sexta-feira, 12 de abril de 2013

Stênio, Wanda, Helô e Lucimar: os grandes destaques de Salve Jorge

A novela de Glória Perez tem inúmeros defeitos. Desde a estreia que a crítica e o público têm acompanhado uma sucessão de equívocos, incluindo núcleos que não deram certo, personagens que não se destacaram, falhas graves na direção e tramas que abusam da inteligência do telespectador. No entanto, "Salve Jorge" também tem acertos. E entre os poucos acertos da obra estão quatro personagens que sempre agradaram: Stênio, Wanda, Helô e Lucimar.


O advogado de Alexandre Nero, a vilã de Totia Meirelles, a delegada de Giovanna Antonelli e a mãe guerreira de Dira Paes foram ganhando cada vez mais destaque na trama justamente em virtude do carinho que o telespectador foi tendo por eles. E os atores souberam aproveitar todas as oportunidades que tiveram para brilhar em cena. Com o tempo, foram melhorando, ficando cada vez mais à vontade na pele de seus respectivos personagens.

Alexandre Nero começou irregular, apresentando resquícios do Baltazar de "Fina Estampa", mas não demorou muito para se encontrar. Apesar de ser um advogado que muitas vezes está envolvido com a vilã (Lívia - Cláudia Raia), acabou enveredando para a comicidade, principalmente quando está com sua ex-atual-mulher. E
Giovanna Antonelli é uma atriz que dispensa maiores elogios, já que sempre se sobressai em seus papéis e agora não está sendo diferente. Embora o tema do consumismo exagerado da delegada não tenha sido abordado como deveria, Helô virou a grande protagonista de "Salve Jorge" e a personagem mistura momentos de drama, tensão e comédia. Aliás, Giovanna forma uma excelente parceria com Alexandre. As sequências da dupla sempre divertem e eles formam o melhor casal da novela. Têm química, sintonia e não por acaso costumam se destacar todas as vezes em que aparecem juntos. É preciso ressaltar, também, o acerto da autora ao criar fantasias sexuais para o casal. Eles protagonizam divertidos momentos quando se atrapalham na hora agá.

Já Totia Meirelles vive a vilã mais carismática da trama. Wanda é cruel, cínica, ambiciosa e muitas vezes mete os pés pelas mãos. Após viver uma legião de tipos bondosos e corretos, a atriz finalmente ganhou de Glória Perez a chance de viver uma peste e agarrou a oportunidade com todas as forças. O resultado está sendo visto: Totia brilhando em meio a vilões caricatos como Lívia e inúteis como Irina (Vera Fischer). Pelo menos há Russo, que também tem seus bons momentos graças ao talento de Adriano Garib. Mas mesmo não sendo a chefe da quadrilha, Wanda é, sem dúvida, a referência da vilania da novela.

Dira Paes, assim como Alexandre Nero, começou equivocada. Sua interpretação estava forçada e muitas vezes parecia a Solineuza (da extinta série "A Diarista"). Com o tempo foi diminuindo os excessos e acertando. Protagonizou uma emocionante cena quando Lucimar descobriu que Morena (Nanda Costa) estava "morta" e tem convencido nas sequências em que sua personagem ajuda Helô nas investigações.

"Salve Jorge" é uma novela com atores demais para histórias de menos. E isso é uma pena porque muita gente talentosa foi escalada e não foi bem aproveitada na novela. Ainda há também a questão dos personagens que têm destaque mas não deram certo desde o início. Porém, em meio a esses equívocos, o quarteto formado por Alexandre Nero, Totia Meirelles, Giovanna Antonelli e Dira Paes merece muitos elogios.

47 comentários:

Paty Michele disse...

Pelo menos algo se salva nesse balaio de gatos.
Eu não vejo a novela, mas de cara achei péssimo a Globo colocar filhas tão adultas para as personagens de Giovanna e Dira.

doida que acabe logo... rsrs

Um bjo, Sérgio.

Thairys Moreno disse...

De fato esse quarteto é o que ainda salva a novela de um fiasco total, confesso que só assisto por causa da Giovanna Antonelli e o Alexandre Nero, adoro vê-los atuando, além do que contracenam cenas divertidíssimas juntos, morro de rir com o casal Helô e Stênio.
A delegada vivida por Giovanna é fantástica, ela incorporou bem o personagem, com certeza merece elogios, pra mim ela é o melhor destaque da novela.
Beijos Sérgio, e ótimo final de semana!

Bruh Floripa disse...



Olá! Eu sou noveleira doida!


___ \\\\\|//
____( @ @ )
ooO__(_)__Ooo____________________________
___|___|___|___|___|___|___|___|___|___|___|
_|___|___|___|___|___|___|___|___|___|___|__
|___| Olha eu aqui espiando |___|___|___|___|___|
__|___| e fazendo uma visitinha |__|___|___|___|__
_|___|___|___|___|___|___|___|___|___|___|__
|___|___|___|___|___|___|___|___|__|___|___|
__|__ E comentarei sempre que aqui vier _|___|___|
|__|___|Venha conhecer meu blog se puder __|___|__
_|___|___|__|___|___|___|__|___|___|___|___|
________________________________________
|__|http://bruhfloripa.blogspot.com.br|___|___|___|_
________________________________________
___|___|___|___|___|___|___|___|___|___|___
_|___|___|Visite o Blog da Bruh |___|___|___|____|_
___|___|___|___|___|___|___|___|___|___|___
Se gostar, venha participar.
Só não vale olhar e não comentar, OK? rs
Me add!! Bjokas da Bruh.

Sérgio Santos disse...

Oi Paty. Nesse caso das filhas nem vejo problema porque há a famosa licença poética. Mas os absurdos e incoerência dessa novela são muito maiores que isso. Também tô querendo que acabe logo. Estou esperançoso com Amor à vida. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Thairyz. Vc não é a única a achar que Helô é a protagonista. Aliás, ela é mesmo. Foi a única que deu certo logo de cara! O casal Helô e Stênio é um acerto mesmo. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Bruh. Um comentário todo caprichado. Beijos!

Mary disse...

não assisto salve jorge sempre, apenas alguns capítulos e cenas, mas pelo que já ouvi vc retratou bem os excessos e exageros da novela.. realmente foram atores de mais e história de menos, acabou estragando um pouco a trama.. beijos mil e ótimo findi..

Aleatoriamente disse...

Realmente, são atores muito bons.
Interessante o texto, assim fico conhecendo mais um pouco sobre a novela.

Beijão Sérgio

✿ chica disse...

Realmente esses aí fazem o seu papel muito bem. Helô, maravilhosamente! abração,chica e lindo fds!

Rafael Barbosa dos Santos disse...

Realmente, esse quarteto é o que há de melhor em Salve Jorge, adoro os 4. Porém incluiria no time de acertos da novela, a Maria Vanúbia. Gosto do núcleo do Alemão por causa dela, acho a personagem hilária, desbocada, cheia de pérolas deliciosas e a Roberta Rodrigues está muito bem. Bom, além dos 5, temos outras boas interpretações como a própria Nanda Costa, Flávia Alessandra, o Adriano Garib que você citou, Solange Badim e outros. Mas os grandes destaques, personagens que se sobressaíram, para mim foi o quarteto, mais a Maria Vanúbia. É isso rs.

Abraços

Anônimo disse...

Ser fã da globo é assistir uma novela mesmo sem gostar dela procurando achar qualidades na mesma ao invés de simplesmente mudar de canal, ou fazer outra coisa. A vida não é só ver TV.

Rita disse...

Acho que todos tem seu talento
pena que muitos aparece pouco
e não da pra ver o que de bom eles tem...mas esse quarteto tem sim um potencial maravilhoso gostei
Deixo um abraço com carinho de bom final de semana
Adoro o romance do Stênio e da Helô
bem legal mesmo kkk

Bjusss
Rita!!!

Regina Rozenbaum disse...

Vou te contar...depois do sucessão de Avenida Brasil estava mesmo difícil substituí-la. Glória era uma aposta, nome de peso, e penso que nunca escreveu uma trama tão ruim. Chegamos a comentar por aqui que talvez ela esteja passando por uma fase difícil...pq nada justifica um enredo tão despropositado. Sei não Sérgio, mas estamos doidospra que ela termine logo e venha algo mais bacana de se ver!
Beijuuss

MARILENE disse...

Concordo, plenamente, Sergio. Esses quatro enriquecem a novela, onde tantos nada representam. A fraqueza de Stênio na educação da filha é um exemplo terrível, mas seu relacionamento com Helô é cômico. Bjs.

Vera Lúcia disse...


Olá Sérgio,

Concordo totalmente com suas colocações. Não deixou nada para ser acrescentado-rsrs.
De fato, este quarteto está impecável e é um prazer vê-los em cena. Totia Meirelles está dando show como a vilã Wanda e ofuscando Cláudia Raia, no papel de Lívia. O advogado e a delegada divertem. Pena mesmo que a compulsão por compras da delegada não esteja merecendo maior destaque por parte da Autora, pois é um problema comum, que acomete muitas pessoas com algum distúrbio emocional, que vão às compras numa tentativa de preencher algum vazio interior ou lacuna em suas vidas.
Quanto à mãe de Morena, ela está mesmo envolvendo e emocionando os telespectadores.
A novela está muito devagar. Nada nela está surpreendendo. Creio que a Glória errou feio desta vez.

Ótimo final de semana.

Beijo.

Manuel Gomes da Silva disse...

Fala ae ! Sergio ! Boa noite. Eu achei bem interessante a sua postagem a respeito da novela Salve Jorge da Escritora Gloria Perez. Pra mim, a novela esta fazendo sucesso, e para muitas pessoas que eu conheço. A Gloria Perez e capaz de acertar também com os outros personagens.

Thallys Bruno Almeida disse...

Ótimo texto, Sérgio.

Helô é de longe o maior destaque do "time feminino do bem" de Salve Jorge. O carisma e o talento da Giovanna são do tipo que contagia todo mundo assim que aparece em cena. A seriedade, a determinação e o senso de humor dela foram um grande acerto, embora algumas vezes a delegada meta os pés pelas mãos. Mais um grande papel da Giovanna, que saiu fortalecida como a maior surpresa de Salve Jorge.

E no "time feminino do mal", Totia Meirelles finalmente se livrou do estigma de amiga da protagonista. Wanda mostra perfeitamente o que Lívia deveria aparentar: o sangue-frio e arrogância de uma traficante de pessoas, com a naturalidade que faltou a Cláudia Raia.

Alexandre Nero e Dira Paes são os exemplos de superação, já que começaram lembrando tipos anteriores, mas logo se livraram dos mesmos e acertaram o tom. Stênio teve ainda uma ótima cena no momento em que ele descobre que Drika (uma fraca Mariana Rios) e Pepeu (o péssimo Ivan Mendes) estão traficando drogas, ontem. Lucimar, embora muitas vezes meta os pés pelas mãos (como gritar pro morro todo que Morena tá viva sendo que Helô pediu pra guardar isso em segredo), chama atenção por sua disposição em defender a filha. E Dira vem convencendo bastante nessa fase. Tanto que há o boato de que ela pode ser a vilã de JEC em 2015.

Mas ainda destaco outros "acertos", em menor escala, mas que não deixam de chamar certa atenção:
> Enquanto a Bruna Marquezine, apesar do corpão, não se encontrou no tom da Lurdinha, a Roberta Rodrigues se encaixou perfeitamente na Vanúbia. O jeitão desbocado dela reflete bem esse lado mais ousado típico das periguetes de novela, tanto em dar em cima do homem da outra, quanto de sair no tapa com "a rival". Pra mim, é a periguete oficial de Salve Jorge (já que a Marquezine não se encontrou, o que é uma pena).

> No trio principal, embora os personagens tenham grandes falhas (Theo é um canalha, Morena uma tapada e Érika desconhece amor-próprio), a Flávia Alessandra tem tirado leite de pedra na personagem dela e, por já ter seu carisma comprovado nos últimos papéis, onde brilhou mesmo, tem conseguido agora uma certa torcida nas redes sociais, notadamente o twitter. Diria que é a "menos pior" do trio protagonista.

> A Paloma Bernardi, que se livrou perfeitamente do tipo boazinha e se sai bem na personalidade "sensual-duvidosa" e de duplo-caráter da Rosângela, é outro dos "acertos em menor escala".

Por enquanto é isso. Se não fosse esse quarteto fantástico mencionado, SJ seria ainda pior. Abçs!

Letícia disse...

Boa noite Sérgio,

Pois é, temos um quarteto e tanto aqui, apesar de ainda achar a personagem da Dira Paes ainda um pouquinho exagerada, mas nada que tire o brilho da atriz.

Giovana Antonelli dispensa elogios, gosto da sua forma de interpretar, a acho intensa e suave ao mesmo tempo. Há nela uma leveza que, acredito eu, ser da própria atriz e que sempre leva para suas personagens.

Totia Meireles é sempre uma boa surpresa e com certeza este é o seu melhor trabalho. Acredito eu que se tivessem escolhido a atriz para fazer a Lívia, certamente seria uma vilã "pior" ainda.

Alexandre Nero, gosto do seu Stênio, tem um quê de malandro, mas é adorável. Adoro suas cenas com Antonelli, são divertidas e a química é muito boa ali, mas, também são dois ótimos atores que resolveram "brincar" em cena e deu muito certo. Com certeza é o casal mais legal da novela, apesar das indas e vindas.

Um abraço

Sissym disse...

Sergio,

Reparei e fico satisfeita de ver um desempenho melhor e mais natural da Dira Paes. Ela é uma atriz excepcional.

A dupla Helô e Stenio me faz rir muitas vezes.

Beijos

Barbie Californiana disse...

Oba! Oba! Oba! :D
Eu imaginava isso... rs rs rs Eu imaginava que ainda entraria aqui para ver comentários positivos seus sobre Salve Jorge... eu sei o que é bom... hihihiii Brincadeiras a parte, eu sei que a novela tem alguns defeitos, Sérgio, mas que novela não tem? beijos e lindo final de semana.

Anônimo disse...

Faltou Adriano Garib... Adriano está dando um show de interpretação na pele de Russo...

Sérgio Santos disse...

Oi Mary! Obrigado pelo comentário! Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Fernanda. Mas nesse caso eu acho até bom que vc não veja essa novela... Beijos.

Sérgio Santos disse...

A Helô é ótima, né chica? bjs

Sérgio Santos disse...

Rafael, também gosto da Maria Vanúbia e da atuação da Roberta. Ainda tentarei escrever um texto sobre ela. Mas não coloquei a personagem pq ela é mt repetitiva: sempre briga com Lurdinha e fica nesse mimimi com Pescoço. Cansa.

Bem, citando atuações nós podemos falar de quase todo o elenco porque o time é excelente. Mas não é esse o caso e sim perfis que deram certo tanto nas atuações quanto no destaque da história. Aí só sobram esses mesmo. Abraços!

Sérgio Santos disse...

Oi Rita. Olha, não são todos que têm talento não. Mas o elenco da novela tem muita gente boa. Mas como vc bem disse nem todos conseguem mostrar isso porque é muita gente e pouca história.

Helô e Stênio formam uma boa dupla. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Regina. Sou obrigado a concordar. Substituir Avenida Brasil não era uma tarefa fácil e culminou de Salve Jorge ser uma novela muito fraca. Aí o desastre foi inevitável. Acho que Amor à Vida será boa. Vamos aguardar. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Marilene. Pois é, pelo menos eles, né? Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Vera. Sim, a Glória errou muito nessa novela. Mas pelo menos acertou nesse quarteto.

Infelizmente a compulsão da Helô não foi tratado como deveria e acabou sendo usado apenas para encher linguiça. Seria interessante fazer esse contraponto. Mas foi apenas mais uma coisa que não deu certo nessa novela. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Manuel. Boa noite! Olha, a novela está longe de ser um sucesso e está com um ibope péssimo. Agora na reta final é que tem melhorado um pouco. E quase todos os comentários a respeito da obra são críticas. Mas que bom que vc gosta da trama. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Thallys, concordo. Wnada e Helô representam as oposições da novela e ambas estão sendo bem defendidas pelas atrizes. Nero e Dira começaram mal mesmo mas foram melhorando.

Diss no Twitter que Marquezine não tinha acontecido nessa personagem ao contrário de Roberta. Maria Vanúbia é mesmo a periguete da novela. Lurdinha não pegou.

Rosângela é uma boa personagem e a Paloma está mt bem de fato. Mas não chega a ser destaque. Como disse antes, o elenco da novela é excelente e cheio de grandes atores. Mas aí ser um destaque são outros quinhentos. Aliás, esse foi um dos grandes problemas dessa novela.

Sobre o trio, eu concordo que Flávia esteja bem mas Érika é uma personagem cansativa e que irrita o telespectador. Por isso que selecionei bem os destaques. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Oi Letícia. Olha, também ainda vejo uns exageros na atriz mas em comparação ao início melhorou muito. E a coloquei como destaque porque o próprio perfil tem tido uma importância na trama.

Giovanna e Nero formaram uma ótima dupla. E os personagens também foram bem construídos. Já Wanda agradou logo de cara. É a vilã oficial da novela. Beijão!

Sérgio Santos disse...

Oi Sissym, obrigado pelo comentário! Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Barbie. Viu? Não sou tão malvado assim. rs Mas elogiei os personagens e os atores, não a novela! rs Beijos.

Sérgio Santos disse...

Anônimo, eu citei o Garib no texto. Vc não deve ter lido. Abraços.

Milene Lima disse...

Suspeitíssima eu sou pra comentar qualquer coisa da Glória Perez, porque desgosto das suas obras. Suspeitíssima sou pra falar do Alexandre Nero, porque eu sou doidinha por ele.
Suas colocações são todas pertinentes, esses atores e seus respectivos personagens salvam a novela. Existe protagonista mais nulo que o Théo? Lamentável.

Beijo, Sérgio!

Filha do Rei disse...

Sérgio, realmente os quatro atores estão maravilhosos na novela.A Giovana dando um show de simpatia,amadurecimento, a cada novela ela surpreende e o par que faz com Nero ficou engraçadíssimo e traz leveza a trama
A Dira e a Totia estão demonstrando o que sempre foram e hj têm a oportunidade de mostrarem que são ótimas atrizes.Abraço.

Sérgio Santos disse...

Milene, o Theo é uma nulidade mesmo e Rodrigo Lombardi está péssimo. Uma combinação catastrófica numa novela cheia de erros. Pelo menos temos esses quatro aí que são bons personagens. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Cléu. É verdade, Giovanna brilha a cada trabalho e só amadurece. Alexandre faz uma boa dupla com ela e Dira e Totia também não fazem feio. Beijos.

Raquel disse...

Oi Sérgio,

Acho que o problema do Théo é em grande parte culpa da autora... Acho que desde o "Clone" ela não consegue emplacar uma dupla de protagonistas. Acho que ela é péssima em criar as situações que obrigatoriamente têm que separar o casal da novela pra depois juntar no final. Quase sempre ela acaba queimando um dos personagens (quando não os dois) e o público acaba desgostando deles.

Sérgio Santos disse...

Oi Raquel. Sem dúvida Glória tem culpa nisso, mas o Rodrigo Lombardi também não ajuda. A prova é que até Morena está cada vez pior e no entanto a Nanda Costa continua bem em cena. Mas sem dúvida formar casal protagonista não é uma especialidade da autora. Beijos.

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Boa crítica, Sérgio. O quarteto citado está ótimo, mas a compulsão da Helô por compras não está sendo devidamente abordada. Apenas se mostra que, sempre que a delegada tem algum problema dificil de resolver, especialmente familiar, ela recorre às compras.Também destaco Adriano Garib, o Russo, entre os bons desempenhos.
Já entre as piores atuações, cito Rodrigo Lombardi (rígido, sem expressão),às vezes Nanda Costa (com a Morena sempre chorosa e reclamona),Cleo Pires (sempre com as mesmas caras e bocas), Dalton Vigh (sempre com a mesma falta de expressão), Mariana Rios (outra que abusa de trejeitos), Claudia Raia ( que raramente acerta o tom, está artificial), Bruna Marquezine (sempre aos gritos), Vera Fischer (imóvel).
Desperdício dos talentos de Domingos Montagner, Odilon Wagner, Tania Khalil, Walderez de Barros, Jandira Martini, Nicette Bruno, Natália do Valle, Cristiana Oliveira. Talvez eu tenha esquecido alguns.

Sérgio Santos disse...

Pois é, Elvira. A compulsão da Helô não foi abordada de uma forma bacana e acabou servindo só pra encheção de linguiça.

Destaquei o Garib no texto.

Concordo com vc sobre as fracas atuações e o desperdício de talentos é absurdo. Eva Todor e André Gonsalves sumiram, a Narjara Turetta nem aparece assim como o Stênio Garcia, enfim, também devo ter me esquecido de mais gente. É muito ator bom para pouca trama. Beijos.

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Sérgio, outra atriz com pequena participação é a Nívea Maria. A autora está batendo recordes em matéria de "figurações de luxo".

Sérgio Santos disse...

É mesmo, Elvira. E eu acho que essa novela é a recordista de figurantes de luxo e personagens inúteis. Ainda tem Elizângela e Ernani Moraes que porcamente aparecem.

Anônimo disse...

Olha sinceramente pra mim o verdadeiro destaque dessa novela morreu,ou seja,a fantastica Jéssica,ela tinha que ser a protagonista principal,foi o melhor papel da vida da Dieckmann e eu sintia muita mais empatia por ela do que pela Morena! A Novela teria sido muito melhor se a Morena tivesse morrido no lugar e ela teria ficado ate o final

Sérgio Santos disse...

Anônimo escrevi um post tempos atrás sobre a boa parceria da Carolina com a Nanda e elogiei o desempenho das duas. Mas sem Jéssica, sobraram esse quatro na minha concepção. O que é muito pouco em se tratando de uma novela com tantos personagens. Abraços.