sobre a Suellen, concordo, ficou chato, principalmente com a entrada do Leandro que fez o núcleo se perdeu totalmente. Mas o do Cadinho tá 100% bom! Beijos e obrigado pelo carinho de sempre.

Bia Hain disse...

Oi, Sérgio! Você sabe que não sou muito chegada nessa novela, mas é aquilo: não gosto, mas assisto de vez em quando, hahaha. Justamente por situações absurdas como as que citou que achei que o autor da novel a"pegou pesado" demais nos seus argumentos, mas fazer o que! Pelo menos agora a trama alcançou, ao que parece, um pé de igualdade entre a Nina e a Carminha, visto que as duas estão passando por maus bocados. Vamos ver no que isso vai dar!

BUYMAZON disse...

Olá Sergio, parabéns pelo artigo. Seu blog a cada dia se supera. Amigo, já manisfestei minha opinião sobre esta novela aqui, e mesmo depois de deixar de vê-la, nada mudou: nem minha opinião, infelizmente, e nem a novela, que ficou pior.
Avenida Brasil é uma caricatura exagerada do povo brasileiro, da classe C, da burrice masculina, da maldade feminina e dos costumes cariocas.
A trama é sem pé nem cabeça, os círculos não de fecham, os atores são excelentes e só.
Além da péssima direção - coitada da Adrina Esteves que tem que gritar todo capítulo gravado, pois além de má a vilão tem que ser estérica. Desnecessário.
Fala-se que AB é um marco na televisão brasileira. Sim, de como a Globo passou a copiar suas concorrentes.
No final perde a arte porque explora apenas um lado; os telespectadores porque deixam de assistir uma trama real, baseada na vida real.
Porém sou uma voz - alguns já classificam, "do contra" - na multidão, dizendo: que absurdo é esse?! enquanto se ouve: mais um, mais um, mais um... E virá.
Um abraço e parabéns amigo pela escolha do tema.

Sérgio Santos disse...

Oi Ana, obrigado pelo comentário. Embora respeite sua opinião, eu discordo totalmente dela. Beijos! :)