sexta-feira, 27 de maio de 2016

Reta final de "Totalmente Demais" proporciona cenas tensas e emocionantes protagonizadas por Jonatas e Eliza

Faltando apenas dois capítulos para o final, "Totalmente Demais" tem apresentado uma ótima reta final, quase toda voltada para os rumos do quarteto central ---- composto por Jonatas (Felipe Simas), Eliza (Marina Ruy Barbosa), Arthur (Fábio Assunção) e Carolina (Juliana Paes) ----- da história de Rosane Svartman e Paulo Halm. Todos os momentos dos quatro personagens têm sido marcados pela emoção e no capítulo desta quinta-feira (26/05) houve a inserção de uma boa dose de adrenalina, através do ataque do asqueroso Dino (Paulo Rocha), que foi para cima de Eliza.


Os autores costumam ter um esquema de rodízio de tramas e núcleos em suas produções, incluindo também o revezamento de vilões. Isso pôde ser observado em "Malhação Sonhos", exibida no ano passado. Quando o vilão Heideguer (Odilon Wagner) agia, por exemplo, o psicopata Lobão (Marcelo Faria) perdia um pouco da importância, assumindo uma posição de 'espera'. E foi assim durante a temporada toda. Portanto, em "Totalmente Demais não foi diferente. No início da novela, Dino era o grande vilão que vivia tentando abusar sexualmente de Eliza e agredia a esposa.

Ao longo da história, o padrasto da mocinha desapareceu por um tempo, cedendo lugar para as armações de Carol e crueldades de Jacaré (Sérgio Malheiros). Depois foi a vez da interesseira Lorena (Adriana Birolli), até chegar a hora da sociopata Sofia (Priscila Steinman) agir. Já na reta final, com Carolina arrependida, Sofia morta, Lorena na sarjeta e Jacaré preso, o pedófilo Dino voltou a aparecer para ocupar essa 'vaga'.
E o retorno do canalha movimentou a reta final ---- ele ainda chantageou Hugo (Orã Figueiredo) e Gilda (Leona Cavalli) ----, proporcionando uma das cenas mais fortes da novela, exibida justamente na última semana.

Toda a sequência do embate entre Dino, Eliza e Jonatas foi tensa, angustiante e de tirar o fôlego. Dirigida com brilhantismo por Luiz Henrique Rios, a cena em que Dino sobe até o apartamento da ex-enteada e quebra a janela, provocando um grito de terror na menina, foi assustadora. Já o instante em que Jonatas escuta o berro da sua amada e vai correndo ajudá-la primou pela ação, principalmente quando o rapaz entra em luta corporal com o ex-padrasto da mocinha. Vale mencionar também o apropriado flashback ----- exibido enquanto a protagonista apontava uma faca para o assediador ----, relembrando o momento em que Eliza quebrava uma garrafa e enfrentava Dino enquanto ainda morava em Campo Claro com a família.

O instante da briga entre os três foi o ápice da cena, culminando em uma facada dada por Dino em Jonatas. Tudo porque Eliza tentou salvar seu amor, foi empurrada pelo vilão e deixou a faca cair no chão. O momento em que Dino enfia a faca em Jonatas foi impactante e forte, sendo bastante ousada para uma novela das sete, ainda mais levando em consideração a Classificação Indicativa, que nada mais é do que uma censura disfarçada que limita as produções da faixa. Mas os autores conseguiram driblar isso, proporcionando uma sequência que fez jus até mesmo ao horário das nove, que por sinal anda tão mal servido de bons folhetins. A imagem de Eliza gritando em câmera lenta, enquanto Jonatas berra de dor, foi comovente. Marina, Felipe Simas e Paulo Rocha brilharam do início ao fim. Um gancho e tanto para o capítulo seguinte, que foi tão bom quanto.

Isso porque Marina Ruy Barbosa mostrou com perfeição o desespero de Eliza vendo seu grande amor gravemente ferido e expôs o ódio da mocinha quando a mesma empurrou Dino da janela, que acabou preso pela polícia. A partir de então, a tensão e a adrenalina saíram de cena, cedendo lugar para momentos emocionantes. Malu Galli deu seu costumeiro show quando Rosângela atacou a nora, a acusando de tudo de ruim que aconteceu com seu filho. E já internado no hospital, Jonatas apresentou uma piora, necessitando de um transplante de fígado. Eliza prontamente se ofereceu para doar e o instante em que os dois ficaram na sala de cirurgia e ela segurou a mão do menino que sempre a ajudou foi tocante. Na hora do desespero é que a verdade costuma sair e a sequência ficou tocante, destacando Marina.

A reta final "Totalmente Demais" presentou o telespectador com ótimas cenas e toda a sequência oriunda do ataque de Dino merece uma menção especial, pois proporcionou para o telespectador momentos repletos de tensão, ação e emoção. Tudo o que o folhetim apresentou ao longo de sua trajetória de sete meses, fazendo jus ao conjunto que deu tão certo.

34 comentários:

Valentina disse...

To sem ar até agora! Que final foi esse!

Jurandir Dalcin disse...

Uma das melhores novelas dos últimos anos. Os autores tem um jeito único de escrever, suas histórias são sempre muito boas e sem enrolação, o que vimos nas temporadas de Malhação e também com Totalmente Demais, que apesar de ter sido esticada, parece ter fôlego pra mais meses.
Último capítulo se aproximando e a dor no coração já tá começando. Vou sentir falta!

porlapazyporlavida lc disse...

Zamenzito, que novela!!!!! Foi agonizante ver todo a cena do ataque. A expressão de horror de Eliza destacou todo o talento da Marina Ruy Barbosa. Foi incrível. Sofri com ela. O mais doloroso foi ver a dor de Jonatas após ser esfaqueado. Felipe Simas em estado de graça. O que foi a cena de Eliza empurrando Dino? Rainha demais... E depois correndo para o grande amor da sua vida implorando para que ele lute, que fique com ela. Foi de apertar o coração. Como você comentou, a cena da "ruivinha" do Jonatas dando a mão a ele antes da anestesia fazer efeito foi de encher os olhos de lágrimas. Sempre delicada e linda. Eles nem precisam muito falar, o que ambos sentem sempre está nos olhos dos dois. É um silêncio cantado. Aiaiaiaia. Foi lindooo!

Anônimo disse...

Fico feliz que vc esteja aproveitando todos os últimos momentos da novela pra postar textos ótimos sobre ela. Assim ajuda a aplacar a saudade que já tá forte!

Fernanda disse...

Cenas impactante e foi de impressionar aquele aterrorizante momento do Dino quebrando a janela e indo atrás da Eliza.E chorei quando foi feito o transplante.Cenas tão boas quanto a novela toda. Sentirei saudades.

Sol disse...

O capítulo de quinta e o de sexta foram incríveis.Esses autores têm que voltar logo porque duvido que a próxima chegue aos pés dessa.

Joana Limaverde disse...

Essa novela foi muito bem construída e os elogios só aumentam pq ela foi esticada e isso é uma armadilha pra maioria dos autores. Não com esses que souberam se virar mt bem com o que tinham. E eu concordo plenamente, essas cenas foram tensas e emocionantes. Felipe e Marina estão de parabéns!

Cleanskin disse...

E a forçação de barra para dar Joliza no final continua. Eliza está pronta para viajar para a França, onde passará um tempo trabalhando como modelo. Enquanto está arrumando as malas, ela dá de cara com Dino, que está disposto a se vingar e, subentendidamente, abusar dela. E adivinha só quem apareceu nesse exato momento. Vocês vão se chocar! Dou-lhe 1, dou-lhe 2, dou-lhe 3: FOI O JONATAS!!! :( Sim, ele mesmo. O Super Carrapato entrou em ação disposto a arriscar a vida pela ruivinha. Mas acaba sendo esfaqueado por Dino e ficará entre a vida e a morte. O vilão finalmente será preso, mas o mocinho passará por maus bocados. No hospital, Eliza descobre que Jonatas sofreu sérios danos no fígado e precisa de um transplante. Por uma dessas coincidências que só ocorrem em novela, a mocinha é a única pessoa compatível e não pensa duas vezes antes de doar um pedaço de seu órgão para salvar o rapaz. Ou seja, está mais do que claro que vai dar Joliza no final. Afinal, depois dele ter salvado sua vida inúmeras vezes e ter doado uma parte de si mesma a Jonatas, é óbvio que Eliza ficará para sempre com ele. Se não ficar com ele depois de todo esse dramalhão mexicano, eu mesmo invado o Projac e dou uns tapas na cara da ruiva. A questão VERDADEIRA que quero dizer é que os autores de Totalmente Demais vieram construindo tão bem esse triangulo amoroso Eliza-Jonatas-Arthur, porém, bem no final, estão usando de golpes baixos para fazer o público (que está bem dividido) passar a torcer para uma dessas pontas (no caso, Jonatas). Poxa, até eu, agora, Depois de ter bancado o herói a trama inteira, tô com dó do carrapato. .. Entendem?

Fred disse...

Impressionante como essa novela foi bem escalada, praticamente todos os atores estão muito bem em seus personagens (minhas exceções são Adriana Birolli, insossa como sempre e Hélio de La Peña, que poderia ter sido um pouco melhor). Preciso destacar aqui a atriz que é Malu Galli (Rosângela). Que show que essa mulher dá a cada cena, é algo impressionante! Nem lembro mais da Irene de Sete Vidas, onde ela também arrasou, mas a personagem era completamente diferente da atual. Sem dúvidas, essa trama vai deixar muita saudade.

Pâmela disse...

Sérgio, que capítulos e que novela maravilhosa. To sem fala para essas sequências. Queria destacar tb o trabalho EXTRAORDINÁRIO do Paulo Rocha, Dino já é um dos vilões mais asquerosos da TV e o melhor papel do ator.
Felipe, Marina Fábio e Juliana honraram o posto de protagonista. E eu realmente espero que a Priscila seja indicada e ganhe como atriz revelação em todos os prêmios possíveis!

Lulu on the sky disse...

Sentirei saudades dessa novela.
Espero em breve ter sua entrevista lá no blog.
big beijos
www.luluonthesky.com

Smareis disse...

Boa noite Sérgio!
Achei essa novela excelente, embora eu tenha assistido poucos capítulos.
Andei dando uma pequena pausa que acabou se alongando. Mais a saudade bateu, e de volta estou no meu blog. Já tem postagem por lá!
Um abraço e ótima semana Sérgio!

Sérgio Santos disse...

Final épico, Valentina.

Sérgio Santos disse...

Onde eu assino, Jurandir?????

Sérgio Santos disse...

Foi lindo, aterrorizante, agoniante e emocionante, porlapazyporlavida lc! Momentos dignos de reta final e com show dos atores. Concordo integralmente.

Sérgio Santos disse...

Pois é, anonimo.

Sérgio Santos disse...

Tb sentirei, Fernanda.

Sérgio Santos disse...

Tem que voltar logo mesmo, Sol! Eles são ótimos!

Sérgio Santos disse...

Isso, Joana. Eles souberam driblar todas as armadilhas e msm com o esticamento exibiram uma novela boa demais!

Sérgio Santos disse...

Não tem nada de forçação de barra, Cleanski. É isso msm, o mocinho é o heroi que salva a mocinha. Nada mais natural do que tudo isso acontecendo e proporcionando cenas emocionantes. Se fosse o Arthur tenho certeza que vc não reclamaria.

Sérgio Santos disse...

Vai deixar mta saudade mesmo, Fred. E que show da Malu. Ela não lembra em nada msm a Irene e brilhou. Concordo que Helio e a Adriana deixaram a desejar. Mas a maioria do elenco foi perfeita. Novelão.

Sérgio Santos disse...

Eu achei o Paulo regular, Pãmela. Mas nessa reta final ele cresceu bem. E os capítulos finais foram de tirar o fôlego! bjão!

Sérgio Santos disse...

Tb sentirei, Lulu.

Sérgio Santos disse...

Bem vinda de volta, Smareis!

Bell disse...

Tenso mesmo.

bjokas e uma ótima semana =)

dvip disse...

Sérgio, vc já percebeu que muitos shippers só enchergam a trama da novela da perspectiva do casal que eles torcem, como se todos os méritos fossem do casal deles, eles se acham representantes do "público" e da "audiência". Eles não percebem que não gostam de novelas si, e sim de um determinado casal de novela, é engraçado, tudo que gira em torno do casal é maravilhoso, perfeito, o resto todo é lixo descartável, e eu falo isso, porque já me comportei assim, mas é difícil discutir ter o mínimo de sensatez, com alguém passional. Talvez o maior problema é que a pessoas levam tudo tão a sério que algo que deveria ser um bom entretenimento, algo divertido, se torna uma tortura.

Cristiano disse...

Esta todo mundo comentando essa novela!

Filipe Hummel disse...

Sérgio, fiz um texto comentando sobre o final da novel, mas não cabe aqui nos comentários. Eu poderia lhe enviar por email?

Bia Hain disse...

Olá, Sérgio, como vai? Acompanhei mais o início dessa novela, mas pelos atores e andamento da trama imaginei que acabaria mesmo com um grande final. O horário das sete traz em sua história novelas muito boas e era uma pena o quanto esse horário estava sendo desperdiçado. Abraços!

Sérgio Santos disse...

Boa semana, Bell.

Sérgio Santos disse...

Perfeito o seu comentário, Dvip!

Sérgio Santos disse...

Foi um fenômeno, Cristiano.

Sérgio Santos disse...

Filipe, eu li lá no Facebook. Gostei. abçs

Sérgio Santos disse...

Foi boa demais, Bia. bjs