quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Canal Viva homenageia atrizes e presenteia o público com a criação da série "Damas da TV"

A televisão foi criada para ser um objeto de entretenimento e informação. Mas a verdade é que esse inanimado objeto acabou virando muito mais que isso: se transformou em um grande companheiro e acabou se tornando parte da família. Com certeza é um dos eletrodomésticos que ficam mais tempo ligados. E após o surgimento da tevê, o público pôde conhecer inúmeros talentos através de seriados, programas e claro, novelas, a paixão do brasileiro. E a teledramaturgia foi o produto que mais revelou (e ainda revela) profissionais (autores, diretores, atrizes e atores) que são admirados e reverenciados até hoje. Portanto, nada mais justo do que criar um programa para homenagear algumas dessas pessoas; no caso, as atrizes foram as escolhidas da vez. E foi exatamente o que o canal Viva fez ao lançar o "Damas da TV".


Idealizado pelo produtor cultural e diretor da CAL (Casa das Artes de Laranjeiras, que fica no Rio de Janeiro), Hermes Frederico, o programa de entrevistas teve como objetivo celebrar os 50 anos de telenovela brasileira através de homenagens a grandiosas mulheres que engrandeceram o gênero e ainda ajudaram a estabelecê-lo como o mais querido do país com suas magníficas atuações. Cada episódio (serão 23 entrevistadas) terá 25 minutos de duração e irá ao ar todas as quartas-feiras, às 21h. O critério para a escolha das convidadas foi que tivessem mais de 40 anos de novelas e fossem atuantes até hoje.

O Brasil, para a sorte do público, está repleto de extraordinárias atrizes. Mas conseguir entrevistá-las nem sempre é uma tarefa fácil. Entretanto, o canal a cabo da Globosat atingiu esse complicado objetivo em prol dessa excelente produção, que estreou nessa quarta (28/08). Glória Menezes ---- a protagonista da primeira novela diária da história ("2-5499 ocupado", na extinta TV Excelsior) ---- abriu a temporada com uma deliciosa entrevista,
esbanjando sua já conhecida simpatia e revelando várias curiosidades, incluindo sua relação com Tarcísio Meira. Foi um papo tão gostoso e descontraído que nem deu para sentir o tempo passar. Aliás, é bom ressaltar que 25 minutos de conversa é muito pouco para ouvir profissionais com tantas experiências e trabalhos acumulados.

Além de Glória Menezes, Yoná Magalhães, Regina Duarte, Glória Pires, Marieta Severo, Nathalia Timberg, Renata Sorrah, Fernanda Montenegro, Ana Rosa, Aracy Balabanian, Betty Faria, Arlete Salles, Débora Duarte, Eva Wilma, Irene Ravache, Joana Fomm, Laura Cardoso, Marília Pêra, Nicette Bruno, Nivea Maria, Rosamaria Murtinho, Ruth de Souza e Susana Vieira foram merecidamente homenageadas pelo programa. Ou seja, o telespectador não tem o direito de perder nem um episódio sequer.

A história dessas mulheres se misturam com a história da televisão. Todas deixaram suas marcas e abrilhantaram as novelas ao longo desses 50 anos. Algumas delas cresceram diante da tevê, fazendo com que o telespectador acompanhasse não só o amadurecimento artístico, como também o desenvolvimento da pessoa, que saiu da infância, entrou na adolescência e virou adulta diante dos olhos de todo o Brasil. Outras já começaram adultas e foram adquirindo as rugas da experiência e da vivência tendo o público de testemunha. Sem dúvida é uma turma merecedora de muitas homenagens. Pena que a saudosa Cleyde Yáconis se foi antes de participar.

Esse time de ícones da teledramaturgia merece ser reverenciado e aplaudido por todos os trabalhos apresentados ao longo desses anos. São atrizes que dedicaram e ainda dedicam suas vidas às artes. O Canal Viva está presenteando seu telespectador com um programa de imensa qualidade e, agora, ao contrário das tradicionais reprises exibidas, acabou criando um produto próprio que ficará para a posteridade ---- marcando tanto a história do canal a cabo, quanto a vida dessas extraordinárias mulheres.

36 comentários:

Barbie Californiana disse...

Sérgio, sem dúvida a homenagem é mais do que justa, só discordo da parte que tu falas onde a TV é o objeto que fica mais tempo ligado... rs beijinhos e linda noite.

Celina Alves disse...

Uma pena que não tenho esse canal aqui em casa!
BjoBjo querido;)
Celina Alves
Luxos e Luxos

Felisberto Junior disse...

Olá!Bom dia
Sérgio
que bela ideia do Canal Viva. Eu não estava sabendo desse programa.É uma justa homenagem às essas Damas, que se "confundem" com a própria história da teledramaturgia e televisão brasileira...vou sim tentar assistir!
Obrigado
Belo dia
Abração

✿ chica disse...

Homenagem justa e merecida! abração, tudo de bom,chica

Elisabete disse...

Sem dúvida que no Brasil, há grandes damas da TV. Justa homenagem!
Fique bem.

Clau disse...

Bom dia Sérgio :)
Que linda homenagem a essas Damas maravilhosas.
Pôxa,estreou ontem e eu perdi...
Pena que 25 minutos é pouco,
mas vou tentar ver os próximos programas.
Bjs \o/

Rafael Barbosa disse...

Uma ideia maravilhosa essa do Viva, reunir as maiores atrizes brasileiras e relembrar suas carreiras que se confundem com a historia de toda a teledramaturgia. Sem dúvida é um presente para as atrizes, para seus fãs e para os noveleiros. Todos os envolvidos estão de parabéns, as atrizes merecem todas as homenagens e serem reverenciadas sempre pelo que fizeram e fazem.

Abraços

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Realmente, Sérgio, as entrevistadas foram escolhidas a dedo. Acho que foi difícil selecionar apenas 25 minutos de uma conversa de uma hora e meia, com cada uma delas. Também lamentei que Cleyde Yáconis tenha falecido antes desses programas.
Agora, seria bom que os atores veteranos dessem seus depoimentos.

Waldir disse...

Elas merecem sempre que posso vejo o viva gosto da programação principalmente os programas de humor e reprise de algumas novelas.

Neli Souza disse...

Estou inconformada por ter perdido. Li sobre, me preparei para curtir o 1º e... liguei às 21.30,ou seja, depois do programa terminado :( Fico na espera dos demais e na reprise deste com Glória Menezes.

VERINHA TIBURSKI disse...

Olá Sergio
O canal VIVA é tudo de muito bom não é? Eu adoro assisti-lo quando posso, esta reprisando uma novela que era super viciada RENASCER, simplesmente adorei e é bom revê-la ou revive-la.
Também adorei esta série, ficamos conhecendo mais um pouquinho de nossas atrizes preferidas. Se bem que eu gosto de quase todas, tenho uma implicaçãozinha com a Renata Sorrah que acho que ela força muito ou será porque fiquei com muita raiva da vilã ladrona de bebes a Nazaré Tedesco...rsrsr
Amigo obrigada pelo carinho da visita. Beijos.

Adriana Helena disse...

Oi Sérgio, que legal amigo!
Recentemente adquiri um pacote de tv a cabo e estou adorando a variedade da programação nos canais!
A tv VIVA é maravilhosa e a homenagem que estão preparando vem em ótima hora!
Afinal são todas excelentes atrizes cujo trabalho trouxe muita emoção!

Beijos amigo e ótima tarde!

Demian disse...

Sérgio, não acredito que perdi... Vc sabe qual é o horário alternativo do programa? Senti falta da Elizabeth Savalla nesta lista, ela merecia ser homenageada também... abraços

eder ribeiro disse...

Já estava mais do que na hora de essa homenagem vir ao ar. Abçs, Sérgio.

Bruno Marques disse...

Sérgio,realmente muito boa a ideia do Viva em homenagear as nossas grandes damas da TV!!!
Adorei a estreia com a Glória Menezes e faço questão de acompanhar todos os programas.
Só lamento por ser tão curto!!!
De qualquer forma tá valendo.Nossas grandes estrelas merecem homenagens sempre!!!
Abração!!!

Thallys Bruno Almeida disse...

Ótimo artigo, Sérgio. Essa homenagem às nossas atrizes foi mais um acerto do canal esse ano, junto com os episódios inéditos do Sai de Baixo.

Todas elas têm realmente muita história pra dividir com o público, relembrando seus grandes papeis e histórias de bastidores. A seleção foi perfeita, desde as mais "novas" (Regina, Renata, Glória Pires, Marília) às mais veteranas (Fernandona, Glória Menezes, Laura). Pena durar tão pouco. Aliás, pena tbm que a Ruth de Souza esteja sumida das tramas, assim como a morte prematura da Cleyde.

O Viva tá de parabéns por esse programa e por essa homenagem a nossas ATRIZES, assim mesmo em maiúsculas porque elas merecem. Abçs!

Filha do Rei disse...

Ah, que pena que não posso acompanhar. Chorei :)

Sérgio Santos disse...

Tudo bem, Barbie. rsrsrs bjssss

Sérgio Santos disse...

Pena mesmo, Celina. bjssss

Sérgio Santos disse...

Tente mesmo, Felis. É uma justa e merecida homenagem, vale a pena. Abçs

Sérgio Santos disse...

Sem dúvida, Chica. bjs

Sérgio Santos disse...

Obrigado pelo comentário, Elisabete. bj

Sérgio Santos disse...

Clau, o programa também reprisa em horários alternativos. Só não sei quais... :( Mas veja mesmo. bjsss

Sérgio Santos disse...

É verdade, Rafael. É um presente para elas, merecido, e também para nós que somos fãs. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Elvira, seria tão lindo ver a Cleyde lá. Pena que não deu tempo. Eu li que a ideia é também fazer um com os veteranos. Que bom. bjsss

Sérgio Santos disse...

Eu também vejo muito o Viva, Waldir. O canal é ótimo e a homenagem é muito justa. abçs

Sérgio Santos disse...

Reprisa sim, Neli! E foi um grande programa. Vale a pena tentar achar e ver. bjssss ;)

Sérgio Santos disse...

Será que vc tem implicância com a Sorrah por causa da Nazaré, Verinha? rsrs Mas o Viva é muito bom mesmo e a homenagem foi merecida. Não gostei dessa Renascer não. rs bjssss

Sérgio Santos disse...

Até que enfim, Adriana! Já tá fascinada pelo Viva, né? Imaginei. rs Beijos e bom fim de semana.

Sérgio Santos disse...

Poxa, Demian, eu não sei. Mas no site do canal deve informar. Olha, eu cheguei a me perguntar pq a Lilia Cabral não tava, mas aí constatei que ela não tem 40 anos de novelas. Não sei se a Savalla também não tem, mas se tiver, foi uma GRANDE injustiça. Aliás, Ana Lucia Torre é outra ausência sentida. Só não sei se tb tem mais de 40 anos de novelas. abçs

Sérgio Santos disse...

Verdade, Eder. abçs

Sérgio Santos disse...

Também adorei a estreia, Bruno e não ousarei perder nenhum. Só terei que deixar gravando pra ver depois porque passa na mesma hora que Amor à Vida. Abçsss

Sérgio Santos disse...

Essa ideia foi tão boa quanto a dos episódios inéditos do Sai de Baixo mesmo, Thallys. Também lamento que a Ruth esteja sumida. Abçs

Sérgio Santos disse...

Vc ia adorar, Cléu. bj

Demian disse...

Então foi isso, Sérgio. Se o critério foi ter 40 anos de TV, então a Savalla não entraria mesmo, acho que ela começou na TV em Gabriela, que é de 75. Da mesma forma, Ana Lúcia Torre, Lília Cabral, Eva Todor não teriam como entrar também... Poderiam ter incluído Suely Franco e Norma Blum, essas sim, estariam dentro do critério e mereciam homenagens!!!

Sérgio Santos disse...

Então foi isso mesmo, Demian. Mas o esquecimento de Suely Franco e Norma Blum foi lamentável. abçssss