segunda-feira, 24 de julho de 2017

Surra na vilã em "A Força do Querer" prova que um bom clichê nunca se desgasta

Nesta segunda-feira (24/07), foi ao ar uma das cenas mais esperadas de "A Força do Querer": a surra que Joyce (Maria Fernanda Cândido) dá em Irene (Débora Falabella), após todos os desdobramentos envolvendo a traição de Eugênio (Dan Stulbach). O curioso é a situação não pertencer ao núcleo principal e, sim, ser oriunda de uma trama paralela da novela de Glória Perez. Toda a expectativa em torno desse momento, que deliciou o telespectador, como era de se imaginar, apenas prova que um bom clichê, quando bem trabalhado, nunca se desgasta.


A sequência fez valer a espera e a direção de Rogério Gomes mais uma vez expôs a competência do diretor e sua equipe. Irene foi atrás de Joyce no banheiro de um restaurante (outro elemento que virou um clássico desse tipo de embate) e provocou a inimiga, deixando a perua espumando de ódio. Tanto que refinada esposa de Eugênio, cuja elegância é uma de suas principais características, literalmente desceu do salto. Desceu e jogou na cara da vilã, que acabou atingida na boca. Mas ainda era apenas o começo, pois a cena teve um 'bônus': a presença de Ritinha (Isis Valverde).

A sereia ---- juntamente com a melhor amiga Marilda (Dandara Mariana) ---- não pensou duas vezes e defendeu a sogra, se atracando com Irene. A sequência ficou excelente, destacando Maria Fernanda Cândido, Débora Falabella e Isis Valverde, que mergulharam totalmente naquele clima de tensão e rivalidade.
Ritinha encheu Irene de tapas e Joyce aproveitou para dar mais umas sapatadas na rival, com ela já caída no chão. Não foi uma sequência muito longa, mas teve o tempo necessário para empolgar o público.

A cena já pode ser considerada uma das melhores de "A Força do Querer" e evidenciou ainda a criatividade de Glória Perez, que conseguiu diferenciar ao menos um pouco um contexto batido. Afinal, a autora inseriu uma das protagonistas para participar da briga e criou a sapatada de Joyce, que acabou funcionando para mostrar de forma literal a perda de elegância da perua, embora tenha servido como um detalhe em cima do refinamento da mulher. Até porque a esposa de Eugênio só usou seu calçado para atacar. Não deu um tapa sequer. Ou seja, saiu da briga belíssima, deixando para a nora o trabalho de estapear a inimiga.

A melhor cena de surra da história da teledramaturgia foi, sem dúvida, a de Maria Clara Diniz (Malu Mader) em Laura Prudente da Costa (Cláudia Abreu), exibida em 2003, em um capítulo emblemático de "Celebridade", sucesso de Gilberto Braga. O aguardado momento fez o público lavar a alma e foi realizado em um banheiro. Tanto que acabou virando referência. Mas, ironicamente, o autor estava até se copiando, pois em "Água Viva" (1980) houve uma sequência parecida, com Lígia (Betty Faria) estapeando a melhor amiga Selma (Tamara Taxman) também em um banheiro, com direito a uma cúmplice trancando a porta. Porém, por questões óbvias de estrutura da época e direção ainda crua, o momento fica bem mal realizado vendo hoje em dia.

A sucessão de tapas que Melissa Cadore (Christiane Torloni) deu em Yvone (Letícvia Sabatella) em "Caminho das Índias" (2009), de Glória Perez ---- em um contexto igual ao da atual novela da escritora, diga-se ---- também ficou marcada. A sorte da autora é que o enredo de "A Força do Querer" tem sido bem melhor desenvolvido por ela. Na trama anterior, todo o contexto da vilã (que se mostrou apática e sem sal) deixou bastante desejar. Os tapas que Serena (Priscila Fantin) deu em Cristina (Flávia Alessandra) em "Alma Gêmea" (2005); o surto de Paloma (Paolla Oliveira) em cima de Félix (Mateus Solano) em "Amor À Vida" (2013); os chutes e tabefes que Maria do Carmo (Susana Vieira) deu em Nazaré Tedesco (Renata Sorrah) em "Senhora do Destino" (2004) ---- ironicamente reprisada nesta terça, no"Vale A Pena Ver De Novo" ----; e a surra de cinto que Carlão (Marcos Caruso) deu em Dóris (Regiane Alves) em "Mulheres Apaixonadas" (2002) também marcaram bastante o mundo da ficção. Mas há muitos outros, afinal, são mais de 50 anos de teledramaturgia.

"A Força do Querer" segue a cada dia melhor e a cena da surra de Joyce e Ritinha em Irene foi um grande momento de catarse. A sequência já entrou para a lista de marcantes brigas de novelas, tendo feito por merecer a ótima audiência ----- recorde de 41 pontos. E um clichê bem realizado será sempre bem-vindo. Quem assiste gosta muito.

26 comentários:

Anônimo disse...

QUE SURRA BOA!!!!!!!!!

Samara disse...

Gostei dessas outras cenas que vc relembrou. Foram muito boas também.Só não gostei dessada intromissão da Ritinha. Tinha que ser a Joyce a autora dos tapas.

Anônimo disse...

Foi boa, mas esperava mais longa...

dinapoetisadapaz disse...

Eu também esperava ser a Joyce a esbanjadora de tapas, a Ritinha com certeza quis agradar a sogrinha. Não gostei do Eugênio bancar o bonzinho e deixar a Irene em casa. amanhã o bicho pega a Bibi tah ferrada???

Obrigada pela visita Sérgio, fico feliz por ter gostado da minha participação na BC.
Desejo um leve amanhecer!
Bjs no coração!

Luli Ap. disse...

Olááááá Sérgio
aaaaahhhhhh eu ameeei! <3
Achei que as três estavam afiadas na interpretação, Ritinha como vc disse foi o bônus, Irene(a fura-olho rsrsrs) mereceu a surra em dose dupla (a gente sente que a atriz está interpretando bem quando convence no papel e dá uma raiiiiiiiiva da Irene.
Agora a Joyce da Maria Fernanda foi a cereja do bolo!
Gente ela "literalmente" desceu do salto hihihi e deu na cara da Irene!
Concordo plenamente com você, um bom clichê bem trabalhado é sempre muito bem vindo, e nós agradecemos :)
Sabia que ia ter post!!!! E que post espetacular :)

Ótima terça pra ti
Bjs Luli
Café com Leitura na Rede

✿ chica disse...

Foi maravilhosa ,mas POUCA,rs...Merecia muiiiiiiiito mais!! Eu deixaria aquela cara com jeito de panqueca: achatada! abração, tudo de bom,chica

Anônimo disse...

Depois acham ruim qd aparecem meninas se espancando nas escolas, mas olha o exemplo que dão! De uma pobreza que nem dá pra falar... Vergonha alheia total, falta de capacidade e muitas coisas mais, perde pra qq seriado

Adriana Helena disse...

Oi Sérgio, bom dia amigo!

Irene merecia e muitas vezes é necessário sair do salto para defender a honra e os princípios...
Foi a Irene que manipulou, provocou, procurou o confronto e encontrou!
Merecia uma lição! E recebeu!!!
Todos se sentem de alma lavada...rsrs
Adorei as lembranças de outra surras memoráveis das novelas! Incríveis!!

Um super beijo e uma semana liiiinda!! :))))

Anônimo disse...

Com certeza foi bom ver a Irene levando uma surra..Mas deveria ter sido da Joyce, pois Ritinha não tem moral nenhuma p dar uma "pisa" na amante do sogro já que ela própria tirou o noivo da outra...E fez isso usando de uma mentira, dizendo que o filho do Zeca era do Ruy..Ou seja, na fila da cara de pau ela empata com a Irene...

Bell disse...

Adorei!!

O Brasil parou rs...

bjokas =)

JAN disse...

Olá, Sérgio!
Sempre gostei de ver um 'barraco' nas novelas.
O de ontem foi perfeito!!!
A Joyce "desceu do salto" e a Ritinha, que não usa salto, entrou 'de sola' kkkkk

ABÇ
JAN

Clau disse...

Boa noite Sérgio,
Acredito mesmo que quem assiste gosta,
afinal já ouvi várias pessoas comentando sobre essa cena
da novela! Clichês sempre existirão na teledramaturgia
mas quando são engraçados o povo aplaudirá!
Beijos!

Oathkeeper disse...

Quando foi que a Ritinha pode servir de bússola moral/bons costumes? Ela fez também traição ao largar o Zeca no casario para fugir com Ruy! E ainda enganar sobre quem é o pai do seu filho?!

Sérgio Santos disse...

Foi msm, anonimo.

Sérgio Santos disse...

Entendo, Samara.

Sérgio Santos disse...

Eu curti, anonimo.

Sérgio Santos disse...

Bjão, Dina!

Sérgio Santos disse...

Que bom que curtiu, Luli. Bjão!!!!

Sérgio Santos disse...

Verdade, Chica...rs Que venha avez da Silvana agora...

Sérgio Santos disse...

Se meninas se espancam nas ruas por causa de novela, anonimo,elas devem ter problemas mentais.

Sérgio Santos disse...

Que bom que curtiu, Adriana. bjssss

Sérgio Santos disse...

Isso é verdade, anonimo...

Sérgio Santos disse...

Adoramos,Bell. bj

Sérgio Santos disse...

Todo mundo gosta, Jan. bjsss

Sérgio Santos disse...

Exatamente, Clau. bjs

Sérgio Santos disse...

Concordo, Oath.