sexta-feira, 6 de julho de 2012

Na Moral: uma boa surpresa de Pedro Bial

Substituindo o "Globo Mar", estreou na noite desta quinta-feira o "Na Moral", o novo programa do Pedro Bial. Assim que entrou no ar, o apresentador já fez uma pergunta ao telespectador, sem nenhum tipo de receio: "É viado, bicha ou homossexual?". Um questionamento provocador e bem apropriado, uma vez que o tema de estreia  foi justamente a 'ditadura do politicamente correto', que está cada vez mais impregnado na nossa sociedade. Não há como negar que esse início já serviu para prender o público.


O que se observou é que o intuito da nova atração é debater, provocar e questionar a respeito de temas espinhosos, que estão cada vez mais difíceis de serem abordados na televisão. Alexandre Pires, Maria Paula, Antônio Carlos Queiroz e Luiz Felipe Pondé foram os convidados do primeiro programa. Bial, como grande jornalista que é, conseguia elaborar ótimos questionamentos, o que gerava muito interesse não só dos participantes --- que debateram de uma forma sóbria e sem gritos --- como também da platéia e do público de casa. Porém, alguns erros precisam ser corrigidos.

O tema central acabou sendo dividido em subtemas (assédio sexual, racismo, esteriótipo da mulher, enfim) e todos foram abordados muito rapidamente. Alexandre Pires foi convidado com o intuito de falar da polêmica do seu último clipe que foi caracterizado
de racista pelo Ministério da Justiça. Maria Paula teceu algumas opiniões sobre as mulheres; já Luis e Antônio falaram do politicamente correto no geral. O problema é que cada assunto renderia um longo tempo no ar facilmente. Ou seja, resolveram abordar tudo de uma só vez para evitar uma monotonia e acabaram errando, pois houve uma superficialidade nos assuntos, que nem chegaram a ser aprofundados. Um programa com tão pouca duração não pode se dar ao luxo de falar sobre vários temas em menos de quarenta minutos. A platéia também deveria ser melhor aproveitada, já que as poucas opiniões dadas só foram exibidas no encerramento.

As dramatizações apresentadas em alguns casos foram desnecessárias. Aliás, esse tipo de recurso é sempre descartável e nada acrescenta. Somente os depoimentos reais já estão de bom tamanho. A edição pecou ao cortar uma resposta de Antônio Carlos Queiroz dada após um questionamento do apresentador e também ao elevado números de cortes, o que passou a impressão de correria e pressa. Já a presença de um convidado especial (estreando com Alexandre Pires) participando como 'Dj' foi um acerto. Um deboche a essa multiplicação de 'Djs profissionais' que temos visto por aí, como os ex-BBBs e Jesus Luz (ex de Madonna), por exemplo.

"Na Moral" é um programa de alto nível e que faz todos pensarem, debaterem e questionarem sobre vários temas polêmicos e atuais presentes em nossa sociedade. A sensação de que a atração durou pouco tempo no ar, mostra que há conteúdo de sobre a ser explorado, basta conseguirem organizar o tempo e focalizarem em um só assunto, ao invés de dividi-lo em vários tópicos. Pedro Bial merecia que este seu projeto se concretizasse e o apresentador ainda encerrou com os seus já conhecidos 'discursos', mas desta vez sem anunciar nenhum eliminado do Big Brother Brasil. Vale destacar uma frase dita por ele: "Sabem o que é o politicamente correto? Vou ser correto: É fingir que mudando o nome de favela pra comunidade, você vai melhorar o saneamento básico."
 Não é um programa para se pensar? Na moral, seja bem-vindo às noites de quinta-feira, Pedro Bial!

Link relacionado: Globo Mar: um filhote do Globo Repórter

47 comentários:

Dandara Blue disse...

Amigo Sérgio,
Postamos com poucos minutos de diferença nossos textos,com alguns pontos congruentes, outros nem tanto.
Ao te ler, li melhor o programa.Espero que de uma mínima forma a recíproca seja verdadeira.Continuo fazendo questão de dizer que seu texto é impecável.
Gosto e muito,tanto que fico feliz quando posso pegar o primeiro lugar da fila.Bem,desta vez não concordamos em tudo,mas estamos dentro da mesma batalha: qualidade,inteligência e conteúdo.
Seja doce em sua réplica no meu texto.hehehe
Todo o carinho e mais admiração,Dandara

Paty Michele disse...

Adoro o Bial. Acho que ele consegue conduzir qualquer assunto com leveza e riqueza de conteúdo. Mas infelizmente o programa é muuuiiiiiiito tarde e eu tenho que acordar cedo no dia seguinte. Pra mim a Globo pecou aí.
Ótimo que vc tenha visto pra nos passar suas impressões, Sérgio.
um bjo

Lilly Soares disse...

Hum de acordo com seu texto, agora fiquei até curiosa. Pq confesso: acho o Bial intragável, metido, arrogante... e odeio BBB, assim pegando mais ojeriza ainda do Bial...
Mas pelo seu texto, fiquei curiosa, próxima quinta, irei dar uma conferida, hehe

Felisberto Junior disse...

Olá!Bom dia!
Tudo bem?
...puxa vida...não vou ser politicamente correto: detesto, "como figura televisa", Pedro Bial...não se trata de preconceito por causa do BBB, ou de suas crônicas esportivas, em Copas do Mundo, mas, desde seu tempo de Correspondente Internacional...nunca gostei!
porém gostei de sua crítica/texto ...muito bem elaborada...que vai instigar muitos...
Obrigado pela visita!
Boa sexta feira!
Abraços

Clau disse...

Oi Sérgio,boa tarde :)
Adoro seus textos,são muito bons,e esse em especial,gostei muitíssimo.
Não assisti o Bial,pois levanto sempre de madrugada,e pra mim o horário do programa não ajudou.
Mas eu sempre gostei muito dele,e o acho inteligente e carismático.
Só não gostava de vê-lo apresentando o BBB,(talvez porque o estilo daquele programa não me agrada nem um pouco).Mas de qualquer maneira,Pedro Bial se sai bem em qualquer empreitada.
Fiquei curiosa pra acompanhar o 'Na Moral'.Tomara então que consigam organizar o tempo da atração,e focalizarem em um só assunto.
Bjs!!
Bom fim de semana :)

J Araújo disse...

Na verdade a polemica que criaram com o clip de Alexandre Pires, é coisa de quem não tem o que fazer, ou dizer.

Excelente post, com referencia ao programa em si não assisti, com certeza Bial estava sendo desperdiçado no BBB.

Mary Miranda disse...

Concordo plenamente, Sérgio!

Admito a minha total desconfiança com esse programa... Pra mim o Bial iria ficar naquela de "Big Brother" falando aquelas bobagens sem fim mas, nada!!!! AMEI!!!!
Todos os erros que você percebeu eu também captei! Nossa, só o clipe do Alexandre Pires tomaria os quarenta minutos... Mas perdoei porque é só o começo; eles ainda vão se acertar...
O que me impressionou mesmo, Sérgio, fopi o ditado popular se confirmar: "Quem foi rei, jamais perde a majestade!".
Acho Pedro Bial brilhante, inteligentíssimo e de um carisma impressionante, e a tristeza me tomava a cada Big Brother Brasil, quando ele se perdia em piadinhas... Ali, eu o considerava totalmente sem noção!!!!
Esperemos que o programa se firme, trazendo ibope de tal maneira, que ganhe mais tempo no ar e, quem sabe, não expurgue o famigerado BBB de vez? (Bem, seria ótimo pra mim, pois odeio BBB como já deve ter eprcebido! rsrs)

Aquele abraço pra você, meu amigo! (Você tem Face? Estou sempre por lá! Fale o seu que o adiciono!!!!)

Mary:)

Barbie Californiana disse...

Ah Sérgio, eu vi esse programa ontem e adorei as polêmicas abordadas. Sua análise, também, está perfeita! beijos e lindo final de semana.

Barbie Californiana disse...

Ps.: E concordo que os temas poderiam ser mais bem aproveitados... mas na Globo, tudo é muito resumido... muito objetivo... Contudo, suprimir certas informações em excesso prejudica!

Milene Lima disse...

Pra variar, não assisti, mas não perderei o próximo porque adoro o Bial há milênios antes da existência do BBB.

Nunca entendi bem essa polêmica em torno do clip do Alexandre Pires, mas enfim. Perde-se tempo demais com essas bobagens de politiquês correto, ao invés de se tentarem ao menos diminuir as desigualdades sociais.

A frase dele ao final foi perfeita.

Beijo, Sérgio.

Nívea Marco disse...

Sergio, eu vi o programa e concordo com você! Gostei do formato e da discussão, mas achei a reconstituição feita pelos atores desnecessária e até as pessoas que foram representadas, achei desnecessário. Se fossem só os 4 convidados e a platéia, seria melhor.
E, quando acabou o programa eu pensei: "Mas já?!". Ponto pro Bial, o programa é bom (e curto) e a gente não vê o tempo passar.

tutankamon disse...

.Não assisti...mas odeio esta ditadura do 'politicamente correto' ,gostei da sinopse
"Sabem o que é o politicamente correto? Vou ser correto: É fingir que mudando o nome de favela pra comunidade, você vai melhorar o saneamento básico."...e por esta frase.creio valer a pena dar uma conferida!
abraços fortes

Sérgio Santos disse...

Dandara, muito obrigado pelo carinho de sempre e acho que não mereço tantos elogios. Discordar é tão interessante quanto concordar porque ajudar a elaborar mais a conversa, desde que com respeito. Gostei muito da estreia do programa e torço para que tenha vida longa. Beijos!

Sérgio Santos disse...

Oi Paty, também gosto muito do Bial! O programa é muito interessante e vale a pena dar uma conferida na internet. O horário é tardio mesmo, mas a grade da Globo é tão cheia que nem tem espaço para muitos programas novos. Beijos e obrigado pelo comentário! ;)

Sérgio Santos disse...

Oi Lily, que bom que o texto te despertou curiosidade. Vale a pena ver o programa, pelo menos pra ver se gosta. Eu gosto muito do Bial e do BBB também. Beijos e obrigado pelo comentário.

Sérgio Santos disse...

Oi Felisberto, você está mais do que certo, se não gosta dele tem mesmo que falar a verdade. Eu gosto muito do Pedro Bial e de suas crônicas. Abração e obrigado pelo comentário. :)

Sérgio Santos disse...

Oi Clau, muito obrigado! A estreia, apesar de alguns erros, foi muito bacana. É um programa inteligente e que faz pensar. Uma boa opção para os telespectadores. Tente dar uma olhada na internet pra ver se acha alguns vídeos. Beijão e bom fim de semana pra você também!

Sérgio Santos disse...

Oi J Araujo, concordo. O Ministério da Justiça deveria se preocupar com coisas realmente úteis para a sociedade e não com aquela bobagem. O programa foi bem interessante, mas poderia ter aprofundado melhor os assuntos. Abração e obrigado pelo comentário.

Sérgio Santos disse...

Oi Mary! Pois é, o clipe durou muito tempo e foi desnecessário. Mas o programa é bem legal, né? Já estava tendo uma boa impressão pelas chamadas e isso foi confirmado na estreia. Também acho que com o tempo vão acertando e arrisco dizer que a atração vai se firmar na Globo. Bem, eu gosto do BBB. rs Beijão e bom fim de semana! ps: tenho sim, vou te adicionar!

Sérgio Santos disse...

Oi Barbie, que bom que gostou do texto e do programa. Também achei bem legal e a superficialidade acabou reinando durante o programa porque os temas não foram aprofundados. Deveriam ter falado exclusivamente sobre um assunto e desenvolvê-lo até o final. Beijos e tenha um ótimo final de semana!

Sérgio Santos disse...

Oi Milene, te aconselho a tentar ver pelo menos algum trecho na internet. Também admiro muito o Bial antes mesmo do BBB, reality que também gosto. O texto final dele foi muito bom e achei essa frase a melhor. Realmente se perde muito tempo com essas bobagens ao invés de se preocupar com o que realmente interessa. Beijos e obrigado pelo comentário.

Sérgio Santos disse...

Oi Nivea, obrigado pelo comentário. As dramatizações foram descartáveis mesmo e se houvesse apenas o debate, com participação da plateia, seria muito melhor. Quem sabe com o tempo eles vão acertando isso. Também tive essa sensação quando o programa acabou: "Mas já?!" Foi rápido mesmo e deixou uma sensação de 'quero mais'. Beijos! ;)

Sérgio Santos disse...

Oi Tutankamon, essa frase foi muito boa mesmo! Achei a melhor do texto dito por ele. Vale a pena dar uma conferida no programa. Essa ditadura do politicamente correto cansa muito. Obrigado pelo comentário.

Vera Lúcia disse...

Olá Sérgio,

Desde que vi as chamadas já me interessei pelo programa, haja vista a inteligência e carisma do apresentador Pedro Bial.
Infelizmente, distraí-me com um filme que coloquei logo após a novela e acabei perdendo a estréia do programa.
Gostei de me orientar por suas considerações, assim já tenho um perfil do programa, que pretendo acompanhar.

Ótimo final de semana.

Beijo.

VERINHA disse...

Olá amigo Sérgio, gostei de seu texto,O Pedro Bial pra mim sempre foi uma criatura carismática, inteligente.Fora que ele tem uma bagagem e tanto. Não pude assistir, mas seu texto atiçou minha curiosidade.
Um grande abraço.Bom fim de semana.
Beijinhos.

Elvira Akchourin do Nascimento disse...

Boa crítica, Sérgio. Gostei de ver o Pedro Bial de volta num programa que faz jus à inteligência dele e do público. O formato não é novo, pois já foi utilizado pelo Roberto Justus, e, agora, pela Fátima Bernardes, mas o resultado foi compensador. O tema escolhido foi oportuno, os convidados deram contribuições interessantes. Também pela pouca duração do programa, o "Na Moral" acabou não aprofundando alguns debates, mas essa falha pode ser corrigida futuramente.

Bia Hain disse...

Oi, Sérgio. Assisti só um pedacinho mas gostei muito do conceito do programa, e acho que o Bial tem tudo para levar esse programa numa boa. Pena que passa tarde...ainda bem que logo entro em férias! UM abraço!

Sissym disse...

Sergio, quando eu me deitei, então lembrei da musica... olha, volta lá, volta.... rsss


BEIJOS e muito obrigada!

Thallys Bruno Almeida disse...

Gostei da crítica, Sérgio. O programa não é exatamente inovador, mas era bem-vindo à grade global. Só precisava mesmo focar em um tema só, que aproveitasse melhor o tempo que já é curto. Foi bom ver o Pedro Bial em uma linha mais "séria", um pouco mais afastada do BBB. Destaco especialmente o deboche aos ex-bbbs que dão uma de "DJ's" (aliás, aquele Jesus Luz nunca foi DJ, pra mim não passa de um modelo) e o tema do politicamente correto, especialmente o finalzinho (no melhor estilo "discurso de eliminação"... rsrsrsrsrs). Corrigindo-se as falhas, o programa, que já é bom, pode ficar perfeito.

Sérgio Santos disse...

Oi Vera, as chamadas foram atrativas mesmo. É uma boa opção e também tentarei acompanhar. Beijos e obrigado pelo comentário.

Sérgio Santos disse...

Oi Verinha, sempre gostei muito do Bial também e ele merecia esse programa que tanto almejava. A tendência é só melhorar. Beijos e obrigado pelo comentário.

Sérgio Santos disse...

Oi elvira, realmente o formato está longe de ser uma novidade, mas o programa foi bem interessante. Os temas são úteis e o debate vale a pena. Esse erro eu também espero que seja corrigido. Beijos e obrigado pelo comentário.

Sérgio Santos disse...

Oi Bia, obrigado pelo comentário. Pelo menos nas suas férias você vai conseguir acompanhar um pouquinho. Também achei o Bial muito bem no comando do programa. Beijos.

Sérgio Santos disse...

Oi Sissym, eu lembrei imediatamente! =) Beijos!

Sérgio Santos disse...

Thallys, o discurso, que parecia de eliminação mesmo, foi o melhor do programa. Espero que nos próximos abordem somente um assunto para não deixar tudo vazio. Jesus Luz nem merece comentário. Abração! :)

Mery disse...

Admiro demais o Bial.
É inteligentíssimo e tem carisma.
É difícil ver o programa por causa do horário, acordo cedo.
Deve ser interessante*, com certeza.
Ele tem um dom: "sabe se expressar".
Não estou gostando do jeito da Fátima Bernardes fazer o seu programa, pode ser q ache o caminho certo, ainda tá cedo. A audiência diz tudo, o povo q viu não gostou e trocou de canal, pra isso existe o "controle...
Beijus, boa tarde de domingo; Paz!
Mery*

Rita disse...

Meu amigo eu adoro o Pedro Bial, mas
não pude assistir o programa, postando não sei como foi..mas bela chamadas deve ter sido bom,que bom entrar aqui e ver o quevc gosta de postar, assim a gente da uma opinião legal...abraços de uma boa semana
bjusss
Rita!!!!!

Jeanne Geyer disse...

adorei o programa, sabia que o Bial só poderia dar certo, mas concordo com todas as falhas que deixaram a gente com vontade de saber mais. espero que façam as adequações necessárias, pois faltava um programa assim na rede globo. bjs

Lilly Soares disse...

Sérgio, tb confesso a verdade: Não vou com a cara do Bial, acho-o um mala, arrogante. Ainda assim, por seu texto, fiquei curiosa e vou conferir na próxima semana. Ao menos o estilo do programa parece ser interessante. E, se o programa for um sucesso e assim, ele for dispensado de apresentar o lixo do BBB (desculpe mas, eu odeio BBB) e nos livrarmos deste mal, melhor ainda.

Smareis disse...

Não assisti a estréia do Na Moral, mais creio que deve ter sido bem curioso o programa.
Acho que estava demorando o Bial ganhar um programa. Embora ele ser meio chato, merece um programa dele.
Adorei a postagem!

Abraços e ótima semana!

Sérgio Santos disse...

Oi Mery, ao contrário do Encontro com Fátima Bernardes, o Na Moral teve um bom retorno do público e recebeu elogios. Bial é um ótimo jornalista e sua segurança no comando não foi surpresa. O horário é tardio mesmo. Obrigado pelo comentário. Beijos e boa semana!

Sérgio Santos disse...

Oi Rita, obrigado pelo carinho. Se puder assistir aos próximos programas, acho que vale a pena. Fico feliz que goste dos textos. Beijos e boa semana!

Sérgio Santos disse...

Oi Jeanne, o programa surpreendeu. Foi bacana ver uma atração que não subestima a inteligência do público. Estávamos precisando mesmo. Vamos ver se com o tempo as falhas serão corrigidas. Beijos e obrigado pelo comentário.

Sérgio Santos disse...

Lily, acho difícil que o Bial saia do BBB. Ele ama apresentar o reality e todos que assistem sentirão falta dele. Como o Na Moral não ficará no ar ao mesmo tempo que o BBB (pois na época do reality a programação da Globo está de férias), creio que ele se dividirá entre as duas atrações. Beijos e obrigado pelo comentário.

Sérgio Santos disse...

Oi Smareis, também acho que o Bial merecia um programa próprio há tempos. Tomara que dê certo. Não acho ele chato, não. rs Beijos, obrigado pelo comentário e boa semana!

Samanta Sammy disse...

Olá querido amigo Sérgio, como vai ?

Puxa acho que estou precisando sair da internet e navegar mais é pela programação da TV !!! Não sabia deste novo programa, pode isso ?? Gosto muito do Bial, acho ele um cara extramente inteligente e bem articulado, vou conferir na próxima quinta ! Sem dúvidas como mencionado ele merecia um programa próprio, tenho certeza de que vai ser muito legal :) Pena que deram estas mancadas, mas pode ser que futuramente percebam que alguns temas podem preencher um programa inteiro sem ficar maçante, não é preciso este desespero todo, enfiar um monte de temas com medo de que o programa ficasse tedioso :)
Valeu mesmo pela dica !!!

Grande abraço e bom restinho de semana :D

Sérgio Santos disse...

Oi Samanta, anda muito tempo na internet, né? Mas é sua profissão e acaba sendo necessário. Se os demais programas mantiverem a qualidade do primeiro, tenho certeza que será uma boa atração mesmo.

Sem dúvida colocaram esse excesso de temas por medo de que ficasse muito tedioso, mas espero que mudem isso o mais rápido possível. Beijos e obrigado pelo comentário! Bom restinho de semana pra você também! ;)