sábado, 18 de agosto de 2012

A hora e a vez das periguetes

Elas são sensuais, se vestem de uma forma bastante provocante, muitas vezes acabam sendo vulgares, possuem um corpo que deixam qualquer homem de queixo caído, gostam de aparecer, e estão cada vez mais em alta: claro que estas características são das famosas periguetes. O sucesso deste perfil de mulher é tanto que acabou virando uma obrigatoriedade na teledramaturgia. Se antes o núcleo cômico era uma situação que todo autor precisava inserir em sua obra, hoje em dia pode-se dizer que as periguetes criaram sua uma espécie de 'cota obrigatória'. A prova do sucesso é a presença delas em quatro produções globais: "Malhação", "Amor Eterno Amor", "Cheias de Charme" e "Avenida Brasil".


"Malhação" estreou a sua vigésima temporada nesta segunda-feira (13/08), e em meio a tantos pontos positivos, uma personagem se destacou assim que apareceu: Fatinha. Após interpretar a Valquíria em "Ti ti ti" e fazer uma rápida participação em "Cheias de Charme", Juliana Paiva está ótima vivendo esta periguete adolescente e já caiu no gostou do público da novelinha. Em todas as cenas que deu o ar da graça, Facinha, como é chamada pelo meninos da escola, mostrou que irá aprontar muito ao longo desta temporada.

Em "Amor Eterno Amor", Valéria é uma periguete irritante que, depois de encher muito a paciência de Rodrigo (Gabriel Braga Nunes), acabou se casando com Josué (Raphael Vianna), um peão que sempre foi apaixonado por ela e a engravidou na única noite que ficaram juntos. Apesar de
ter sua participação diminuída, o que é de se lamentar, Valéria vem fazendo uma boa dupla com Josué, e agora a nada discreta personagem começa a demonstrar que tem ciúmes do homem que sempre desprezou. Andréa Horta merece muitos elogios pela composição da personagem.

Já em "Cheias de Charme", a periguete não tem grande importância na história e não aparece tanto, porém, Chandelly Braz mostra o quanto é talentosa vivendo a divertida Brunessa. Tendo o divertido bordão "cabelos ao vento, fui!", a funkeira de bem com a vida não mede esforços para conseguir o que quer; e se antes era rival da empreguete Cida (Isabelle Drummond), agora é sua amiga para todas as horas. Difícil não gostar dela.

E não dá para falar de periguete sem citar o maior sucesso do momento: a Suelen de "Avenida Brasil". Ísis Valverde está interpretando o melhor papel de sua carreira e formou uma dupla perfeita com Daniel Rocha, o Roni. Aliás, assim como Valéria, a musa do Divino também se casou. Se antes a moça nada discreta pegava todos os homens do bairro, agora é fiel ao seu marido, e nesta semana finalmente conseguiu agarrar Roni de jeito: os dois tiveram a primeira transa do casal. A maioria do público torce para que os dois tenham um final feliz.

Este tipo de personagem não é novidade na teledramaturgia, porém, há anos atrás o termo 'periguete' não existia e classificavam estes tipos como 'maria chuteira', 'piranha', 'biscate', enfim, mais alguns adjetivos que é melhor não colocar aqui. A Sandrinha (Adriana Esteves em "Torre de Babel"), Karla (Juliana Paes em "O Clone"), Darlene e Jaque Joy (Deborah Secco e Juliana Paes em "Celebridade"), Leona (Carolina Dieckmann em "Cobras & Lagartos"), Gislaine (Juliana Alves em "Duas Caras") e Norminha (Dira Paes em "Caminho das Índias"), são alguns exemplos de periguetes que marcaram presença em novelas anteriores, mas ainda sem ter esta 'classificação', digamos assim. E também é importante ressaltar que a presença destas personagens não era tão frequente quanto hoje. Em tramas um pouco mais recentes, e onde o termo já começava a explodir na mídia, podemos citar Natalie Lamour (Deborah Secco em "Insensato Coração"), Theodora (Carolina Dieckmann em "Fina Estampa"), Celeste (Vanessa Giácomo em "Morde & Assopra") e Cris (Regiane Alves em "A Vida da Gente").

As periguetes vieram para ficar e pelo visto todos os autores serão 'obrigados' a incluir pelo menos uma em suas novelas. Pode-se dizer que a teledramaturgia dos novos tempos terá vilã, mocinha, mocinho, núcleo cômico e periguete. O público masculino agradece.

Links relacionados: Andreia Horta: uma atriz que merece mais oportunidades
                          Nova Malhação: intensa como a vida e de volta às origens
                         Cheias de Charme e talento
                         Suelen: uma periguete apaixonante
                       Roni e Suelen: um improvável casal que conquistou o Brasil

39 comentários:

Luís Coelho disse...

Não sabia que estas caras bonitas tinham recebido este nome
- periguetes

Seja como for todas elas fazem os homens sonhar. Muitos ficam colados à TV para descolar algo mais do que apenas e só o seu charme.

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Gostei de relembrar esses tipos, Sérgio. Das personagens citadas, prefiro Suellen, Chandelly, Fatinha, Sandrinha e Cris, muito por conta das atuações.

Thallys Bruno Almeida disse...

Perfeito texto, Sérgio. E como agradece. Afinal de contas, sempre tem quem adore esse tipo de personagem sensual (e eu me incluo nesse grupo, rsrs).

Me surpreendi com a Juliana Paiva e, pelo visto, ela já vem roubando a cena nesses primeiros capítulos. Andreia Horta tá lindíssima, apesar de eu ter parado de ver AEA e a Brunessa (Chandelly Braz) me parece um pouco mais "discreta" (talvez por não ter tanto destaque assim). Suellen, então, dispensa comentários, a Ísis Valverde tá demais, maravilhosa.

Entre as outras citadas, curtia bastante: Norminha, Jaqueline Joy, Darlene, Gislaine, Karla, Leona e (acrescento) a Creusa (Juliana Paes em América). Nem sabia que a Sandrinha (A. Esteves) era periguete, pra mim eu a via mesmo como a vilã da história. Detestei a Teodora porque a Dieckmann gritava demais e a Natalie por ser uma mera versão da Darlene.

Só um adendo: li na G1 uma vez que esse termo começou a surgir na época da Gislaine (Juliana Alves em Duas Caras), em 2008.

Marcos Mariano disse...

Realmente não tem como negar o sucesso das piriguetes, o triste é o mau exemplo que elas dão para essa nossa juventude alienada dessa geração.

Abraços to seguindo aqui

Paty Michele disse...

Não restam dúvidas de que elas realmente apimentam as tramas e trazem um humor mais próximo do público.
Mas tenho cá minhas ressalvas quanto ao caráter desses personagens, e da forma como influenciam as adolescentes. Porque tudo que aparece na TV pra elas é bom e isso na verdade, não corresponde à realidade.
Enfim, essas são preocupações de uma educadora de plantão. Mas como telespectadora me divirto com os tipos.

Um beijo, querido, e um bom fim de semana.

Thallys Bruno Almeida disse...

Esclarecimento meu: não foi a atriz (Juliana) que inventou o termo, e sim o Lázaro Ramos que havia ouvido esse termo na Bahia e deu a ideia. Aí, juntando com a novela, surgiu a expressão "periguete".

Cla disse...

Ahhh eu me divirto com a Suélen, ela é cheia de vida e bola para frente, tem um monte de homem correndo atrás e não deixa barato quando expõe seu corpo, as outras não conheço, mas que elas fazem parte isso já não se pode negar, cheias de carisma conquistam o público pela alta auto-estima.

Um abraço Sérgio, tenha um ótimo domingo.

Clau disse...

Olá,boa noite :)
Periguete,acho que já virou um clássico mesmo.
Sabe,alguns acessórios que elas usam,acho super 'aproveitáveis',mas o comportamento delas é meio exagerado.
Porém há quem goste né?
E pelo visto fazem sucesso com a ala masculina.
Adorei esse final:
'Pode-se dizer que a teledramaturgia dos novos tempos terá vilã, mocinha, mocinho, núcleo cômico e periguete.'
Arrasou Sérgio!
Bjs!!

Anônimo disse...

Eu assisto só as partes da Valéria em Amor eterno amor e da Fatinha na nova malhação, me divirto muito com elas... A Suellen nem se fala então impossível não amar.

Van disse...

Oi Sergio

será que os homens gostam mesmo das periguetes? Ou só querem curtir com elas, pois é mais fácil e lhes inspira menos compromisso.

Posso estar enganada, me diz aí, estou?

Beijos

Sissym disse...

Sergio,

Hoje assisti um pouco de Avenida Brasil. A Suelen é cheia de atitude, segura de si. Algumas vezes meio arrogante demais, mas é auto-confiante. Como tambem exagera nas colocações dela, chega a ser engraçado.

Bjs

Felisberto Junior disse...

Olá!Bom dia!
Tudo bem por aqui?
Sérgio!
...sim concordo com seu belo texto:o termo se popularizou...muito graças ao sucesso das novelas e das próprias atrizes, como Isís Valverde...eu só fico preocupado com o poder que a Televisão tem...principalmente para algumas e alguns adolescentes alienadas...mas, isto é outro caso!
Obrigado!
Bom domingo!
Abraços

Sérgio Santos disse...

Oi Luis, não sabia? Pois é, receberam essa denominação! Obrigado pelo comentário! Abração!

Sérgio Santos disse...

Oi Elvira, obrigado pelo comentário. Também gosto de todas essas, as atuações estão/foram excelentes! Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Thallys, obrigado pelo comentário. Não gostava da Norminha, não, e a Sandrinha se vestia como uma periguete e até dançava até o chão quando tocada a famigerada "Só no sapatinho".

A Creusa era tarada e não periguete porque se vestia feito santa, mas entendi o ponto de vista.

Já havia lido algo a respeito do termo 'periguete', mas mesmo tendo surgido em Duas Caras, esse tipo de personagem não era uma obrigação na teledramaturgia como tem ocorrido e nem estava tão em alta assim. Salve Jorge também terá a sua periguete com a Bruna Marquezine, por exemplo. Abração!

Sérgio Santos disse...

Oi Marcos, obrigado pelo comentário. Não não que elas passem mau exemplo, não, uma vez que cada um tem a sua cabeça, mas concordo que elas são vulgares mesmo. Abração.

Sérgio Santos disse...

Oi Paty, obrigado pelo comentário. Nem acho que elas passem mau exemplo porque em uma história tem gente ruim e gente boa como na vida mesmo, e esse tipo de mulher sempre existiu, só não tinha essa denominação. Mas entendo o que você quis dizer e até achei ridícula uma matéria no Profissão Repórter falando das periguetes, pois achei a matéria totalmente desnecessária. Mas as personagens das novelas costumam divertir. Beijão! :)_

Sérgio Santos disse...

Oi Clarice, também adoro a Suelen! Como não gostar dela, né? Obrigado pelo comentário! Beijão! ;)

Sérgio Santos disse...

Oi Clau, obrigado! Pelo que se nota é assim que a novelas serão daqui pra frente, uma vez que na próxima trama das nove terá outra periguete. Obrigado pelo elogio. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi "Anônimo", apesar de Amor Eterno Amor ser uma trama fraca, a Valéria é uma personagem muito divertida e Fatinha vai roubar a cena em Malhação! Suelen conquistou a todos mesmo! Abçs!

Sérgio Santos disse...

Oi Van, não está enganada, não! A própria novela mostra isso, eles só querem olhar, uma vez que namorar não dá certo. E ocorre isso na vida real também. As periguetes não costumam se valorizar, mas as da ficção são mais carismáticas! Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Sissym, é verdade, Suelen se acha e também é cheia de atitude. O que poderia afastar o público, acabou aproximando. Beijos e obrigado pelo comentário!

Sérgio Santos disse...

Oi Felisberto, obrigado pelo comentário. As adolescentes convivem com muitas periguetes por aí sem precisar da novela para mostrar isso, portanto, nem acho que seja influência negativa. Se fosse assim, os vilões influenciaram várias pessoas a cometer crimes, o que não ocorre. Abração e bom domingo! =)

Milene Lima disse...

Engraçados são os termos que vão surgindo com o passar do tempo, né? Piriguete, peguete, empreguete... Vamos parar aonde nem sei, mas é divertido.

Das atuais citadas, a Brunessa é a minha preferida.

Beijo, Sérgio.

✿ chica disse...

Eu só assisto a novela das nove: Avenida Brasil e lá, está presente a Suellen...

Não vejo necessidade desses tipos na trama, mas ela até que é simpática...Me faz rir... abraços, tudo d bom, obrigado pela visita!chica

Rita disse...

Essas atrizes fazendo ou não o papel de periguete, são ótimas, assisto e parabenizo cada uma pelo belo papel
Adoro visitar vc pq aqui fica sabendo um pouco de tudo, que seu domingo seja maravilhoso
Abraços
Rita!!!

Bia Hain disse...

Oi, Sérgio. Colocar personagens periguetes na novela é um reflexo do que se vê por aí no dia a dia...há espaço para todas, não é? Um abraço!

Kellen Bittencourt disse...

Olá amigo, vc disse uma coisa certa, na verdade estão mudando de nome por que sempre existiram essas figuras de comportamento assanhado rsrsrs cada uma na sua época e a sua maneira, o que percebo é que hj as periguetes tem orgulho de serem periguetes, assumem e pronto, antigamente não era bem assim! Bacana o post! Abraçoooosss

Jeanne Geyer disse...

ótimo post. o que considero lamentável é que antes atitudes vulgares eram motivo de "vergonha" para a família, e mesmo as meninas não ficavam assim tão à vontade para sair por aí conquistando. me parece que agora as novelas mostram como algo legal, que infelizmente pode ser imitado pelas meninas que assistem.bjs

Sérgio Santos disse...

Oi Milene, pois é, o termo empreguete também surgiu agora e já caiu no gosto de todo mundo. Beijos e boa semana!

Sérgio Santos disse...

Oi Chica, Avenida Brasil é a novela mais assistida mesmo e Suelen caiu no gosto popular. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Rita, obrigado pelo elogio. As quatro estão ótimas e merecem elogios. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Bia, sem dúvida é um reflexo e acabou sendo um tipo que faz sucesso nas tramas. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Kellen, é verdade, sempre existiu, só o nome era diferente. E antes elas não se orgulhavam, não e até negavam que eram. Tempos modernos... Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Jeanne, obrigado pelo comentário e elogio. Acho que ser periguete tá no sangue... rsrs Beijos!

Narinha disse...

Até acho que a Suellen tem mais repercussão,mas porque é Avenida Brasil também. Pra mim, a melhor periguete do momento é a Brunessa de Cheias de Charme.Quando ela aparece,pro bem ou pro mal, é divertidíssima e rouba a cena!

Sérgio Santos disse...

Oi Narinha, também adoro a Brunessa. Sem dúvida a Suelen é a que tem mais repercussão, mas está no horário nobre e isso ajuda muito. Beijos e obrigado pelo comentário.

Barbie Californiana disse...

Nunca uma piriguete esteve tanto na moda... (risos), mas acho que, por conta do comportamento, as da vida real não agradam tanto assim ou será que eu estou errada? beijos e tudo de bom!

Sérgio Santos disse...

Barbie, você está certíssima. Na vida real elas não têm o mesmo carisma e muito menos as mesmas 'qualidades'... rs Beijão!