quarta-feira, 24 de outubro de 2012

José Wilker e Laura Cardoso: os grandiosos destaques de "Gabriela"

A nova versão de "Gabriela", escrita por Walcyr Carrasco, entra em sua última semana de exibição. O telespectador já sente o final se aproximando e começa a se despedir dos personagens presentes na obra de Jorge Amado. Muitos se destacaram, outros se apagaram e alguns nem serão lembrados. Mas entre os muitos atores que brilharam, dois foram os grandes destaques e protagonizaram um festival de cenas ótimas nessa nova adaptação: José Wilker e Laura Cardoso. 


Coronel Jesuíno e Dona Dorotéia já mostraram que se destacariam logo na primeira cena. José Wilker e Laura Cardoso são dois atores consagrados e já fizeram inúmeros trabalhos na televisão, teatro e cinema. Ou seja, estão em um patamar muito elevado e não precisavam provar mais nada para ninguém; no entanto, ambos conseguiram surpreender o telespectador a cada cena que era exibida.

Embora o livro não tenha destacado muito a história de Jesuíno, na novela essa situação foi alterada, dando novos rumos e ocorrendo exatamente o contrário: o personagem cresceu e o público pôde acompanhar a atuação magnífica de José Wilker; que conseguiu compor um sujeito machista, violento, frio e intolerante da forma mais genial possível. A sequência em que o Coronel flagra sua esposa, Dona Sinhazinha, nos braços do amante, acabou sendo uma das melhores da trama. Foi chocante ver a expressão gélida do personagem após executar os 'traidores' a sangue frio. A cena em que o sujeito espanca a empregada chantagista (Neia - Yaçanã Martins) e depois cai no choro, pensando na mulher, também merece ser lembrada. 

Já Dona Dorotéia foi uma criação de Walcyr Carrasco e não estava presente na obra de Jorge Amado. Seria óbvio demais dizer que o autor deu um tiro certeiro ao escrever essa personagem e ainda escalar Laura para interpretá-la. A velha fofoqueira de Ilheús roubou a cena e virou um dos tipos mais queridos da trama, mesmo sendo uma peste. A defensora da 'moral e dos bons costumes' não pensava duas vezes antes de estragar a felicidade alheia, sempre contando com a ajuda de duas fiéis escudeiras: Florzinha (Bete Mendes) e Quinquina (Angela Rebello). Recentemente, o público vibrou ao vê-la sendo desmascarada justamente por Jesuíno, que após saber do passado da inimiga por Coronel Coriolano (Ary Fontoura), não pensou duas vezes em confrontá-la perante a cidade. Dorotéia era na verdade Dodô Tanajura, uma quenga. Mesmo diante do constrangimento público, a venenosa personagem não perdeu a pose e vomitou várias verdades para todos que a rodeavam. Laura Cardoso deu mais um show de atuação.

Os bordões dos personagens viraram hits na internet e repercutiram muito nas redes sociais. Fotos com Dorotéia dizendo "É tudo quenga" foram espalhadas, virando memes; assim como Jesuíno falando uma frase que, apesar do tema pesado, divertiu o público: "Agora deite que eu vou lhe usar!", dita pelo machista quando queria ter relações sexuais com a mulher. O sucesso dessas expressões apenas enfatizaram o êxito da novela, do texto e do trabalho dos atores.

Coronel Jesuíno perdeu um pouco do destaque que tinha nas últimas semanas, mas nessa reta final, agora que será julgado pelo assassinato da esposa, voltou a aparecer como antes. Inclusive, na terça-feira (23/10), o telespectador pôde acompanhar uma cena em que José Wilker, Antônio Fagundes e Tarcísio Meira contracenavam. Raridade na teledramaturgia. 
Outra sequência desse capítulo que merece ser destacada foi a do momento em que Dorotéia se vê sozinha, após o filho, Coronel Amâncio (Genésio de Barros), ir embora de casa, Berto (Rodrigo Andrade) ser assassinado e Juvenal (Marco Pigossi) fugir com Lindinalva (Giovanna Lancellotti). A senhora mais arrogante da cidade se vê sem ninguém ao seu lado, sendo condenada à solidão, um castigo cruel. Muito emocionante a hora em que Gabriela chega na casa da mulher, que a humilhou tempos atrás, para lhe fazer companhia. Juliana Paes e Laura Cardoso emocionaram na cena mais tocante da trama até então. O choro veio da alma de cada uma.

"Gabriela" está chegando ao fim tendo vários méritos. Walcyr Carrasco mais uma vez foi feliz em um trabalho, a direção foi acertada e a maioria do elenco digna de muitos elogios. Porém, os dois maiores destaques da novela, e que com certeza serão os mais lembrados pelo público, atendem pelos nomes de José Wilker e Laura Cardoso. Palmas para esses dois veteranos que não se cansam de brilhar em cena.

42 comentários:

EDER RIBEIRO disse...

Infelizmente não assisti nenhum capítulo dessa novela e não posso tecer nenhum comentário. Deixo-lhe um abraço. Sérgio.

Kellen Bittencourt disse...

Bom dia amigo, eu não assisti Gabriela mas ontem acabei vendo o capítulo e de fato a Laura Cardoso estava dando um show qdo ficou sozinha lá na casa, o José nem falo, são sempre primorosas as interpretações dele! Abraçosss

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Concordo com sua análise, Sérgio. José Wilker e Laura Cardoso foram os destaques de uma novela morna, como foi o caso de "Gabriela". Várias cenas da dupla serão lembradas.

Rita disse...

Bom Sergio não assisti dessa vez Gabriela, mas já li o livro e assisti da outra vez....Que Laura Cardoso e Jose Wilker são demais ah isso são mesmo lindos eu adoro esses atores
Parabéns para os dois
Bjãoooooooooo
Rita!!!!♥-:¦:-*´¨`*-:¦:-*´¨`*-:¦:-*´¨`*-:¦:-♥

Thallys Bruno Almeida disse...

Artigo perfeito, Sérgio. Dá pra dizer tranquilamente que Jesuíno e Dona Dorotéia foram os donos de Gabriela 2012. Principalmente ela. Vilões, tipos asquerosos, de baixo caráter, mas que ainda assim conquistaram o público com o senso de humor ácido de suas tiradas, que resultou no sucesso especialmente dos bordões "vou lhe usar" (nas mais diversas situações) e "Jesus Maria José!".

O capítulo de ontem foi excepcional. Lindíssima a cena de Dorotéia recebendo a compaixão de Gabriela, tanto Juliana quanto Laura transbordaram emoção. A morte de Berto lavou a alma de quem torcia por Juvenal e Lindinalva, o grande casal dessa nova trama. E o duelo entre Ramiro e o juiz teve toques de realidade (políticos corruptos tentando comprar o judiciário desde que o mundo é mundo). O público foi presenteado com grandes cenas e a reta final ainda promete, agora que Mundinho vai contar com a ajuda de um deputado para tirar Jerusa do convento.

Apesar de alguns tropeços aqui e ali, Gabriela deixará saudades. Walcyr teve uma recepção melhor aqui do que na antecessora Morde e Assopra. Bom vê-lo numa "pegada" mais adulta.

Felisberto Junior disse...

Olá!Boa tarde!
Sérgio...
... poucos conseguem assistir Gabriela!creio que seja pelo horário.Mas, vendo cenas esporádicas, concordo que Laura e Wilker estão dando show!O que não é nenhuma novidade! E vc disse bem: um dos termômetros é a repercussão dos bordões nas Redes Sociais.
Parabéns pela análise!
Obrigado!
Boa quinta feira!
Abraços

Sissym disse...

Sergio, as poucas vezes que assisti, por acaso, achei um porre.... estes atores são maravilhosos, mas nao sei dizer pq não curto. (pode rir, não sou fanatica por soap operas e afins).

Beijos

Carlos disse...

A tv estava ligada, mas só parei pra prestar atenção na cena da morte do outro lá na estação, e da Dona Dorotéia só. Nossa, um banho que a Laura Cardoso deu. Fez com que (quase) todos aqueles que sentiam raiva da "velha" ficassem com... Pena. Foi muito triste vê-la na pior. E pra situação chegar nesse ponto, Walcyr fez um caminho bastante coerente, ela não falava mal de tudo e de todos? Então, mereceu. Mas ao ver a cena, de verdade não tenho uma palavra pra descrever, pq fiquei deslumbrado com a atuação dela. Acredito eu, que assim com ela, Juliana Paes também se emocionou em cena, eu pelo menos não conseguiria ficar seco diante de tal olhar.

Anônimo disse...

Concordo em gênero, número, e grau! No capítulo de ontem 23/10 a extraordinária Laura Cardoso fez umas das grandes cenas na teledramaturgia esse ano. Foi um momento crucial na trama e ela conseguiu fazer com que nos a quisessemos alentar e alivia-la daquela dor calçada pela vergonha e pela tristesa, convenhamos D. Doroteia merecia cair do salto da arrogância... Zé Wilker e Laura Cardoso merecem os nossos fervorosos aplausos.

Eduardo disse...

Parabens pelo artigo Sergio, porem, pra mim elogia esses dois grande atores, assim como seu texto se torna ate repetitivo. A cena em quetão pra mim esta entre as melhores de 2012, assim como o embate de Ana e Manuela em A Vida da Gente e o Enterro de Nina em Av. Brasil.

Clau disse...

Oi Sérgio :)
José Wilker e Laura Cardoso,dispensam comentários.São maravilhosos.
Não vi essas cenas que vc descreveu,mas pelo jeito foram impactantes...
Desculpe a redundância,mas:
'adorei o post'.
Bjs!

Barbie Californiana disse...

Uma das cenas que eu mais gostei dessa novela, foi a de sexta-feira, quando o Padre fala: "Eu vos declaro: marido e ESPOSA!" Se eu casar um dia, pedirei para o padre falar assim, pois eu não vejo sentido o homem ser chamado de marido e a mulher de mulher num casamento... E sobre a atuação de José Wilker e Laura Cardoso, foram sensacionais mesmo... pelas redes sociais, não canso de ver: "sexta-feira", chegue logo que eu quero lhe usar!"... "Isso tudo é coisa de quenga" hahaaa beijos e linda noite.

ELAINE disse...

Sérgio, meu amigo! Parabéns! Sempre posts ótimos, bem feitos! Vale muito à pena vir aqui e ler o que você escreve... Não sei se feliz ou infelizmente, não assisti Gabriela, dando uma breve espiada aqui e ali e não gostei muito do que vi... Não sei se foi por ter assistido a versão feita com Sônia Braga, que não consegui evitar a comparação e, o personagem principal, pelo menos deveria ser, pois carrega o nome da novela, em minha opinião deixou tanto a desejar....Tanto em interpretação quanto em caracterização! Um abençoado e feliz final de semana!
Abraço fraterno e carinhoso!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

Samanta Sammy disse...

Olá querido amigo, como vai?

Desculpe a demora maior que o normal é que estive viajando por vários dias, visitando a família que mora longe e na volta, apareceu um caroço no meu pulso que está dificultando bastante a digitação... e dói um pouco :( Mas devagarinho vou visitando os amigos :)

Não assisti Gabriela, mas pelas redes sociais acompanhei muitos dos memes destes personagens, e pelos trabalhos anteriores que assisti destas duas feras, tenho certeza de que realmente agregaram muito valor e diversão à trama! Ótimos profissionais que merecem nossa admiração e respeito, adoro os dois!! :D

Um mega abraço e bom fim de semana :D

LUIZ disse...

nunca ví essa novela, mas pelas chamadas parece ser chatissima, tudo é over, até os monstros sagrados estão caricatos, uó!

Roberta Ribeiro disse...

Sergio que maravilha Laura Cardoso, "os Coroneis todos".
Que trabalho lindo.
Hj nos despedimos de mais uma obra genial deste ano de 2012.
Orar para que tenhamos mais bons trabalhos assim!

Jeanne Geyer disse...

não vi esta novela como não vi a original. nada contra, mas não gosto deste estilo. Mas é sempre bom receber informações de uma pessoa que entende, beijos

Vanessa disse...

Sérgio,
Vi pouco ou quase nada de "Gabriela". E vc pode se perguntar: por que então essa fulana veio comentar aqui? rs.
Pois bem.. Porque sou super fã dessa senhorinha! Que mulher extraordinária. Tudo que a Laura Cardoso faz é de se aplaudir de pé! Seja uma vovózinha fofa, seja uma vilã das boas.
Laura é dessas atrizes que eu AMARIA encontrar um dia só para dizer o quanto a admiro! E, claro, para agradecer por nos brindar com tanta verdade.

Beijos, querido

Rita disse...

♥-:¦:-*´¨`*-:¦:-*´¨`*-:¦:-*´¨`*-:¦:-♥
Sergio cade vc sumiuuuuuu

Abraços!!!!

Sérgio Santos disse...

Amigos, primeiramente gostaria de pedir desculpas a todos pela minha ausência. Sumi por dois dias, mas já estou de volta! Agora vamos para as respostas!

Sérgio Santos disse...

Eder, obrigado. Abraço pra você também!

Sérgio Santos disse...

Oi Kellen, a Laura é realmente excepcional e Wilker idem! Grandes cenas! Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Elvira, obrigado pelo comentário. Eles se destacara e mereceram cada elogio recebido. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Rita, obrigado pelo comentário. São grandes atores! ps: sumi, mas já voltei! rs Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Thallys, foram destaques merecidos e Walcyr provou que também é capaz de escrever novelas para o horário mais adulto, embora já tivesse provado com Xica da Silva.

Laura e Juliana fizeram uma linda cena mesmo e foi tocante o olhar entre as atrizes. Enfim, show! Abração!

Sérgio Santos disse...

Oi Felisberto, realmente o horário não é o dos melhores mas até que Gabriela foi exibida mais cedo que O Astro em algumas ocasiões. Abração e obrigado.

Sérgio Santos disse...

Oi Sissym, rir nada! Respeito você não ter gostado! rsrs Beijão!

Sérgio Santos disse...

Oi Carlos, que bom que você viu essas duas cenas! Foram as melhores do capítulo mesmo. O que foi Laura Cardoso? Espetacular! Também acho que Juliana se emocionou com ela, mas também, quem não se emocionaria? Abração.

Sérgio Santos disse...

Anônimo, obrigado! Aplausos mesmo. Ela mereceu cada palavra elogiosa desde que começou nessa novela. Dorotéia foi um marco para a novela e para a atriz. Será inesquecível. Wilker é outro que ganhou um presentão. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Oi Eduardo, é verdade, acaba caindo na mesmice elogiá-los. Você citou grandes cenas e que eu lembro de cada detalhe de cada uma. Show mesmo! Abraços.

Sérgio Santos disse...

Oi Clau, os atores são ótimos e achei obrigatório escrever sobre eles. Obrigado pelo carinho de sempre. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Barbie, esses bordões caíram na boca do povo. Foram os mais repetidos da novela e na boca dos atores ficou ainda melhor. Como não rir?

Olha, nunca reparei nisso do casamento. Tem sentido, viu? rs Beijão!

Sérgio Santos disse...

Oi Elaine, obrigado pelo carinho. Sim, você foi uma das muitas que rejeitaram a Gabriela. Não emplacou mesmo. Enfim, mas acho Juliana boa atriz, só não foi feliz agora. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Samanta, não tem problema algum. Também me ausentei nos últimos dias, entendo. Espero que esse caroço suma logo e você fique bem!

Gabriela foi um sucesso mesmo e mereceu. Beijos e obrigado pelo comentário.

Sérgio Santos disse...

Oi Luiz, obrigado pelo comentário. Abraço!

Sérgio Santos disse...

Robert,a realmente esse ano foi promissora para a teledramaturgia. Muitas coisas boas. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Jeanne, obrigado pelo comentário! Grande beijo!

Sérgio Santos disse...

Vanessa, você pode comentar aqui tendo assistido ou não o tema do meu texto. Sempre será bem-vinda! Laura é maravilhosa, né? Como não ser fã? Tem como? Beijão!

Marcos Mariano disse...

A grandiosidade desses dois atores é incontestável, e seus personagens tiveram tanta força que até as redes sociais usaram seus bordões, eu me divertia quando via frases no face com o bordão "Vou lhe usar" ou "É tudo quenga", isso mostra que o personagem caiu no gosto do povo.

Abraços

Sérgio Santos disse...

Oi Marcos, é verdade, foi uma junção de acertos: o talento dos autores, com bordões que pegaram, e um texto ótimo. Abração.

Bia Hain disse...

Oi, Sérgio, tem razão. Eu não pude acompanhar toda a novela devido ao horário, mas nos poucos capítulos que assisti era inegável o talento dos atores citados. laura Cardoso, então, é um ícone das novelas da Globo, mesmo com idade avançada ela é sensacional! Um abraço!

Sérgio Santos disse...

Oi Bia, pois é, imaginei que você não estivesse acompanhando justamente por isso. Laura é fantástica. Beijão!