quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Elias Gleizer volta em "Flor do Caribe" e mata as saudades do público com seu talento

"Flor do Caribe" está em suas semanas finais e os teasers de "Joia Rara", a nova novela das seis, já começam a surgir nos intervalos da Globo. E embora a trama continue com um ritmo mais vagaroso, sem despertar maiores empolgações, Walther Negrão acertou ao presentear o público com a volta de um grande ator que entrou para participar dos capítulos finais: Elias Gleizer.


Afastado das novelas desde "Passione" (2010), onde viveu um hilário triângulo amoroso com Cleyde Yáconis e Leonardo Villar ---- como esquecer das brigas entre Diógenes, Brígida e Lutero? -----, o ator de 79 anos estava fazendo muita falta na televisão. E após ter se recuperado de um problema de saúde, ele próprio chegou a dizer que já estava entrando em depressão após ficar tanto tempo na ociosidade e que ter voltado à tv era como ter voltado à vida. .

Elias ganhou do autor da novela das seis o Manolo, um cigano espirituoso e melhor amigo de Samuel (Juca de Oliveira). O alegre senhor também é um sobrevivente que presenciou as crueldades do nazismo e a frieza de Dionísio na época da guerra. Sua vinda está diretamente ligada à queda do vilão, que será
desmascarado graças ao colega do pai de Ester (Grazi Massafera).

Além de presentear o telespectador com o retorno desse grandioso ator, Walther Negrão ainda deu um jeito de Manolo se aproximar de Veridiana. Ou seja, conseguiu melhorar o que já estava bom ao proporcionar ótimas cenas com Elias Gleizer brilhando ao lado da mestra Laura Cardoso. A sintonia da dupla foi imediata e um lindo casal ficou prestes a se formar. E não dá para não torcer e nem se emocionar com um par formado por esses dois atores extraordinários. Também vale destacar as lindas sequências em que Elias emocionou ao lado de Juca de Oliveira, quando Manolo e Samuel se lembraram do terror dos campos de concentração.

Com mais de 50 novelas na carreira ---- começando em 1959 em "José do Egito", na extinta TV Tupi ----, Elias Gleizer apresenta um currículo invejável e uma admirável capacidade para interpretar. Após ter se destacado em inúmeros trabalhos ---- onde "Direito de Amar" (1987), "Tieta" (1989), "Mico Preto" (1990"), "Era uma vez" (1998), "Terra Nostra" (1999), "Como uma onda" (2004)", "Sinhá Moça" (2006) e "Passione" (2010) são apenas alguns destaques de sua longeva participação na teledramaturgia -----, e ter se firmado como um dos grandes atores do país, esse querido profissional acabou virando parte da família de todos os amantes das novelas. E como tal, jamais poderia ficar tanto tempo afastado da telinha e do carinho do público.

O Manolo de "Flor do Caribe" marcou a volta de Elias Gleizer, que ganhou um ótimo personagem de Walther Negrão após ter ficado três anos longe da telinha. Mas não foi só o ator que comemorou esse presente. De acordo com o "Jornal Extra", todo o elenco o aplaudiu quando o veterano pisou no set de gravação da novela das seis pela primeira vez. E, com toda certeza, se o público estivesse presente nesse agradável dia também aplaudiria. E de pé.

30 comentários:

A Viajante disse...

Ele é um excelente ator, sim! E a novela ganhou um novo tom, com ele. Beijo, Sérgio! Uma ótima postagem.

Thallys Bruno Almeida disse...

Perfeito artigo, Sérgio. Elias é um de nossos maiores atores e Walther Negrão acertou em cheio ao trazê-lo pra trama. As parcerias dele com Laura Cardoso, Sérgio Mamberti e Juca de Oliveira são um presente pra nós que adoramos ver esses gênios brilhando. E isso confirma, mais do que nunca, que "Flor do Caribe" é a novela dos veteranos.

Aquele triângulo de Passione era sensacional, ainda mais com Dona Brígida (a divina Cleyde Yáconis) pegando todo mundo. Abçs!

Neli Souza disse...

Sergio,
não acompanho Flor do Caribe por problema de horário.Mas, outro dia, cheguei e estavam na tela ,contracenando o Elias G. e a Laura Cardoso. Não pude deixar de vê-los, ouvi-los e admirá-los.Que luxo contar com atores deste naipe em uma produção.Emocionante.
Um abraço.

Milene Lima disse...

Gosto demais do Elias Gleizer. Só não me empolguei muito com o Manolo porque acho essa trama do nazismo muito sem pé nem cabeça. Mas, enfim, viva a licença poética, ainda que carregue um tanto de chatice em determinadas situações.

Beijo, Sérgio.

Letícia disse...

Boa noite meu caríssimo Sérgio,

Belíssima homenagem para um dos meus atores favoritos, sua e do Walter Negrão que teve a ideia por trazer de volta a ativa um excelente ator e que já fazia falta na televisão. Realmente fiquei feliz em saber que voltou, principalmente, depois de passar por um momento delicado, mas agora restabelecido nos vem presentear com sua atuação.

Reconheço que até agora Flor do Caribe não me conquistou, e tão pouco me interessou, mas assisti alguns poucos capítulos apenas para matar a saudade de estava do Elias Gleizer, mesmo que aparece em poucas cenas e vale a pena aturar a novela.

Não seria a primeira vez que Elias Gleizer atua junto a Laura Cardoso, sei que houve uma novela ainda na década 1980 que eles formaram um casal, mas não sei qual é. Enfim, dois atores que merecem sempre destaque, pelo talento obviamente, também pela querida presença deles em novelas.

Confesso que estranhava a ausência do ator na telinha, já que ele sempre era presença obrigatória em alguma novela, provavelmente, da sua geração, é um dos mais ativos. Espero que de agora em diante não fique tanto tempo ausente.

Eu não sabia que a equipe da novela tinha feito uma homenagem a ele quando entrou no estúdio para gravar, deve ter sido uma bela homenagem e realmente merecida.

Um abraço Sérgio e até a próxima.

Celina Alves disse...

Ele é um excelente ator, ao lado da Laura Cardoso é tudo de bom, deu uma sacudida na novela.
BjoBjo;)
Celina Alves
Luxos e Luxos

Felisberto Junior disse...

Olá!Boa noite
Sérgio
realmente, ele estava fazendo falta na telinha, e ao lado da Laura Cardoso,"mexeu" com o astral da novela,para o lado positivo.Fico com as palavras dele,quando retornou:
"Quando a gente tem boa vontade, arruma tempo para tudo."
Obrigado pelo carinho
Belos dias
Abraços

Barbie Californiana disse...

Nossa, eu estava mesmo sentindo falta dele, ele é um excelente ator. beijos

eder ribeiro disse...

Sérgio, o Elias Gleizer é a cara das novelas das seis. É gratificante ver oportunidades sendo dada para atores da terceira idade. Abçs.

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Perfeito artigo, Sérgio. Elias Gleizer merece todos os elogios. Sua entrada em cena só enriqueceu o elenco. Ele tem feito ótimas cenas com Juca de Oliveira e Laura Cardoso.

Clau disse...

Oi Sérgio,boa noite :)
Elias Gleizer é maravilhoso,tem um talento ímpar e um currículo excepcional.
É um mestre que merece ser reverenciado.
Bjs!

Sérgio Santos disse...

Ju, muito obrigado pelo carinho. bjs

Sérgio Santos disse...

Obrigado, Thallys. Elias é maravilhoso e sentia falta dele. Bom vê-lo de volta. Sim, ele, Laura, Juca e Sérgio formam uma boa turma.

Saudades desse triângulo de Passione. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Neli, eu vejo pouco mas é porque a novela não me conquistou mesmo, como já havia dito pra você no Twitter. Mas sem dúvida sempre é um privilégio ver essa dupla em cena. bjssss

Sérgio Santos disse...

Milene, se já tinha ficado meio forçado o Juca de Oliveira ser uma criança na época em que o Sérgio Mamberti já era adulto, imagina o Elias Gleizer... Ficou forçado mesmo, mas nesse caso encaro como licença poética mesmo. Porém, a novela no geral, vc sabe, não me empolgou. bjsssssssssss

Sérgio Santos disse...

Olá minha cara Letícia. Pois é, assim como você eu também não fui fisgado pela novela. Cheguei a me empolgar por um período mas não durou muito e resolvi 'abandoná-la' de vez. Mas uma coisa ou outra a gente sempre acaba vendo. E a volta do Elias foi muito bem vinda.

Ele passou por um momento delicado mesmo e achei que sua ausência poderia ser definitiva, por causa da maldita hemodiálise que toma tempo dele. Mas que bom que me enganei.

Também espero que ele volte logo e de preferência em uma novela que eu goste de acompanhar, como foi o caso de Passione.

Ih, também não sei que novela foi essa. Aliás, tive até dificuldade para escolher essas tramas, porque são mais de 50! Beijão!

Sérgio Santos disse...

Ele e Laura são magistrais, Celina. bjs

Sérgio Santos disse...

Uma pessoa como o Elias sempre faz falta, Felis. Foi um prazer vê-lo de volta. Obrigado pelo comentário. abçs

Sérgio Santos disse...

Eu também, Barbie. bjsss

Sérgio Santos disse...

É gratificante mesmo, Eder. Aliás, sou um eterno defensor dos veteranos. abçsss

Sérgio Santos disse...

Obrigado, Elvira. E formou um lindo casal com a Laura. Pelo menos um quase casal porque na cena em que eu vi era o início de uma 'paquera'. bjssss

Sérgio Santos disse...

Assino embaixo, Clau! =) Bjão

BIA disse...

Também gosto muito deste ator, além de talentoso é um fofo!!! Bom fim de semana Sérgio!!!
Bjs :)

Catarino disse...

Ele é ótimo mesmo.
Aposentadorias

Sérgio Santos disse...

É verdade, Bia. Uma simpatia. bjssss

Sérgio Santos disse...

Obrigado pelo comentário, Catarino. abç

Filha do Rei disse...

Obaa!! Outro que admiro e que é maravilhoso vê-lo em cena.

Sérgio Santos disse...

É mesmo, Cléu.

Anônimo disse...

Foi muito bom rever esse grande ator! Uma pena que seja em uma novela tão chata, tão sem pé nem cabeça, tão previsível e tão políticamente correta. Aliás, o Elias e a Laura não faziam uma dupla de ciganos em Explode Coração?

Sérgio Santos disse...

Anônimo, também acho essa novela muito chata e lamento que ele não tenha retornado numa melhor, mas enfim... Acho que fizeram sim, mas confesso que não lembro. abçs