quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

O que a televisão reserva para o telespectador em 2017?

O ano de 2017 não será muito diferente de 2016 em relação ao momento de crise que o país vive. Portanto, a televisão terá que se adequar ao período complicado. Porém, apesar das dificuldades, todas as emissoras conseguiram apresentar vários produtos de qualidade no ano que passou. E por tudo o que vem sendo noticiado e anunciado, é possível constatar que o mesmo ocorrerá ao longo dos próximos doze meses. Boas produções, aparentemente, se aproximam.





"Dois Irmãos":
A série começou a ser gravada em fins de 2014 e estava prevista para 2015. Porém, a Globo a adiou para 2016 e depois para 2017. A produção é dirigida por Luiz Fernando Carvalho, escrita por Maria Camargo, e protagonizada por Cauã Reymond, que interpreta dois irmãos gêmeos. Na primeira fase, aliás, o personagem principal será vivido pelo estreante Matheus Abreu. A trama, que terá dez episódios, é uma adaptação do romance homônimo de Milton Hatoum. A história é em torno de uma família de imigrantes libaneses, ambientada na Amazônia, no início do século XX. O conflito central é a difícil relação dos gêmeos. Aliás, a mãe dos rapazes acaba escolhendo um deles para ir morar no Líbano, longe da família. Juliana Paes, Antônio Fagundes, Irandhir Santos, Antônio Calloni, Maria Fernanda Cândido, Ary Fontoura e Eliane Giadini são alguns nomes do elenco. Estreia dia 9 de janeiro. Pelas chamadas, promete muito.




"The Voice Kids":
Após uma bem-sucedida primeira temporada, levantando a audiência das tardes de domingo, a versão infantil do desgastado "The Voice Brasil" tem tudo para repetir o sucesso, obtendo um ótimo retorno do público. Os técnicos Ivete Sangalo, Carlinhos Brown e Victor e Leo foram mantidos, mas agora André Marques assume a função de apresentador e Thalita Rebouças de repórter. Estreia dia 8 de janeiro. Que venham mais crianças talentosas e carismáticas, ensinando muito adulto a emocionar a plateia.





"Cidade Dos Homens":
Depois de doze anos desde a última temporada, a trama de George Moura e Daniel Adjafre, dirigida por Pedro Morelli, volta ao ar mostrando como está a vida de Laranjinha (Darlan Cunha) e Acerola (Douglas Silva). Os dois agora são pais e terão que lidar com essa nova vida. A ideia é mostrar uma espécie de 'nova origem' com os filhos e a escalação dos atores mirins merece elogios, pois eles realmente se parecem com os adultos. Davi (Luan Pessoa) é filho de Laranjinha e sofre de uma doença grave, enquanto Clayton (Carlos Eduardo Jay) é filho de Acerola.



"Sem Volta":
A nova série da Record mostra a luta pela sobrevivência de um grupo de onze montanhistas, que se reuniu para escalar a Agulha do Diabo, na Serra dos Órgãos, perto de Teresópolis (RJ). Com idade entre 16 e 50 anos, os aventureiros tinham a intenção de se divertir e desafiar suas habilidades. Porém, vários erros atrapalham os planos deles, incluindo uma imensa tromba d`água. Todos acabam se perdendo e no ambiente hostil ainda há a presença de um homem misterioso. O seriado tem um quê da produção americana "Lost" e "Supermax", exibida pela Globo ano passado. Camila Rodrigues, Ângelo Paes Leme, Mariana Molina, Cláudia Mauro, Flávia Monteiro, Juliana Schalch e Heitor Martinez são alguns nomes do elenco.



"BBB 17":
Será um baque para os fãs do reality mais longevo do país acompanhar o programa sem Pedro Bial. O jornalista virou a marca da atração e apresentou nada menos do que 16 temporadas. Agora, sob o comando de Tiago Leifert, o "Big Brother Brasil" enfrentará o desafio nada fácil de lidar com a possível rejeição que a novidade ocasionará. Porém, se os participantes foram bem selecionados e a disputa apresentar boas rivalidades não haverá um problema maior, pelo menos em se tratando de audiência. Estreia no final de janeiro.



"Tamanho Família":
O programa foi um dos maiores acertos da Globo em 2016 e a segunda temporada manterá o mesmo formato. Nem poderia ser diferente, pois não se mexe em time que está ganhando e Márcio Garcia estreou sua nova atração ano passado com o pé direito. A disputa entre familiares de famosos é bem divertida e tem tudo para repetir a dose em 2017, sendo que desta vez com bem mais episódios.



"Novo Mundo":
A próxima novela das seis é escrita por Thereza Falcão e Alessandro Marson, dois autores estreantes. Dirigida por Vinícius Coimbra, a trama se passa no século XIX, mais precisamente em 1817. Protagonizada por Isabelle Drummond e Chay Suede (aproveitando a ótima química deles na primeira fase de "A Lei do Amor"), o folhetim será uma aventura romântica e terá um toque da saga "Piratas no Caribe", embora retrate a história do Brasil, tendo nomes como Dom Pedro I (Caio Castro), Princesa Leopoldina (Letícia Colin), Carlota Joaquina (Giulia Gam), Dom João (Leo Jaime) e Marquesa de Santos (Agatha Moreira). Promete ser uma novela caprichadíssima e tem uma boa premissa. Estreia em março. Tomara que honre as expectativas.



Novo programa de Pedro Bial:
O jornalista chegou a apresentar o "Programa com Bial" no GNT ano passado e se saiu muito bem nas entrevistas, o que não chega a ser uma surpresa levando em conta o grande profissional que é. Ele entrou na faixa ocupada por Marília Gabriela por 20 anos no canal a cabo e agora, coincidentemente, fará outra substituição difícil: entrar no horário que foi do "Programa do Jô" por 16 anos. Seu programa está previsto para o meio do ano e marca uma nova fase na vida de Bial.



"A Força do Querer":
Após a problemática e equivocada "Salve Jorge", Glória Perez retorna ao horário nobre escrevendo uma novela que milagrosamente não falará sobre culturas estrangeiras. A autora promete uma trama totalmente ambientada no Brasil e tocará em temas polêmicos como a questão de gênero. Um dos personagens principais trocará de sexo ao longo da novela e essa será uma das causas sociais abordadas na história, que ainda terá Juliana Paes, Paolla Oliveira e Isis Valverde como protagonistas. Lília Cabral interpretará uma mulher viciada em jogo e será mãe da personagem de Juliana Paiva. Já Paolla será uma policial que lutará MMA, Isis fará uma mulher adepta ao 'sereísmo' e Ju Paes viverá um tipo dúbio, baseado na vida da criminosa Bibi Perigosa. O elenco ainda conta com nomes como Emílio Dantas, Rodrigo Lombardi, Bruna Linzmeyer, Marco Pigossi, Débora Falabella, entre outros. Estreia em abril.




"Malhação - Viva a Diferença":
A nova temporada é escrita por Cao Hamburger, cineasta responsável por atrações icônicas, como "Castelo Rá-Tim-Bum, "O ano que meu pais saíram de férias", "Disney Club", "Que monstro te mordeu?", entre outros sucessos. Estreando como autor na Globo, terá a missão de substituir "Malhação - Pro Dia Nascer Feliz". A premissa é excelente: cinco garotas protagonizarão o enredo, que pela primeira vez será ambientado em São Paulo. As meninas pertencem a diferentes bairros, raças e classes sociais. O ponto de partida é o encontro de todas elas no metrô, porque uma entra em trabalho de parto e é socorrida pelas outras. A partir de então uma forte amizade é firmada. Promete.



"Amor & Sexo":
Após nove temporadas, o programa tinha fechado seu ciclo. Porém, a décima temporada estreia em janeiro e as chamadas já estão no ar. Não foi a primeira vez que a atração saiu do ar se despedindo de vez, mas voltando depois. Portanto, não chega a ser uma surpresa. E esse retorno é mais do que bem-vindo, pois o formato é longevo e sempre agrada, destacando Fernanda Lima e seus convidados (Otaviano Costa, Regina Navarro Lins, Mariana Santos, entre outros) que se divertem em meio a conversas e brincadeiras ótimas sobre sexo.



"Belaventura":
Gustavo Reiz fez um ótimo trabalho com "Escrava Mãe", a melhor novela da Record em 2016. Agora, o autor escreve uma novela medieval, com direito a reis, princesas e castelos. A trama é bem promissora e deveria entrar no lugar da sua própria novela, na faixa das 19h. Porém, em virtude de mais uma falta de planejamento da emissora, o folhetim só irá ao ar depois de outra reprise de "Escrava Isaura". Apesar da espera, a produção promete e o elenco conta com Anaju Dorigon, Helena Fernandes, Esther Góes, Rayanne Moraes, Bemvindo Siqueira, entre outros.



"Os Dias Eram Assim":
O título da trama chegou a ser "Em Nome do Amor" e ao que parece o atual já foi mudado para "Pra Frente Brasil". Entretanto, as informações ainda são muito confusas em virtude do amadorismo de Silvio de Abreu. O atual responsável pelo setor de teledramaturgia da Globo transformou em cima da hora "Jogo da Memória", que seria a próxima novela das 23h, escrita por Lícia Manzo, em minissérie com estreia prevista para janeiro de 2018. Com isso, a novela escrita pelas estreantes Angela Chaves e Alessandra Poggi (que seria das 18h) foi remanejada para a faixa das onze. O enredo será ambientado na época da ditadura militar e vários nomes do elenco do folhetim de Lícia foram transferidos para essa, como Sophie Charlotte, Antônio Calloni e Cássia Kiss. Renato Góes, Daniel de Oliveira, Susana Vieira (que fará uma vilã), Antônio Fagundes e Natália do Vale são alguns outros nomes escalados. O time é muito bom. Resta aguardar.



"O Rico e o Lázaro":
Mais uma trama bíblica da Record, que substituirá "A Terra Prometida". A parábola do Rico e do Lázaro faz parte do evangelho São Lucas (16:19-31) e trata de uma possível outra existência após a morte, determinada de acordo com a forma de viver de cada um. Com estreia prevista para fevereiro, a novela é adaptada por Paula Richard e tem direção de Edgar Miranda. Milena Toscano, Vera Zimermann, Kayky Brito, Sthefany Brito, Christine Fernandes, Zécarlos Machado, Henrique Pagnoncelli, Fernando Pavão, Angelo Paes Leme, Cássio Scapin e Lucinha Lins são alguns nomes escalados.



"Vade Retro";
Prevista para abril, a série escrita por Alexandre Machado e Fernanda Young foi o motivo da saída de Monica Iozzi da bancada do "Vídeo Show". A atriz protagonizará a história ao lado do grande Tony Ramos, que interpretará o diabo Abel. Dirigida por Mauro Mendonça Filho, a trama contará as aventuradas da advogada Celeste, personagem que será sempre alvo do diabólico Abel. Não se sabe muito bem o contexto das situações, mas em se tratando de Alexandre e Fernanda é bom esperar diálogos ácidos e muito humor negro.



"Filhos da Pátria":
Escrita por Bruno Mazzeo e dirigida por Maurício Farias, a série contará um pouco da história do Brasil usando o humor como instrumento principal. O intuito é mostrar como surgiu o famigerado "jeitinho brasileiro" e expor as origens da corrupção que arruína o país. O deboche será o protagonista do seriado, que contará com Alexandre Nero, Fernanda Torres, Matheus Nachtergaele, Johnny Massaro, entre outros.



"O Apocalipse":
Trama bíblica que substituirá "O Rico e o Lázaro", na Record, escrita por Vivian de Oliveira, autora de "Os Dez Mandamentos". A novela terá uma novidade interessante e ousada: apesar de ser mais uma produção bíblica, será ambientada nos dias atuais. Não se sabe como será a história, mas a autora terá um desafio e tanto. Afinal, elaborar um enredo baseado na bíblia, mas em pleno século XXI, é, no mínimo, estranho. Pode dar muito certo ou muito errado. Resta aguardar, pois nada a respeito da história foi divulgado e nem o elenco escalado.




"A Garota da Moto":
O SBT estreou no mercado de séries em 2016 e a experiência foi bem-sucedida. Apesar das limitações do roteiro e do elenco irregular, a trama fez sucesso e mereceu o reconhecimento, uma vez que a emissora procurou sair da mesmice e arriscar. A segunda temporada da história protagonizada por Christiana Ubach está garantida para este ano e já entrou em fase de produção. Tomara que agora os erros sejam corrigidos, deixando o conjunto melhor.




"Pega Ladrão":
A próxima novela das sete tem estreia prevista para junho, substituindo "Rock Story". A autora será a estreante Cláudia Souto e a direção ficará a cargo de Luiz Henrique Rios, que trabalhou com Rosane Svartman e Paulo Halm em "Malhação Intensa", "Malhação Sonhos" e "Totalmente Demais". A trama, protagonizada por Camila Queiroz e Mateus Solano, terá como principal ambiente um hotel e ainda há poucas informações sobre o roteiro. O elenco ainda tem nomes como Cristina Pereira, Nicette Bruno, Nanda Costa, Vanessa Giácomo, Marcos Caruso, entre outros.


Nova novela de Walcyr Carrasco:
Após o sucesso de "Amor à Vida" (último grande êxito do horário nobre), o Emmy de "Verdades Secretas" e o fenômeno "Êta Mundo Bom!", o autor volta com mais uma novela. Ainda não há qualquer informação sobre a sinopse e o elenco tem poucos atores escalados, entretanto, o escritor segue sendo o mais versátil e produtivo da Globo, escrevendo para todas as faixas. Agora a sua missão será retornar para o horário nobre, que tem sido o mais problemático da emissora desde o imenso fracasso de "Babilônia". Foi escolhido para substituir "A Força do Querer" e a estreia está prevista para outubro. Glória Pires, Cauã Reymond, Bianca Bin e Sérgio Guizé foram confirmados foram confirmados no elenco.




"Amor e Morte":
Novela das seis que substituirá "Novo Mundo" no final do ano. Escrita por Alcides Nogueira e Bia Corrêa do Lago, a trama será ambientada em 1920 e tem o argumento do grande Rubem Fonseca, além de ter Jayme Monjardim na direção. O folhetim entrou no lugar da novela de Elizabeth Jhin, que ficou para 2018. Como a decisão foi tomada nesta semana, ainda não há elenco escalado e nem sinopse divulgada.



Resta torcer para que ao menos a grande maioria das novelas, séries e programas listados honre a expectativa e presenteie o telespectador com produções de qualidade. Aguardemos.

33 comentários:

Kellen disse...

O que mais me anima é a nova novela das seis e a do Walcyr. O resto dispenso.

Anônimo disse...

Também dispenso os outros. Walcyr é show!

Joana Limaverde disse...

A novela do Walcyr promete, a nova das seis promete, essa das onze parece ser boa e achei o adiamento de Jogo da Memória um absurdo. Dois Irmãos parece boa, mas vejo aqueles exageros do LFC nas chamadas. E o resto eu nem me animo.

Oathkeeper disse...

Nos últimos anos tem se discutido muito sobre a crise narrativa e de audiência das novelas, mais especificamente da produção da Globo. Embora Record tenha se tornado uma alternativa no gênero, já ficou claro que não há nenhuma ambição em inovar por parte da emissora do Bispo. Nesse cenário, optar por uma série brasileira com modelo narrativo diferente da telenovela pode ser uma boa opção. Chegou a hora dessa história seriada mostrar seu valor.

Gustavo Nogueira disse...

A novela das seis, Novo Mundo, parece que será boa e melhor que a sonífera Sol Nascente com certeza será.A nova das sete é uma incógnita e essa da Glória Perez não me anima em nada, porque ela costuma se perder em suas produções, apesar de Dupla Identidade ter sido uma ótima produção.Mas só de lembrar de Salve Jorge dá um medo enorme...A melhor novela atualmente é Rock Story, Sol Nascente como eu disse é um sonífero e a Lei do Amor se perdeu, apesar da trama central ter algumas boas cenas e ter a ótima presença dos vilões Tião, Magnólia e Ciro.

Izabel Ramos disse...

Quanta cena boa esse ano! Em 2015, mesmo com novelas melhores, houve dificuldade em escolher apenas 13 cenas — tanto que até a levíssima ‘’Alto Astral’’ (2014–2015) entrou na lista, mesmo sendo uma novela sem grandes arroubos. 2016 foi um ano de ótimas sequências. Fica a menção honrosa para as cenas seguintes, sem ordem: O casamento de Atena e Romero (‘’A Regra do Jogo’’); Carmela confessando o que fez com Shirlei (‘’Haja Coração’’); a morte de Sofia (‘’Totalmente Demais’’), Rubião violentando Joaquina (‘’Liberdade Liberdade’’); Virgínia descobrindo que o próprio filho, Rubião, pediu a sua morte (‘’Liberdade Liberdade’’); a morte de Tiradentes (‘’Liberdade Liberdade’’); A chuva na igreja (‘’Velho Chico’’); Fátima descobrindo que foi assaltada pelo próprio filho (‘’Justiça’’); Vânia se suicidando (‘’Justiça’’); A reconciliação entre Vitória, Lívia e Emília (‘’Além do Tempo’’); A morte de Beatriz (‘’Nada será como antes’’); Carolina finalmente conseguindo a guarda de Gabriel (‘’Totalmente Demais’’); O acidente de Suzana (‘’A Lei do Amor’’); Santo voltando para casa (‘’Velho Chico’’); A morte de Encarnação (‘’Velho Chico’’); Iolanda saindo da casa de Afrânio (‘’Velho Chico’’); A reconciliação entre Martim e Afrânio (‘’Velho Chico’’) e à morte de Romero (‘’A Regra do Jogo’’).
Enfim, que ano de ótimas cenas! Que 2017 ainda nos proporcione muitas grandes sequências e que no final desse novo ano, possam fazer mais textos com ótimos atores, atrizes, personagens, cenas, etc.

Anônimo disse...

Olha, estou apostando muito em A Força Do Querer, depois do fiasco de A Lei Do Amor acho que essa novela tem tudo para agradar e ser o maior sucesso da faixa das 21. Glória dessa vez não abordará a cultura de outros países como nas novelas anteriores del, o que já é um ponto positivo, sem falar do elenco de peso. E infelizmente é a única nocela que está prometendo algo, já sabemos que as novelas seguintes ião fracassar.

Anônimo disse...

Não sei se esqueceu de colocar ou não mas estranhei não estar ai a trama mais aguardada pelo menos até agora para a Record,que é O Apocalipse que vai estrear no segundo semestre de 2017 substituindo O Rico e o Lázaro.A autora será a mesma de Os Dez Mandamentos a Vivian de Oliveira e a direção também será do Avancini,a trama abordará o fim do mundo e parece que o Guilherme Winter que fez o Moisés,será o vilão ou o anticristo em O Apocalipse que pelo menos é uma grande aposta da record pra esse ano e você não colocou mas não tem problema,ainda bem ou mal vai ouvir muito falar nessa novela ainda.

Anônimo disse...

Obrigado Sérgio vi que enfim incluiu O Apocalipse,mas antes eu li o post inteiro e não tava mesmo rs pelas minhas contas essa novela deve enfrentar A Força do Querer de Glória Perez,vamos ver o que vai acontecer.

Pedro Bertoldi disse...

Levando em consideração a desorganização da record duvido muito que Apocalipse entre no ar em 2017. Pq A Terra Prometida parece estar longe do fim, e o Rico e o Lázaro provavelmente vai a ter a mesma duração das anteriores, podendo até ser prolongada de acordo com o sucesso. Além do mais a Record não possui mais um elenco tão numeroso pra produzir 3 novelas ao mesmo tempo. Veremos...

Pamela Sensato disse...

Adoro o programa Amor e Sexo acho a Fernanda muito bacana...e não gostei da saída do Thiago do Globo Esporte pro BBB rsrs

Postagem nova no blog vem conferir \o/

Beijinhos,
Blog Resenhas da Pam

Jason Lima Giambarba disse...

Sérgio, a próxima novela das 11 se chamará Pra Frente Brasil, título que parece ser definitivo. E além de Glória Pires, Caua Reymond e Sérgio Guize, Bianca Bin também está confirmada no elenco da novela do Walcyr Carrasco. Aliás foi por isso que ela deixou o elenco de Novo Mundo(onde interpretaria a Marquesa de Santos, papel que ficou com Agatha Moreira)

Sérgio Santos disse...

Entendo, Kellen!

Sérgio Santos disse...

Essa novela promete, anonimo.

Sérgio Santos disse...

Boas observações, Joana!

Sérgio Santos disse...

A crise é só na trama das nove, Oathkeeper! Mas entendi o que vc quis dizer.

Sérgio Santos disse...

Gustavo, onde eu assino????

Sérgio Santos disse...

Izabel, vc selecionou ótimas cenas!

Sérgio Santos disse...

Olha, anônimo, como vc sabe que as novelas seguintes irão fracassar? Vidente?

Sérgio Santos disse...

Olha, anônimo, na verdade eu não tinha colocado pq não acredito que a Record irá estrear essa novela esse ano. Primeiro pq para isso estaria gravando três novelas simultaneamente e ela evita isso ao máximo. Segundo pq duvido que O Rico e o Lázaro não seja esticada como todas as outras foram. Mas, como vc mencionou e está no planejamento, resolvi acrescentar, mesmo sem acreditar que virá em 2017.

Sérgio Santos disse...

Eu tb duvido, Pedro. Por isso nem tinha inserido. E compartilho da sua opinião.

Sérgio Santos disse...

Tb adoro o Amor e Sexo, Pamela. bjs

Sérgio Santos disse...

Jason, acrescentei as suas informações. Já tinha lido sobre o título Pra Frente Brasil, mas nunca se sabe se será mesmo esse. Já a Bin eu tinha esquecido mesmo.Abçs

Marcia Pimentel disse...

Muitas coisas boa para 2017. Fiquei muito curiosa com o Apocalipse na Record.
Abrçs

Sérgio Santos disse...

Aguardemos, Márcia. bjsss

Rita Sperchi disse...

Serginho querido

Passando para deixar um abraço pelo ano
novo, dizer que estou voltando tbém as minhas
postagens,agradecer pela sua amizade pq aqui
vejo tudo de bom.....Felicidades é o que tenho
pra te dar...
Abraços com carinho!

└──●► *Rita!!

Lulu on the sky disse...

Vou acompanhar The Voice Kids.
Big Beijos
Lulu on the sky
Meu Canal You Tube

Sérgio Santos disse...

Bem vinda de volta, Rita! Bjssss

Sérgio Santos disse...

Começou mt bem, Lulu.

Sérgio Santos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Aguardo "Os Dias Eram Assim", ao que tudo indica Daniel de Oliveira será o filho da Suzana Vieira e Sophie Charlotte filha da Natália do Vale com Antônio Fagundes, eles também farão um par tal qual na vida real! Espero que Sophie não pegue mais uma bomba como aconteceu em Babilônia e brilhe como em O Rebu e Sangue Bom.

Sérgio Santos disse...

Torcendo pra isso, anonimo. Ela em Sangue Bom e O Rebu viveu seus melhores momentos na carreira.

Maria Isabel disse...

Só vejo.globo, e se for coisa boa mt boa, novela e minissérie das onze