sexta-feira, 22 de março de 2013

Salve Jorge: uma novela que se destaca pela inverossimilhança

Na última segunda-feira (18/03), o telespectador presenciou um festival de sequências constrangedoras em "Salve Jorge". Após assassinar Jéssica (Carolina Dieckmann) com uma seringada letal, chegou a vez de Lívia (Cláudia Raia) executar outra vítima. E a assassinada da vez foi Rachel, personagem que mal aparecia na novela e que era interpretada pela grande Ana Beatriz Nogueira. Mas o que deveria ser uma cena tensa e pesada acabou se transformando em uma grande piada devido aos acontecimentos absurdos que a envolveram.


Rachel ficou escondida na garagem de um hotel cinco estrelas em Istambul e conseguiu ouvir Lívia conversando com Wanda (Totia Meirelles), deduzindo imediatamente que havia encontrado a chefe da quadrilha. Mas, curiosamente, a perua cometeu exatamente o mesmo 'erro' de Jéssica: ao invés de sair do local para denunciar o esquema, resolveu enfrentar a vilã e dizer que descobriu tudo. Como se não bastasse essa situação absurda, a personagem vai embora e encontra seu atual namorado (Elcio - Murilo Rosa) dando entrevistas no saguão do hotel. Porém, ela não conta nada pra ele e nem para os jornalistas presentes, simplesmente pega seu celular para falar com a delegada Helô (Giovanna Antonelli).

Como se não bastasse essa sequência totalmente inverossímil, havia ainda um  complicador: o sinal do celular estava fraco. E Rachel, buscando ouvir a delegada melhor, vai para um elevador! A situação é tão constrangedora que nem uma comédia rasgada arriscaria produzir esse tipo de cena. Que ser humano iria a um
lugar totalmente fechado para melhorar o sinal de um celular? Mas na novela o sinal incrivelmente melhorou no elevador. Só que infelizmente, na hora de falar o nome da chefe, a perua é atingida por uma seringa letal no pescoço e morre. E antes mesmo que alguém questionasse o fato de um hotel cinco estrelas ter câmeras por todos os cantos, Glória Perez fez questão de avisar que a vilã tinha cúmplices lá. Provavelmente um dos cúmplices comandava o elevador, uma vez que o mesmo desceu até a garagem sem parar em nenhum andar. Ao chegar, a vilã saiu sem ser vista e nem incomodada.

Quando o telespectador acha que nada mais irá surpreendê-lo negativamente, vem "Salve Jorge" e apresenta mais situações grotescas. Após erros gritantes de continuidade em relação ao cabelo da Morena (Nanda Costa), que na boate aparecia liso e na Capadócia crespo, houve essa sequência do assassinato de Rachel. E na mesma semana ainda houve um atentado a Helô. O capanga Russo (Adriano Garib) saiu de um carro segurando uma arma (nada discreta) e atirou na delegada. Só que era um boneco e isso ficou explícito quando o 'corpo' caiu no chão. Mas o vilão nada notou. Para fechar essa semana com chave de ouro, Morena --- prestes a ter seu filho --- se assusta ao ver Wanda (Totia Meirelles) no restaurante onde estava trabalhando e se escondendo. Mas ao invés de subir para seu quarto e se trancar lá, prefere sair do local no meio de um temporal para parir.

Glória Perez já deu uma declaração criticando a parte do público que não 'voa' com sua trama. Entretanto, mesmo se tratando de uma obra ficcional, novela que contém tramas realistas tem que apresentar situações com o mínimo de verossimilhança, caso contrário o telespectador se sente feito de bobo. Ao optar por esse caminho descompromissado com a realidade, a autora acaba abrindo brecha para a avalanche de críticas que sua obra vem recebendo desde a estreia.

E em meio a tantas reprovações da imprensa e do público, há ainda a insatisfação de vários atores. O elenco é numeroso demais e muitos profissionais acabam virando figurantes de luxo ou simplesmente sumindo. Como foi o caso de Ana Beatriz Nogueira. Foi divulgado semanas atrás que a atriz estava insatisfeita com seu papel. Coincidentemente tempos depois Rachel é morta. De acordo com vários sites, a perua sofreria um atentado da vilã mas sobreviveria. Provavelmente o rumo foi alterado após a reclamação.

Infelizmente "Salve Jorge" só se destaca pela inverossimilhança. Quando os absurdos dão o ar da graça é quase certo que sites, jornais e blogs mencionem a atual novela das nove. Não é possível que Glória Perez, uma autora renomada e com vários sucessos no currículo, seja adepta da teoria "fale mal mas fale de mim". E lamentavelmente é exatamente isso que tem acontecido desde a estreia. É uma pena que um produto com tantos atores bons e com uma trama central que tinha tudo para ser o ponto alto da história esteja sendo cada vez mais equivocada.

74 comentários:

Thallys Bruno Almeida disse...

Perfeito texto, Sérgio. A novela é um absurdo por si só, mas essa semana conseguiu se superar.

Quem raios vai dizer na cara de duas vilãs perigosíssimas "eu escutei a conversa de vcs, eu vou denunciar vcs pra delegada e vou contar tudo que vcs fazem"? E a história do sinal que melhora num lugar fechado? A seringa letal, então, pra Lívia deve ser uma das coisas mais fáceis de se comprar. E se tinham os tais cúmplices, porque não os mostraram em atitude suspeita pra identificá-los? Não desconfiaram nem de ela ter saído sem pagar a conta!

E a Morena, escondida com proteção policial, fugindo com toda a naturalidade do mundo? Olham, se aquilo foi pra emocionar, acabou sendo risível sem tamanho de tanta vergonha alheia.

Pra piorar, o envolvimento do Theo e Lívia. Aquelas caras e bocas do Rodrigo Lombardi foram de um total constrangimento. E ele ainda inventa de dizer que "transar com a vilã não tem nada a ver com a Érica", ou seja, TRAIR a esposa pra ele é a coisa mais normal do mundo. Aliás, ele e a Morena se merecem, em matéria de idiotice de uma e babaquice do outro, os dois combinam muito. Nessas horas dá saudade da Nina sem ter pendrive...

E a autora diz que a culpa é do público, que o mesmo é pago pra criticar... Ainda bem que a Ana Beatriz Nogueira pediu pra sair dessa roubada. Outros poderiam seguir o exemplo. A trama é tão ruim que já disputa com Fina Estampa o título de pior dos últimos tempos. E tem grandes chances de tomar, porque enquanto FE era propriamente um deboche mesmo, SJ debocha do público dando um tratamento péssimo a um tema que pelo menos deveria ser sério.

Grande abraço!

paulo disse...

Novela nenhuma segue a realidade ou a coisa não anda, tinha uma novelinha que não lembro o nome em que a vilã, uma tal de Carminha, ao invés de simplesmente dar um tiro ou envenenar o amante preferiu entrar em alto mar com ele num barco, dar um sonífero e depois afundar o barco pra se ver livre dele. E também nessa mesma novelinha cuja historia se passa nos dias de hoje os personagens desconhecem câmera digital, pen drive, DNA, computador e etc. E o pior de tudo, a heroína vingativa passa 100 capítulos DENTRO da mesma casa dos amantes e apesar de presenciar inúmeros encontros e conversas intimas dos mesmos nunca gravou ou fotografou nada, precisou esperar os dois irem até um local muito distante, correr pra lá, subir numa escada, quase cair lá de cima e tudo isso pra tirar umas míseras fotos, coisa que ela teve a novela inteira pra fazer e não fez. E quem disse que ela salvou essas fotos com tanta tecnologia que temos hoje? É, realmente as novelas ultimamente tem fugido da realidade. Pelo menos Salve Jorge não tem personagens intragáveis como a tal novela anterior, que eu não gosto nem de lembrar.
Abrçs.

Thallys Bruno Almeida disse...

Paulo, sejamos francos: se Carminha desse simplesmente um tiro no Max eu aposto que você iria reclamar do mesmo jeito, sendo que iria reclamar de "falta de inovação". Outra coisa, Morena não denunciar tudo pra Helô e sim diretamente pra grande vilã, esquecendo que existe telefone, uma coisa prosaica, pra mim é muito pior do que ignorar tecnologia, que mesmo com todos os avanços e a popularização desses recursos, ainda não é todo mundo que tem acesso a pen drive e câmera digital. E quanto a personagens intragáveis, em SJ isso é o que não falta, a quantidade favorece isso muito mais do que em Avenida.

Thairys Moreno disse...

Ótimo texto Sérgio!
Vc disse tudo, nem há muito o que comentar, o total descompromisso com a realidade na novela faz com que eu pense: que ou Glória Perez tá gagá e descompensada com tanto surrealismo, provavelmente habitando no mundo dos contos de fadas, ou que ela está querendo fazer o telespectador de bobo!
Tudo bem que toda novela tem suas falhas e coisas absurdas acontecem, claro que na teledramaturgia existe um pouco dessa ligação com a fantasia, senão não seria novela, mas Salve Jorge ganha em disparada entre todas as novelas que já assisti no quesito "surreal"!
O capítulo de hoje então, pelo amor de Deus, que idiotice foi aquela da Morena fugir do restaurante depois que viu a Wanda, no meio de uma tempestade e parir numa caverna? Porque diabos ela não podia simplesmente se trancar no quarto e esperar lá dentro?
E de repente ela dá a luz sozinha, sem a ajuda de ninguém, achei desnecessário, mas enfim...
Beijos e ótimo final de semana!

Ana Lucia Nicolau disse...

concordo, acho que a autora da novela pensa que o telespectador é imbecil....abçs

Carlos disse...

Teve a cena dela parindo sózinha? Kkkkkkkkkkk. Só assisti o capítulo da morte, então nem posso falar mais nada fora aquilo.

Ela já falou na novela que Livia tem conhecidos no hotel? Se for só na net não vale. E outra, mesmo que isso seja verdade, como ela sabia que ele estava lá se tudo aconteceu sem querer? O elevador ir direto a garagem é o de menos, o pior é ela fugir sem pagar. Ou melhor, pior é ela FUGIR. Fugir pq? E a ficha dela no hotel, será que o comparsa dela é o gerente ou o dono? Só pode.

A "morte" da Helô não foi um erro, aí acho que você forçou Sérgio, porque nós sabemos da boneca (sites) e tinhamos a visão com zoom. Fora a iluminosidade baixa do local... Essa cena estava correta. O resto, concordo.

Thallys e Paulo, não sei pq o debate, as duas novelas tem personagens intragáveis e a novela da Carminha (é dela pq ela é vilã), tinha furos ridículos. Ela não matou o amante pq o autor queria enrolar. Aliás foi o amante que deu o cheque-mate, a mocinha nao teve competencia pra isso e ela que era a vingadora haha. E me desculpe, dizer que ignorar tecnologia foi erro pq a mocinha usava um COMPUTADOR no início da novela pra caçar a inimiga. Vai me dizer que uma jovem antenada, chef de cozinha, que sabe trocentas linguas e culturas... Não sabia usar um pendrive? Haha

Fina Estampa tbm foi horrível, mas lá era uma coisa bem clara para todos, e não uma coisa "séria" como as duas últimas. A sorte de AB é que ela pegou carona no "grande autor de A Favorita" (me desculpem fãs, mas isso contou e isso se chama propaganda) enquanto Glória já está manjada com esse papo de "países exóticos". Se JEC fizer mais 3 novelas com vingança, será bastante criticado. Mas ele é bem esperto, sabe enrolar, eu acho...

Tomara que na próxima, Glória volte ao Brasil e fique nele. Concentrar uma história aqui seria o melhor, já daria um ar diferente. E os autores deveriam pesquisar melhor as coisas pra não ter esses furos. É a segunda com esse papo de gravação, e seguida: em AB foi a mala no aeroporto, agora é a vilã que mata no elevador... Muito amadorismo. Mas fazer o que, as vilãs são as donas das novelas e a cartilha diz que devem se dar bem até o último capítulo, todas são assim. Pena.

Abraços

paulo disse...

Pessoal, estou chegando a conclusão que todo noveleiro como nós chega uma fase que começa a questionar a lógica nas novelas e ai chega a conclusão que nenhuma delas tem, um exemplo bobo disso é quando passou pela primeira vez "A Viagem", que eu adorei por sinal, eu ficava me questionando como o espirito do Alexandre atravessava paredes e tal mas ficava em pé no chão? Sem lógica né, mas não tirava o brilho da novela, kkkkk. Abrçs a todos e me desculpe Sergio por estar respondendo no seu blog...

✿ chica disse...

Realmente essa trama está muito mal engendrada. Gosto e assisto a novela, mas tem cada uma que é uma afronta à inteligência do telespectador,rs... abração,lindo fds! chica

Joao Eduardo Leal disse...

A Gloria Perez usa drogas. Só pode ser isso. Kkkkkk

Anônimo disse...

Sergio
Sempre leio seus textos mais nunca comentei. Concordo com tudo que vc escreveu, realmente novela esta sem coerencia nenhuma, com erro de producao, de continuidade,de tudo, o q salva sao alguns atores, e olha que sempre fui fa da gloria perez. O que nao consigo entender e que como essa novela consegue 40 pontos de audiencia e uma novela linda como Lado a Lado nao teve boa audiencia, sendo q so ouvia mais elogios do que criticas ruins. Ate flor do caribe, esta crescendo, essa semana teve 20 pontos, msmo com uma historia vazia.
Eu msmo so assisto salve jorge ds vez em quando, pq ja cansei de ser enrrolada, pela giovana antonelli, alsxandre nero, leticia spiller e tentando ver a nicette bruno q quase nao aparece, chega a me dar uma tristeza depois de dter azzistkdo a brilhar em a vida da gente, ve-la fazer figuracao de luxo.
Ebfim acho que escrevi mujto, desculpe.
Bjos Mariana

Anônimo disse...

So uma correcao, pq escrvi uma frase sem sentido
cansei de ser enrolada pela autora e so assisto as vezes pela giovana,alexandre nero, leticia spiller e nicette bruno.
Bjos mariana

Dayse disse...

Háháhá.... Novela tão irritante que já perdi até as forças para criticar.
Já não assisto mais, acompanho de longe e só vejo as cenas mais polêmicas ou as que aparecem alguém que eu gosto, como a Giovana Antonelli (que por sinal, está carregando esta trama nas costas).
Concordo com seus comentários e também acrescento o que a 1ª pessoa comentou sobre a Lívia e o Théo... Tá tudo tão calicato e ridículo que não dá pra entender...
Acho que o problema não é só da Glória, mas também da direção, pois são atores que já mandaram bem em outras novelas e agora aparecem no ar de maneira deprimente...
Será que Claudia Raia assiste a cena da transa com Théo em casa e fica satisfeita? Falo dela, só como ilustração, mas sabemos que não faltam exemplos semelhantes... Triste né!?

Anônimo disse...

Gosto de Salve Jorge, acho a menos chata de todas da Gloria que vi ate hoje. Acho que a trama do trafico realmente empolgou pois todo lugar que vou só vejo gente comentando da novela. E os absurdos que acontecem parecem ser um mal geral nas ultimas novelas, vide Fina Estampa, Avenida Brasil e Salve Jorge. Dessas só não gostei de Avenida, muito chata.

nino disse...

Não possuo o senso analítico para estas coisas,mas lendo-te,concordo.
Mesmo sendo uma ficção é muitíssimo inverossímil

Viés...tenho um outro tipo de olhar crítico: Nanda Costa(Morena)péssima de ruim

Vovô Sílvio desmereceu o neto,Tiago Abravanel.O cara é muito bom

Giovanna Antonelli (Helô)e Cláudia Raia(Lívia),por si só, Serjão, e duvido que discorde,já vale a pena assistir...colírio para os olhos,mesmo coroas,estão saudáveis,demaissssss!!!!
rsrsrsrsrs

abraços


Lulu disse...

Sérgio, a novela tá tão viajante que é por isso que a gente gonga no twitter. É uma pena. Glória Perez fez novelas incríveis e nessa ela errou a mão.
big beijos
Lulu
blog | twitter | face

Letícia disse...

Boa tarde. Admiro o fato de Glória Perez escrever sozinha suas novelas sem auxílio de colaborados. Talvez por isso se perca no meio da própria estória, deu certo com "O Clone", mas depois disso foi ladeira abaixo. OS colaboradores servem para além de ajudar a escrever, também ajuntam com ideias, com a organização da própria estória para que não haja erros tão gritantes. Basta lembrar de América e Caminho das Índias. Foram novelas que receberam uma saraivada de críticas.

Não acho errado que a autora escolha seus atores favoritos, são muitos atores para uma novela que poderia ter um elenco mais enxuto. Há atores do primeiríssimo escalão da Globo, que poderiam estar em outra produção, com papeis mais interessantes e servem a atual novela das nove como meros coadjuvantes de luxo, isso quando aparecem.

A novela em si é chata, para mim, uma das poucas coisas boas na estória é a personagem da Giovana Antonelli

EDER RIBEIRO disse...

Sérgio, meu pai de 78 anos disse q a novela acha q ele é bobo, pois como pode a vilã ser inimiga e odiar o mocinho e de uma hora para outra está apaixonada. Abçs.

Clau disse...

Olá Sérgio \o/
Eu não vejo Salve Jorge,e acho que não perco nada.
Acho que dessa vez Glória Perez está subestimando a inteligência dos noveleiros.
Muito bom seu post.
Bjs :)

Paty Michele disse...

A cena foi tosca demais!!!
Como é que pode descobrir que a criatura é criminosa e ir tirar satisfação??? Todos os outros ítens que vc descreveu eu reparei no ato!
Celular em elevador, falta de câmeras... poxa, tá difícil, viu Glória!!!
Depois dessa faz como o Maneco e se aposenta.

Beijos, Sérgio.

MARILENE disse...

Sergio, impossível não constatar tudo que mencionou. As falhas são gritantes. A cena da garagem, então, nem se fale. Você está corretíssimo. Bjs.

Felisberto Junior disse...

Olá!
Sérgio
Parabéns por mais essa postagem...
...como se os valores que cultuamos e fazemos questão de apregoar fossem mero embuste.Glória Perez ao não dar um mínimo da expressão da realidade em suas cenas faz com que os telespectadores sejam nivelados por baixo, e ao declarar que "nós não voamos com ela" joga por terra toda a sua credibilidade e no fundo começamos a achar que ela realmente está preocupada com
o "fale mal mas fale de mim."
Bom domingo
Obrigado
Abraços

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Rita disse...

Bom dia Serginho e bom domingo

Olha concordo em tudo com vc, essa novela tá um caos...E a cena que vi dessa vez no elevador foi motivo de riso sim, como pode isso, o elevador abre e vc nem se vira pra ver quem está entrando....sinal de celular la dentro.....e o filho da morena nasce e o filho do Ademir nasce junto....mas a esposa dele estava gravida primeiro ...VIXE acho que o povo dessa novela já se perdeu faz tempo..Só por Deus pra ter um final melhor....vamos ver como fica
Ah e o Téo, ter um caso com a Lívia é o óóó´hhhh do Borogodó rsrsrsr
Abraços
Rita!!!

Bia Hain disse...

Oi, Sérgio, como vai? TEm razão, a trama de Glória Perez se perdeu no caminho e passou para o absurdo. Achei a atuação de Ana Beatriz Nogueira fantástica e sinto que ela tenho saído da novela.
Absurda demais a cena em que o Russo "mata" a delegada...de qualquer forma era uma emboscada, então porque ele não foi preso pela polícia naquele instante?
É mesmo uma pena que os maravilhosos atores tenham sido relegados à uma trama mal conduzida. Um abraço!

Rafael Barbosa dos Santos disse...

Olha, eu acho que em relação ao inicio, Salve Jorge melhorou, pois hoje Glória unificou toda a novela em torno do tráfico, que foi a única coisa que pegou na novela, e aposta alto na personagem mais bem vista pelo publico que é a delegada Helô, e também tem movimentado bastante a trama, para tentar trazer agilidade a novela, a meu ver tornou a trama assistível. Por outro lado, ela vem abusando da "fantasia" em um assunto que deveria ser tratado com toda a seriedade possível. Nessa tentativa de passar adrenalina e movimentação, Glória acaba derrapando e cometendo esses deslizes. O assunto também não rende tantos capítulos e Glória precisa usar e abusar de situações que movimentem a trama e ao mesmo tempo segurem, e ai acaba se perdendo. E para agradar aqueles que reclamavam do estilo dela, (romantismo e lentidão) ela acabou enveredando por um estilo que não é o seu, o de trama policial, definitivamente em Salve Jorge fica claro que essa não é a praia de Glória e ela ta penando com isso, se virando como pode. Se bem que acho que se ela optasse por tratar o tema como é de fato,com o realismo necessário, iriam reclamar que a novela é pesada demais e poderiam até dizer que a novela parecia um documentário rs (hoje é difícil agradar). Enfim Glória não foi feliz nesse trabalho, infelizmente, e isso por um conjunto de fatores internos e externos, a novela é rejeitada. Ela até tem se esforçado com essas mudanças (que passam despercebidas pelos que criticam), mas tem uma turma que também não se esforça para gostar e prefere descer a lenha rs, pegaram SJ para cristo. Eu sinceramente, acho que por mais deslizes e furos que a novela tenha, não vejo motivo pra tanta indignação e falatório. O fato de Morena sair do quarto e fugir, para mim é aceitável dentro de uma novela, ela ficou com medo e fugiu pronto, na realidade seria diferente, mas lá é novela. Sobre as comparações com Avenida Brasil acima, eu amei a novela, mas os furos não foram melhores e mais aceitáveis que SJ, porque em SJ tem a desculpa das meninas estarem com medo e em AB qual foi a desculpa para Nina não usar um pen drive? Enfim, não podemos esquecer que é tudo novela gente, não dá pra ser tudo como é na realidade. Carminha poderia ter matado Max de maneira mais simples, com um tiro ou veneno, mas não teria graça e nem seria a cena magnifica que foi, a cena em que ela afunda o barco dele. É isso.

Abraços

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Concordo, Sérgio. "Salve Jorge" bate recordes em matéria de situações ridículas e absurdas. É um desrespeito à inteligência do público. Além das sequências citadas, a sedução de Theo pra cima de Lívia foi igualmente inverídica, especialmente quando ele vasculha a bolsa da mulher e logo encontra a seringa, ouvindo uma explicação esdrúxula. E o parto da Morena, sozinha, numa caverna? Igualmente absurdo. Uma pena a autora não aceitar as críticas e não procurar se cercar de colaboradores que possam apontar suas falhas. Além disso, o ritmo da novela nem sempre é ágil o suficiente e persiste o desperdício de atores.

Carlos disse...

Posso responder Sérgio? Me animei rs.

Paulo, não é questão de questionar lógica, mas de bom senso dos autores. Isso que você citou é linguagem poética, até porque como os atores iriam flutuar?

O problema é quando subestimam os telespectadores. Discordei quanto a cena da Helô sendo morta, mas não vi a continuação. Mas concordo com a Bia quanto a não prender pelo menos um, já que aquilo era uma emboscada. Entretanto ele não matou ninguem, foi uma tentativa apenas, não sei até que ponto as leis funcionam, de qualquer maneira a autora explicou o porquê dele não ter sido preso?

Aí entra o que já falei e falo mais uma vez: todos os autores fazem seus vilões espertos e todo o restante (leia-se: bonzinhos) é idiota. Aí vcs me perguntam: como vai ter graça um vilão se dar mal no meio da história e eu respondo: essa é a graça. Ver o vilão saindo debaixo e dando a volta por cima, isso é genial, só que os autores ainda não conseguiram fazer isso sem subestimar os telespectadores. Em uma cena ontem, a Wanda analisou a porta de onde a Morena teria a visto, falando até do ângulo... Pra rir não? Só faltava ela calcular haha.

Rafael, emoção teria de qualquer jeito, já que na cena em questão ela estava matando o homem que tanto amava. O autor estava enrolando mesmo, aliás, essa foi a última enrolação, porque daí em diante a novela deslanchou, parou de andar em círculos e os índices de audiencia, que estavam caindo, subiram. E sim, é novela e não realidade, mas coerência e necessária e nas últimas novelas, isso está em falta. O mais engraçado é que esse problema tem sido mais na das 9, nos outros horários o problema é mais na enrolação (barriga), agora roteiro fraco as das 9 tem ganhado disparado. Incrível!

Abraços

Anônimo disse...

Ai gente! Vamos combinar, a novela é muito boa, tem suas falhas,sim Concordo, mas tem cenas bem interessantes também.

Sérgio Santos disse...

Thallys, concordo. Nem vejo grande problema na seringa porque até é uma inovação interessante, mas o resto fica difícil de acreditar. É muito absurdo junto.

Disse no Twitter que Fina Estampa e Salve Jorge disputam o posto de novela mais ridícula do horário nobre. Tá uma briga acirrada. abraços.

Sérgio Santos disse...

Paulo, desisto. Vc vive descendo a lenha em mim me chamando de tendencioso e puxa-saco da Globo. Quando eu critico uma novela vc fala que a anterior era muito pior. Complicado...

Concordo que nenhuma novela consegue ser 100% realista e eu sempre fui um defensor da licença poética. Mas da licença e não do escárnio. Fazer o público de burro não tem nada a ver com ficção. E nesse caso Salve Jorge abusa.

E concordo que novelas antigas também tinham seus completos absurdos, assim como tinham as suas licenças poéticas. abraços.

Sérgio Santos disse...

Oi Thairyz. Exato. Algumas licenças em novelas são aceitáveis como o vilão demorar a ser desmascarado ou os personagens viverem se encontrando mesmo numa cidade gigantesca. Mas o que Salve Jorge faz é uma afronta. bjs

Sérgio Santos disse...

Ana, obrigado pelo comentário. bjs

Sérgio Santos disse...

Teve, Carlos. Nessa semana bati meu recorde. Vi a novela de segunda a sexta. Foi duro.

Não achei que forcei na cena do boneco não. Até porque se Helô sabia que sofreria um atentato pq diabos não mandou ninguém ir atrás dos bandidos? Isso eu nem cheguei a questionar no texto mas também merecia.

A Glória explicou o fato da vilã ter cúmplices no hotel no Twitter. Ou seja, quem não tem não sabe de nada. E quando um autor precisa explicar sua própria obra é porque há algo de errado nisso tudo... Enfim... abraços!

Só um adendo ao seu comentário sobre o fato dos autores fazerem seus vilões espertos. Isso é ainda outro erro dessa novela. Uma quadrilha que trafica pessoas há tantos anos e que se julga tão organizada jamais cometeria a quantidade absurda de falhas que vem cometendo desde que a novela estreou... Ou seja são vilões burros.

Sérgio Santos disse...

Paulo, pode interagir á vontade. O blog é pra isso também. Não tem pq pedir desculpas. abraços.

Sérgio Santos disse...

Ah, Paulo, sobre o caso de A Viagem, não considero isso um erro. Seria muito mais ridículo se o espírito ficasse voando. Aí ia parecer algo infantilóide. E no caso dessa trama havia uma licença poética presente e a trama não era 100% realista. Havia a parte fantasiosa dos espíritos. A mesma coisa de vampiros em Vamp e O Beijo do Vampiro, por exemplo...

Sérgio Santos disse...

Chica, obrigado pelo comentário. bj

Sérgio Santos disse...

João, não sei o que tá ocorrendo com ela. Tá se perdendo muito. abraços.

Sérgio Santos disse...

Mariana, escreve sempre o quanto quiser e bem-vinda ao espaço dos comentários. Fico feliz que leia os textos há bastante tempo.

Essas coisas são inexplicáveis mesmo. Uma trama como Lado a Lado ter obtido um ibope baixo e tramas inferiores conseguirem números melhores. Porém, Salve Jorge tem a pior audiência do horário e está longe de ser um sucesso. E também não dá pra comparar ibope de trama das seis com das nove. Beijão e obrigado pelo carinho.

Sérgio Santos disse...

Dayse, vc tem razão. A direção também está equivocada. Preferi nem dar ênfase a isso porque o texto já tinha ficado grande demais.

A novela é uma sucessão de erros e o resultado é o que temos visto. Pena. bjs

Sérgio Santos disse...

"Anônimo", respeito sua opinião mas discordo. Odiei Fina Estampa, acho Salve Jorge péssima e adorei Avenida Brasil. abraços.

Sérgio Santos disse...

Nino, não acho Cláudia Raia bonita, embora goste dela como atriz. Já Giovanna é lindíssima e concordo plenamente. Acho Nanda Costa muito bem como Morena, mesmo sua personagem sendo uma tonta. Já Tiago Abravanel não vi muita coisa nele até porque tem cenas curtíssimas. Vamos ver nos próximos trabalhos. abraços.

Sérgio Santos disse...

Verdade, Lulu. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Letícia, exatamente. Escrever sozinha uma novela é um fato admirável, mas acaba deixando a trama cheia de furos. E concordo, depois de O Clone ela nunca mais acertou. Com exceção da Minissérie Amazônia, todos seus trabalhos foram ruins. Como bem exemplificou vc com América e Caminho das Indias.

Um elenco numeroso deixa vários atores virando figurantes e isso ultrapassou todos os limites nessa novela.

Giovanna rouba a cena mesmo. Bjs!

Sérgio Santos disse...

Oi Eder. Nesse caso achei uma tentativa da autora em mexer na trama mas sem sucesso. abraços.

Sérgio Santos disse...

Não perde mesmo, Clau. bjs

Sérgio Santos disse...

Paty, que pessoa iria chegar para um criminoso e dizer que sabe de tudo o que ele faz? Não bastou Jéssica protagonizar essa situação ridícula, precisaram repetir com Rachel... bjs

Sérgio Santos disse...

Obrigado, Marilene. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Pois é, Felis. Não tem pra entender vê-la falando que temos que "voar". Ok, mas não precisa tanto, né? Abraços.

Sérgio Santos disse...

Rita, vc ainda fez uma importante lembrança. A Morena engravidou depois e teve o filho primeiro que a outra... Complicado... Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Bia. Sim, se a delegada sabia que seria alvo d uma emboscada porque não perseguiu os bandidos? Ana Beatriz é uma grande atriz e não merecia uma personagem que aparecia tão porcamente... Fez bem em sair e agora estará no remake de Saramandaia. Tomará que lá ela volte a ter o destaque que merece. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Pois é, Rafael, a autora unificou a trama do tráfico e jogos os núcleos que não deram certo (ou seja todos) no lixo. Com isso vários atores que já apareciam porcamente agora nem isso conseguem. É uma total falta de respeito.

Os acertos dessa novela atendem pelos nomes de Helô, Stênio e Wanda. O resto é resto.

Concordo que toda novela tem suas licenças, caso contrário n]ão seriam novelas. Porém, Morena sair de um local onde estava segura e com proteção policial para parir no meio de uma caverno em meio a um temporal? Difícil embarcar nisso.

Um caso que muitos criticam e que eu nunca falei nada simplesmente por fazer parte de uma plausível licença-poética é o fato de na Turquia todos falarem português. Muitos criticam isso mas seria ridícula uma novela legendada e com atores falando outra língua. Portanto nesse caso é aceitável. Mas nesse resto todo que eu citei não.

Em Avenida Brasil teve a falha do pen drive e da Nina saindo do banco com dinheiro vivo e isso eu critiquei aqui na época. Mas o resto fazia parte de licença poética presente em toda novela. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Elvira, assino embaixo do seu cometário. É exatamente isso, um recorde de absurdos. Essa sedução do Theo pra cima da Lívia conseguiu piorar o que já tava ruim. Juntaram um mocinho fracassado com uma vilã que não deu certo.

Triste ver a Glória se comportando igual ao Aguinaldo Silva e não tolerando críticas. Ainda disse que pessoas que criticam a novela são PAGAS pra isso. Mas patético impossível. Bjs!

Sérgio Santos disse...

Anônimo, respeito sua opinião. abraços.

Carlos disse...

Com certeza, Sérgio. Fora os erros, seria mais plausível se eles mudassem de local. Morena já estaria morta faz tempo, etc. Entretanto, os mocinhos são mais burros que os vilões, só ver a morte estúpida que as vacinadas tiveram, ou a estupidez da Morena, que como vc disse resolveu fugir, mesmo estando segura. São situações como essas que vemos que eles fazem os vilões pra se darem bem e os mocinhos devem ser inteligentes só no fim. Essa cegueira chega a ser infantil e vira piada, ta aí o Tufão que não me deixa mentir.

Quanto a Helô, ela não sabe com quantos ela está "brincando" e se de fato eles são os "vilões" da história. Sem contar que pra acusar alguém, temos que ter provas. Acho que até o atentado contra a boneca, não seria uma prova (não sei, não sou advogado), mas serve como um alerta. Eles poderiam pará-lo e prendê-lo talvez de posse de arma ilegal, agora quanto ao tráfico eles não tem uma ligação. Por isso não vi erro. Mas como disse, não vi a continuação da cena, estou falando hipotéticamente.

Voltando ao temas vilãs, alguns falarão que Tereza Cristina se dava mal, bom, isso é mais ou menos verdade. Os planos dela davam errado (os mocinhos não poderiam morrer), mas ELA não se dava mal, e pra piorar, ainda terminou "diva" (um termo que alguns fãs de novelas adoram dizer). O dia que um autor de novelas fizer uma vilã cruel, mas crível, sem essa palhaçada de fazer uma glamourosa ou diva que sempre se dá bem, teremos uma novela de verdade. Por isso que Maneco faz sucesso, as vilãs dele são reais. Podem até não eternizar (Branca, Alma e Marta não estão no top das vilãs), mas são respeitadas pela maneira que agiram no decorrer da trama, e acho isso muito mais válido do que uma vilã que dá injeção, do que grita durante uma novela inteira ou do que gosta de jogar os outros da escada fazendo "homenagem".

Abraços

Rafael Barbosa dos Santos disse...

Não acho que os outros núcleos foram jogados fora, eles estão lá, com a diferença de que não são aleatórios a trama do tráfico e sim, tendo uma ligação direta ou indireta com a trama central, tudo esta se ligando. O que eu vejo como uma mudança positiva. Infelizmente alguns atores tem menos cenas agora, mas isso acabou que foi necessário para tornar a novela mais assistível. Se Glória inssistisse em todos os nucleos, a coisa estaria pior e todos reclamariam de todo o jeito. Escalar um elenco numeroso foi um erro, mas já que escalou e a novela estreou o jeito é se virar como pode, e se é para melhorar, o jeito é focar no que da certo. Acho que só quem vê a novela, disposto a dar um voto de confiança e não ficar só procurando os erros pra falar mal depois, consegue perceber isso. Eu não estou defendendo Salve Jorge, está longe de ser uma novela boa, e passa longe de minha lista de favoritas, justamente por essas falhas. Mas eu acho interessante a proporção de criticas que a novela leva, como se fosse a primeira a cometer furos, e como todo e qualquer detalhe vira "vergonhoso" "constrangedor" "absurdo", coisas que em outras novelas passam despercebidas e que em Salve Jorge são exploradas e criticadas ao extremo, e de forma até agressiva. Se tratando de Salve Jorge, as criticas são na maioria parciais de mais, e para julgar um trabalho que envolve centenas de pessoas trabalhando, e uma autora que tem uma carreira sólida na TV, o mínimo de imparcialidade se faz necessário. Sinceramente, A sensação que tenho é que virou cult falar mal da novela.

Abraços

A viajante disse...

Ai Sérgio, eu creio que a única forma de SALVAR o horário nobre é essa novela terminar logo... deveria ter plebiscito... ou paredão... sei lá... a Globo precisa entender que certas projetos já estão fracassados no primeiro capítulo. Afff!

Patricia Galis disse...

Uma das piores novelas que já foram mostradas, eu não me conformo com esses erros e pior a atitude da Gloria, viajar??? como assim com coisas idiotas nem minha sobrinha de 9 anos acredita nisso affff.

Vera Lúcia disse...


Olá Sérgio,

Eu e minhas irmãs comentamos ontem sobre estas questões e rimos à beça. Imagine três advogadas comentando sobre as cenas da novela que precederam e envolveram a morte da Rachel-rsrs. Há situações na trama que são um verdadeiro atentado à inteligência do telespectador.

Suas observações são todas pertinentes e muito bem colocadas.

Beijo.

Sérgio Santos disse...

Carlos, a Tereza Cristina terminou bem e de uma forma totalmente absurda. Ela naufragou no barco e depois apareceu dentro de um carro importando vindo sei lá de onde... Uma novela pra ser esquecida.

A Helô poderia ao menos ir atrás dos marginais para investigá-los. Nem isso fez. Mas enfim...

As vilãs do Maneco são mais humanas mesmo. A novela dele é sempre assim. abraços.

Sérgio Santos disse...

Rafael, vc está defendendo Salve Jorge sim. Mas não há problema nisso, entendo que vc goste da novela. Aliás, me lembro que desde o início vc tinha um carinho com a novela. Também me lembro que vc gostava de Fina Estampa. Eu odeio as duas, mas respeito quem gosta.

Só discordo disso que é 'cult' criticar a novela. Isso é um argumento típico da Glória. Que aliás, agora veio com um papo de que pagam pra falar mal da novela. Constrangedor. Ela e Aguinaldo Silva não sabem receber críticas, o que é uma pena.

Em outras novelas alguns absurdos podem não ser tão enfatizados porque há uma trama convincente e um desenvolvimento bacana. Salve Jorge não tem esse fator para 'amenizar' a visão crítica. Abraços.

Sérgio Santos disse...

Que venha logo o Walcyr Carrasco com sua nova novela, Ju. bjs

Sérgio Santos disse...

Patrícia, obrigado pelo comentário! Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Vera. Pois é, é muito absurdo junto, né? Não dá pra embarcar nesse tipo de história. Beijos e obrigado!

Carlos disse...

Concordo com o Rafael, Sérgio. E ainda digo mais, virou "cult" pq os fãs da novela anterior acham que aquela foi A novela, como se o autor tivesse descoberto a roda, quando na verdade foi recheada de clichês e erros grotescos. A Glória não pode errar, mas o JEC pode?

O engraçado é que as pessoas criticaram demais os erros da novela anterior, do mesmo nível que criticam a atual, no entanto, graças a "diva" Carminha, os fãzocas estão deixando pra lá os deslizes antigos e pegando no pé da Glória. Não que ela não esteja errada, mas por favor. Eu li um comentário de uma "criança" na internet, falando que é uma blasfêmia comparar Janete Clair com a Glória Perez... Baseou-se em que pra fazer esse comentário? Copiou e colou de quem?

Critico a cena, mas não posso falar da novela INTEIRA pq não assisto e nao sei detalhes, inclusive não fui profundamente na cena da Helô morta por isso, mas nem todos fazem isso.

Abraços

Sérgio Santos disse...

Respeito sua opinião e a do Rafael, Carlos. Mas continuo discordando. Vejo Salve Jorge apresentando erros e situações que ultrapassam todos os limites. E como disse ao Rafael, Avenida Brasil pode ter tido erros (e eu critiquei o que achava equivocado na época), mas os personagens e a trama em si fazia com que isso ficasse pequeno diante da história, das atuações e do texto.

Há tempos que não via os capítulos dessa novela, mas vi o início, sei o contexto e quando vejo pra poder escrever algo consigo me sintonizar perfeitamente. Claro que nomes de personagens não sei de quase ninguém, até por ter um time numeroso, mas dá pra observar as situações.

Não escrevi nada sobre o cabelo da Morena, por exemplo, porque não vi essas cenas. Mas sobre todas as sequências absurdas da última semana eu posso porque vi tudo. Agora, se continua sendo absurda nos outros dias já não posso dizer. Abraços.

Rafael Barbosa dos Santos disse...

Não Sergio, não é que eu goste de Salve Jorge é como eu disse, sei que a novela não é boa e passa longe de minhas favoritas, aliás, ta bem no final de minha lista. Eu fico até 2 ou 3 capítulos sem ver. Só que vejo alguns exageros em algumas criticas. Acompanho sim, porque é a novela que está no ar, e eu sou noveleiro de carteirinha, pelo menos das 9 eu tenho que assistir rs. Só que eu também não odeio SJ, e acho que quando a gente assiste alguma coisa, tem que ter alguma coisa ali que me interesse e que eu goste. Porque se eu não gostar de nada, aí eu não consigo assistir, e ver pra falar mal depois, não é a minha, isso é sacrifício pros críticos rs. No inicio, eu tinha esperança e torcia que a novela melhorasse, porque ficaria no ar por 8 meses. Fina Estampa sim, eu gostei bastante, porque me diverti muito com a trama, não levava a sério e comprei o tom de farsa da novela, ri muito com toda aquela turma. Eu discordo do que a Glória falou sobre pagar para criticar, isso não existe, e acho que ela está bem desesperada, ver um trabalho seu assim, virar chacota, não deve ser das melhores coisas. Só que a galera do twitter, não critica, eles debocham, fazem piadinhas e isso diretamente pra ela. Esse negocio de cult, li em algum comentário em um post sobre Salve Jorge, em um blog de TV, e concordo plenamente. Eu acho que as criticas a Salve Jorge, ganham uma proporção que eu nunca vi em nenhuma novela, e isto desde o inicio. Tem reclamação que chega a não fazer sentido, ontem li uma pessoa reclamando que no parto de Morena, não teve líquido saindo de Morena, não teve sangue, só faltava querer ver a placenta tbm. Eu concordo com você Sérgio, em relação a Avenida Brasil, a novela teve furos sim, mas esses furos não tiraram a grandeza da história e nem afetaram o trabalho primoroso do conjunto todo. Na época não reclamei muito dos furos,justamente porque antes de tudo, é novela. Só que não acho que os furos de AB sejam menos graves que os de SJ, por isso mesmo é que os deslizes da última, não me deixem tão indignado assim. Acho que é isso.

Sérgio Santos disse...

Entendi, Rafael. E isso do parto eu também discordo. Aliás, discordo sempre das constantes críticas (isso em toda novela) reclamando do tamanho do bebê que nasce. Isso não pode ser mudado. É uma questão de responsabilidade sujeitar um bebê recém-nascido a um estúdio cheio de gente. Tem que ser maior mesmo. Essa crítica do parto que vc citou eu acho idiota.

Mas a maioria das críticas que leio acho justas em cima da novela. É uma festival de cenas que abusam da inteligência. Acho que isso ocorre pq ela escreve sozinha e não tem nenhum colaborador para tomar conta disso. Enfim... Abraços.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Sérgio Santos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Aside from Microsoft and Nintendo, another top competitor, Sony, will also
be releasing some top-rated games for its own console - the Playstation.

Most of us has a chance to experience the amazing adventure of
some kind of aircraft simulators. The End
of Military Flight Sim Pro With this program you
can take advantage of the military aspects of the game, landing and takeoff
of an airplane taking includes carrier. There were a few problems
with setting the game up, but once we went through the manuals,
these were mostly explained. Yes, it may be true,
but the training flights are different.

Here is my web-site simulator

Anônimo disse...

Repairing Small Cracks in concrete Floors: Determine the Damage.
Also, keep in mind that the ingredients for the mix should be bought from a
home improvement store to insure quality. Read
your warranty carefully, and you'll see that it probably doesn't cover walls with efflorescence.

Anônimo disse...

Can add to the beauty of the landscape when used correctly.

Owning a regular lawn mower does not mean
you have to give up on mulching
your yard; you just have to be willing to do some work.
Starting Your Very First Flower Garden Preventing
Pests and Diseases in the Perennial Garden Gardening Tips
from Fellow Gardeners.

Anônimo disse...

In this case, it might be better to start an organic vegetable garden in a
raised bed. They don't control every bad bug, but it will help you have better success gardening. In some cases, the quantity of materials for making compost in the amounts desired (an annual layer 2 inches deep across the garden) cannot be obtained.

Feel free to visit my blog - unbound

Anônimo disse...

There are a few types, mainly fine, regular, or rough.
Identify your own hair trouble and go for a product which mainly addresses your needs.
It only leaves a lustrous sheath on the hair and gives it
a beautiful look rather and the greasy effect that
is left by the usual hair oils. When choosing a treatment for your own hair,
pick something organically grown or natural as opposed to something fabricated.

Basil and bergamot help your hair grow thicker and fuller.


Here is my website ... medium hairstyles