sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Zezé Polessa e Tato Gabus Mendes: uma dupla que deu certo em "Império"

O núcleo começou com pouca importância na novela "Império", mas aos poucos cresceu e foi ganhando cada vez mais espaço, muito em virtude do romance de Maria Isis (Marina Ruy Barbosa) e José Alfredo (impecável Alexandre Nero). Porém, ao longo dos capítulos, a trama de Severo (Tato Gabus Mendes) e Magnólia (Zezé Polessa) teve sua importância aumentada, honrando o talento dos atores, com direito a situações vividas exclusivamente por eles, sem a necessidade da dupla ser escada.


Os pais de Maria Isis e de Robertão (Rômulo Arantes Neto) são dois interesseiros natos e não se envergonhavam de explorar os filhos, pelo contrário, se orgulhavam deste feito. Enquanto arrancavam dinheiro que a ninfeta ganhava do seu comendador, os dois também tentavam pegar o dinheiro conseguido pelo filho, através de golpes dados em Téo Pereira (Paulo Betti), e ainda se envolveram em alguns trambiques, como a falsificação de um exame de DNA, após o pagamento de Cora (Drica Moraes).

Os personagens são picaretas e deploráveis, mas tudo que gira ao redor de ambos tem humor. A virada da trama ocorreu quando ficaram milionários graças a uma aposta que Severo fez com o dinheiro conseguido através de uma chantagem ----- que a esposa fez com o comendador. O casal passou a ostentar e transbordar cafonice nesta fase rica.
Os atores aproveitam a oportunidade dada pelo autor e se destacam cada vez que aparecem, mesmo com o esgotamento do enredo que os cerca. Aliás, apesar dos evidentes sinais de repetição, é preciso ressaltar que este é o único núcleo paralelo de "Império" que funciona.

As ironias e os diálogos são sempre ferinos e o deboche costuma ser o tom preferencial do par, até mesmo no tratamento que um tem com o outro. Zezé Polessa e Tato Gabus Mendes estavam merecendo esta oportunidade no horário nobre, principalmente ele, cuja última novela das nove foi "Páginas da Vida", em 2006, vivendo um tipo de pouquíssimo destaque. Entre seus bons trabalhos, após esta trama de Manoel Carlos, estão o Fernando, de "Queridos Amigos" (2008), o Amin, de "O Astro" (2011) e o Ernani, de "Cheias de Charme" (2012).

Mas levando em consideração a rica carreira de Tato, vale destacar também o Pichot/Lucien, de "Que Rei Sou Eu?" (1989); o inesquecível hipocondríaco Alcebíades, de "Quatro por Quatro" (1994); o vampiro Bartô, de "O Beijo do Vampiro" (2002); e o Pedroca, de "Como uma onda"(2004). Já Zezé Polessa, recentemente, ganhou uma personagem desinteressante em "Salve Jorge" (2013), mas pôde se sobressair nas duas novelas anteriores: "Escrito nas Estrelas" (2010/onde viveu a vilã Sofia, fazendo uma ótima dupla com Débora Falabella) e "Cordel Encantado" (2011/onde interpretou a primeira-dama Ternurinha, fazendo uma ótima parceria com Marcos Caruso).

A atriz também se destacou, ao longo da carreira, em produções como "Vamp" (1991), "Memorial de Maria Moura" (1994), "Salsa e Merengue" (1996), "Porto dos Milagres" (2001) e "A Lua me disse" (2005) ----- quando ganhou de Miguel Falabella sua primeira grande vilã (Ester) em uma novela, dando show em cada cena. Agora, Zezé faz uma parceria excelente com Tato neste produtivo encontro proporcionado pelo autor Aguinaldo Silva e pelo diretor Rogério Gomes.

Magnólia e Severo são dois canalhas da pior espécie, mas transbordam humor, e os intérpretes estão completamente entrosados em cena. Zezé Polessa e Tato Gabus Mendes são dois atores talentosos e novamente fazem bonito em uma novela, onde desta vez ambos têm um justo destaque. Uma dupla que funcionou desde que surgiu na segunda fase de "Império".

45 comentários:

Ana Carolina disse...

Os dois são ótimos atores e fazem uma boa dupla mesmo, Sérgio. Também acho que é o único núcleo paralelo que desperta algum interesse. Mas confesso que o conflito deles já cansou e essa novela tá mais do que na hora de acabar.

Anônimo disse...

Concordo com os elogios aos dois mas acho essa trama uma das muitas chatas dessa novela.

Gustavo disse...

Eles estavam mesmo merecendo um papel mais digno depois dos últimos. O curioso é que a dupla que prometia era Xana e Naná mas a que ganhou destaque foi Severo e Magnólia.

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Sérgio, os atores são bons, os personagens, divertidos, mas tudo o que é demais, enjoa.

Anônimo disse...

Sinceramente acho q esses dois grandes atores mereciam coisa melhor, fico ate com pena de vê-los naquele texto tao deprimente, acho q os atores estao fazendo miseria desse texto.

Felipe disse...

Vc é um bom crítico pq apesar de não achar a novela boa vc elogia o que acha que merece. Por isso gosto de vc! Parabéns, amigo!

Kauê disse...

Ambos ótimos atores Sérgio! Lembro de alguns desses trabalhos da Zezé e do Tato. Concordo que é a única trama paralela que chama atenção, mas acho que as situações envolvendo Magnólia e Severo já estão bem cansativas e repetitivas. Enfim, a dupla merece menção pelo bom desempenho dos atores.

Anônimo disse...

A trama de Império tá bem Zzzzz mas eu adoro esses trambiqueiros, acho eles bem engraçados. Lembro de uma cena em que a Magnólia fica na frente do ar condicionado depois que fica rica "ostentando" o ar, eu rachei de rir naquela cena. E no início eles só serviam pra Isis aparecer na novela, mas depois ganharam vida própria enquanto ela passou a novela inteira inútil, só serve pra transar com o mala do Zé até hoje. Eu esperava tanto dessa personagem...
Eu amava a Sofia de Escrito Nas Estrelas, a parceria dela com a Débora era boa. A Ternurinha era bem cômica também. Achei a Berna de Flop Jorge bem Zzzzz mas lembro de ótimas cenas que ela teve na novela. Aliás, um secundário ter importância naquela novela era bem difícil né. Ela era ótima como mãe da Rakelly em Beleza Pura também <3. O Tato também é ótimo e gostei muito dele em Cheias de Charme como aquele picareta e também no remake de O Astro. Lembro dele no remake de TiTiTi também como marido da Cláudia Raia. Espero que eles consigam papéis de ainda mais destaque daqui pra frente. Abrçssss

Ed

Andressa Mattos M. disse...

Tinha abandonado essa novela, Sérgio, mas esta reta final tenho visto. Não vou mentir, estou achando a novela mt monótona com exceção de alguns momentos bons, como o tiro que Cora levou na Sapucaí (embora inverossímil). Mas concordo com seus elogios a esses dois atores que estavam mesmo precisando de bons personagens. Não acho Magnólia e Severo tipos maravilhosos mas ao menos dão destaque pra dupla. E também acho que esse é o único núcleo paralelo que funciona e ainda assim em partes porque aquele negócio lá de Maria Isis com Comendador e Robertão com aquela jornalista é muito chato. Beijo.

Anônimo disse...

Adoro eles mas a novela é ruim!

✿ chica disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
✿ chica disse...

Sabes que esses dois me irritam. Não gosto deles nessa novela.Foram mal aproveitados. Achei que nem precisavam ter aparecido! rs abração,chica

Felisberto N. Junior disse...

Olá,Bom dia,Sérgio
creio que ambos,Zezé e Gabus, pelo talento, mereciam sim, personagens com direito a situações vividas exclusivamente por eles, serem "escadas" do núcleo principal e que o tom de deboche deixam até as cenas dos trambiques e maldades mais leves!Apesar que, como dito, esgotou...
Obrigado pelo carinho,belo final de semana,belos dias,abraços!

Gustavo Nogueira disse...

Sérgio concordo que os atores estão ótimos e fazem uma boa parceria, mas a história deles já me cansou faz tempo e nem tô acompanhando muito a reta final de Império, vejo só algumas cenas.Estou torcendo para que essa novela acabe logo e chegue Babilônia, gosto muito do estilo do Gilberto Braga e espero que essa novela não seja mais uma decepção.

Rita Sperchi disse...

Olá Serginho querido,td bem, olha apesar de não ver essa novela já terminar eu adoro eles , são bem farofeiros mesmo rsrsrsr, dou muita risada com eles atores valiosos
Bom final de semana
Bjusss
Rita!!

Ah mas gostei da novela sim, e da Marjorie muito mais vc sabe disso rsrs

Karina disse...

Oi Sergio!
São dois excelentes atores que estavam merecendo uma oportunidade assim. Você esqueceu de citar que a Zezé tb esteve maravilhosa em Beleza Pura (ela era a mãe da Rakelly) eles divertem e também emocionam como na cena em que Magnólia faz as pazes com a filha, foi linda! Sérgio você tá torcendo pro comendador ficar com quem? Isis ou Marta?

JrGiam disse...

Zezé Polessa e Tato Gabus são dois ótimos atores em cena! E esse é o único núcleo cômico de "Império" que funcionou desde o início. Os demais tiveram altos e baixos. Xana Summer, por exemplo, continua tendo ótimas e divertidas cenas, mas a história da adoção do Luciano já se arrasta há um bom tempo e a relação dele com Naná continua no maior chove-não-molha, sem ele decidir se gosta dela só como amiga ou se quer casar com ela. A Lorraine e o Ismael roubavam a cena no início, mas com o tempo foram tendo sua importância diminuída e só voltaram a ter algum destaque agora, que Lorraine ficou amiga do Silviano. E o Téo Pereira continua exagerado e sem muita função na história, a não ser fazer fofoca em seu blog.

Anônimo disse...

Atores ótimos, personagens ruins e novela média.

Bia Hain disse...

Oi, Sérgio, como vai? Concordo plenamente! Apesar de papeis deploráveis, o casal está desempenhando com louvor e mesmo as atitudes asquerosas de Magnólia, mesquinha e ambiciosa, tornam-se hilárias. E pensar que existe sim muita gente como eles, picaretas. Um abraço!

Sissym Mascarenhas disse...



Sérgio,

Eu me acabo de rir com os dois, adoro quando entram em cena, já sei que vem algo por ai...

Olha, estou comunicando a todos isso:

Embora eu tenha visto amigos no G+ e por la compartilhado, mesmo assim sinto saudades suas e de muitos amigos blogueiros.
Tenho visitado raramente, comentado pouco, mas porque há 2 anos fico brigando com a OI Velox sobre a velocidade de minha internet. Moro numa ilha e não tenho opções para mudar e melhorar. Comecei a colocar no Twitter e Facebook a velocidade testada em programa oficial que recebo. Navego e escrevo com dificuldades, levo horas para fazer um postizinho a toa. Não se esqueça de mim, porque nos ultimos anos a companhia de voces amigos blogueiros tem sido um balsamo na minha vida.

Obrigada,

Fada Sissym
(neste caso, não consigo fazer magicas)

Filha do Rei disse...

Oi, Sérgio!! Quando dois talentos se encontram, só podia dar nisto: muito talento fluindo.Eles me fazem rir! Obrigada a quem os juntaram.

Tenha uma semana cheia de paz!!! Bjs

Anônimo disse...

Eles são ótimos mas essa novela já deu o que tinha que dar.

Vera Lúcia disse...


Olá Sérgio,

Endosso suas considerações acerca dessa dupla incrível. De fato, desenvolvem seus papéis com muito talento, cumplicidade e afinidade. Penso que rimos aos vê-los em cena apenas pelo tom irônico que eles emprestam às cenas, pois são dois irritantes trambiqueiros.

Abraço.

Sérgio Santos disse...

A trama deles já cansou tb, Ana. Mas ao menos a dupla funcionou a contento. bjs

Sérgio Santos disse...

Entendo, anônimo.

Sérgio Santos disse...

É verdade, Gustavo, Xana e Naná começaram com mt destaque, mas depois foram ficando sem função.

Sérgio Santos disse...

É verdade, Elvira, concordo que já enjoou. Mas os atores estão mt bem.

Sérgio Santos disse...

Entendo, anônimo.

Sérgio Santos disse...

Mt obrigado, Felipe. Eu tento, nem sempre consigo. Abçssss

Sérgio Santos disse...

Estão repetitivas msm, Kauê. Mas ao menos a dupla funcionou e foi o único núcleo paralelo que deu certo. abçs

Sérgio Santos disse...

Ed, a trama tá cansativa mesmo. Mas é vdd, no inicio eles só serviam pra destacar a Isis e depois ganharam vida própria. Ela só serve msm pra transar com o comendador. A personagem é sem função. E Zezé brilhou mt em todos esses papéis, já como Berna não pq aquela novela não valorizou quase ninguém. Abração.

Sérgio Santos disse...

Mas tá monótona msm, Andressa. E concordo que Robertão com aquela jornalista é mt chato. Zezé e Tato ao menos ganharam destaque e mereciam pq são ótimos. bjs

Sérgio Santos disse...

Acho a novela regular, anonimo.

Sérgio Santos disse...

hahahaha Tudo bem, Chica. bjsssss

Sérgio Santos disse...

Oi Felis. Pois é, mereciam e que bom que ganharam. Mas a situação se esgotou msm. abçs

Sérgio Santos disse...

Verdade, Gustavo, eles estão ótimo mas o contexto já cansou, isso é fato. Tb torço pra Babilonia ser boa como está prometendo ser. abçsss

Sérgio Santos disse...

Eles são dois sacanas carismáticos e engraçados, Rita. bjs

Sérgio Santos disse...

É verdade, Karina, esqueci de citar essa ótima personagem da Zezé. A ex-chacrete mãe da Rakelly. E eu torço pro comendador ficar com a Marta. Desculpe a demora em responder. bjs

Sérgio Santos disse...

Concordo com vc, Jrgiam. Eles foram os únicos que se mantiveram na novela sem problemas. Xana e Nana começaram promissores mas foram ficando sem função, o msm vale pra Ismael e Lorraine. Já o Teo é de um exagero que cansa. abçs

Sérgio Santos disse...

Obrigado pelo comentário, anonimo.

Sérgio Santos disse...

E como existe gente assim, Bia... bjs

Sérgio Santos disse...

Sissym, eu nunca vou me esquecer de vc.Uma amiga virtual que conheço há tanto tempo! E eu entendo perfeitamente pq tb tinha Velox e era um inferno. Sempre dava problema e eu vivia no telefone sendo feito de idiota. Mudei tem uns 4 meses pra Net Virtua e é bem melhor. Claro, tem uns problemas tb, mas nada comparado ao que era. Beijão!

Sérgio Santos disse...

É verdade, Cleu. bjs

Sérgio Santos disse...

Tb acho, anonimo.

Sérgio Santos disse...

Com certeza, Vera, são dois canalhas, mas divertem. E os atores estão mt bem; bjssssss