sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Na pele do sarcástico Ascânio, Tonico Pereira se destaca merecidamente em "A Regra do Jogo"

Ele tem 67 anos de idade e mais de 40 de carreira. São mais de 50 filmes e mais de 30 trabalhos na televisão, incluindo novelas e séries. Tonico Pereira é um grande ator e vem se destacando na pele do picareta Ascânio, em "A Regra do Jogo". João Emanuel Carneiro o presenteou com um dos melhores personagens da atual trama das nove, proporcionando para o intérprete uma volta aos folhetins em grande estilo.


Afinal, a última novela que contou com sua participação foi "Desejos de Mulher", em 2002. Desde então, Tonico passou a integrar o elenco fixo de "A Grande Família", vivendo o hilário Mendonça, e ficou até o final do seriado de sucesso. Porém, ao contrário da maioria dos colegas da série da Família Silva, o ator também chegou a marcar presença em outras produções ao longo deste tempo. Por exemplo, nas minisséries "A Casa das Sete Mulheres" (2003) e "Amazônia - de Galvez a Chico Mendes" (2007), além do seriado "Carga Pesada" (2004) e da série "Decamerão - A Comédia do Sexo" (2009).

Agora, em "A Regra do Jogo", Tonico tem defendido com competência o sarcástico Ascânio, ex-braço direito de Romero Rômulo (Alexandre Nero). O personagem, na verdade, não passa de um pobre coitado que não tem onde cair morto. Ele praticamente criou o protagonista da história, logo após 'conhecê-lo', quando o mesmo tentou roubá-lo quando ainda era uma criança.
A partir de então, virou uma espécie de 'professor do crime' daquele jovem, que se transformou em um homem picareta, falso defensor dos direitos humanos, e integrante de uma perigosa facção criminosa.

O ator forma uma dupla perfeita com Alexandre Nero e as cenas deles são sempre repletas de tiradas sarcásticas. Os personagens se gostam, ao mesmo tempo que não se suportam, e tem uma relação de gato e rato. Ascânio era sustentado por Romero, mas gastava tudo o que recebia com bebida e mulheres. Tanto que sempre está na pior, ao contrário de seu 'pupilo', que aproveita a mordomia em um luxuoso apartamento, que mantém às escondidas. A sintonia dos atores é um dos pontos altos do núcleo, diretamente ligado ao enredo central da novela.

E Tonico também protagoniza sequências muito boas com Giovanna Antonelli. Desde que Ascânio traiu a confiança de Romero, contando vários de seus podres para Atena, o picareta estabeleceu uma espécie de elo com a 171. Ele ainda descobriu o passado de golpes da oportunista, além de seu verdadeiro nome (Francineide). Os momentos dos dois juntos costumam ser hilários, sempre com um alfinetando o outro. O trambiqueiro, por sinal, mudou de 'dependente'. Agora é a Atena quem o sustenta no apartamento de luxo do Romero. A vilã mora atualmente no local junto com o 'velho', que recebeu esse apelido 'carinhoso'.

Aliás, toda esta relação que Ascânio estabeleceu com o 'casal' funcionou perfeitamente na trama. Romero e Atena estavam inicialmente ligados justamente por causa dele, que traía os dois ao mesmo tempo, fornecendo informações em troca de benefícios. Porém, o picareta já mostrou que tende a ir mais para o lado da 'Ateninha', pois começou a nutrir uma paixão platônica pela bandida. Os dois, inclusive, passaram a contar exclusivamente um com o outro, depois que Romero se aproximou de Tóia (Vanessa Giácomo). Tonico Pereira vem brilhando em todas essas situações e sabe usar o sarcasmo do personagem com maestria.

Vale lembrar que sua primeira novela foi "Gabriela", em 1975, quando interpretou o Chico Moleza. Mas até hoje ele é lembrado pelo Zé Carneiro, personagem do "Sítio do Pica-Pau Amarelo", onde atuou de 1977 a 1985. Outras produções que contaram com seu talento foram "Anos Dourados", "O Primo Basílio", "Que Rei Sou Eu?", "Engraçadinha - seus amores e seus pecados", "História de Amor", "Por Amor", "Andando nas Nuvens", "Porto dos Milagres", entre outras.

E, meses antes de estrear na atual trama das nove, o ator deu um show na impecável série "Amorteamo", onde viveu o enigmático Zé, coveiro que amava conversar com os defuntos do cemitério. A história mesclou humor e terror com competência e o ator viveu um dos principais perfis, fazendo ótimas cenas com Johnny Massaro, que interpretou Gabriel, o único amigo vivo do solitário homem, que no final acabou indo para o mundo dos mortos.

Tonico Pereira é um profissional merecedor de todos os elogios e tem sido um prazer vê-lo de volta às novelas vivendo um tipo tão bem construído quanto o Ascânio ---- que nada mais é do que o grande 'coringa' da trama das nove. O parasita é um dos melhores personagens de "A Regra do Jogo" e o ator tem aproveitado a oportunidade dada por João Emanuel Carneiro, que nada mais fez do que reconhecer e valorizar o talento do intérprete.

22 comentários:

Rafaella disse...

Ele é maravilhoso! AMO O ASCÂNIO!

Renato disse...

Tá ótimo no personagem e é um dos poucos que salvam a trama.

Anônimo disse...

E pensar que ele ficou anos sendo subaproveitado naquela Grande Família.

Vera Lúcia disse...

Olá Sérgio,

Ele é um ótimo ator e é mesmo muito bom vê-lo de volta às novelas. Não sou fã do personagem 'Ascânio', mas, sem dúvida, é brilhantemente interpretado por Tonico Pereira.

Ótimo texto.

Excelente final de semana.

Abraço.

Ernane disse...

Me divirto muito mais com ele do que com os 500 núcleos cômicos desnecessários dessa novela. Tonico é show!

Larissa disse...

Realmente ele está ótimo e merecia esse texto. Acho que o Ascânio no fundo não é má pessoa e ele estava de branco no teaser como vc bem colocou naquela postagem do mês passado.

Anônimo disse...

Novelinha chata e brega, mais decadente a globo não poderia estar. Não é essa a emissora que eu assistia, o que aconteceu?

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Tonico Pereira está excelente como Ascânio: apaixonado pela Atena, que praticamente o trata a pontapés; vende as informações que tem a quem pagar mais; tem uma relação de cão-e-gato com Romero. Enfim, mais um bom personagem na galeria do grande ator.

Sissym Mascarenhas disse...



Ele está ótimo! Muito bom.

MARILENE disse...

Sergio, quando o ator é bom sabe aproveitar as oportunidades. Seu papel, até sem representatividade, ganhou espaço. E ele está mesmo muito bem. Bjs.

Ed Taborda Assunção disse...

O Tonico realmente está ótimo e seu personagem é bem engraçado, mas acho essa novela um pé no saco. Ainda tava esperando alguma coisa mas ela fica num eterno jogo de gato e rato e com reviravoltas de 360°. Ainda espero que o Ascânio realmente tenha um passado sofrido, eu sempre tive essa impressão.

Sérgio Santos disse...

Idem, Rafaella.

Sérgio Santos disse...

Tá ótimo mesmo, Renato.

Sérgio Santos disse...

Eu adorava o Mendonça, anonimo, mas concordo que merecia aparecer mais msm.

Sérgio Santos disse...

Ah, eu sou fã do Ascânio, Vera. rs bjs

Sérgio Santos disse...

Eu tb, Ernane.

Sérgio Santos disse...

Exato, Larissa. Ele tava de branco e isso deve significar algo.

Sérgio Santos disse...

Ok, anonimo.

Sérgio Santos disse...

É isso, Elvira!

Sérgio Santos disse...

Tá mesmo, Sissym. Bom te ver aqui. bjs

Sérgio Santos disse...

Perfeito, Marilene. bjs

Sérgio Santos disse...

Tb ainda espero por isso, Ed. E acho a novela regular e só.