sábado, 27 de agosto de 2011

Fina Estampa não entusiasma e parece um déjà vu

Após o término de "Insensato Coração", estreou nessa segunda-feira, dia 22, "Fina Estampa", do sempre polêmico Aguinaldo Silva. Depois de passar muito tempo criticando seus colegas autores, o mentor da atual novela das 21 horas, passou da condição de 'pedra' para 'vidraça'.

O que vimos até agora não é nada animador. A trama central se baseia no chavão da mãe batalhadora que é humilhada pelo filho ambicioso e bonitão. A mulher em questão atende pelo nome peculiar de 'Griselda' e é interpretada pela grande Lília Cabral. Essa situação lhe parece familiar? Óbvio que sim,uma vez que é praticamente o mesmo enredo de um dos núcleos de "Morde & Assopra", onde vemos a humilde Dulce (Cássia Kiss) sendo destratada pelo filho Guilherme (Klebber Toledo). Porém,ao contrário do que Aguinaldo espalhou aos quatro cantos,Walcyr Carrasco não o copiou. Isso é tão clichê que já foi abordado em várias novelas. Maria de Fátima não fazia o mesmo com sua mãe em "Vale Tudo"? São tantas situações iguais que não vale a pena citá-las, já que se perderia muito tempo.

Nos primeiros capítulos,também vimos uma mulher que é constantemente agredida pelo marido e não reage. O agressor é vivido pelo Alexandre Nero (que ainda lembra o Gilmar de "Escrito nas Estrelas", mas pode acertar o tom). Dira Paes dá vida a Celeste, esposa submissa.Carol Macedo --- grata revelação de "Passione", onde interpretou a ingênua Kelly, alvo das crueldades da avó Valentina (Daisy Lúcidi)--- interpreta a filha funkeira e rebelde.Isso tudo te lembra algo? Se pensou no Cigano (Ronnie Marruda),na Rita de Cássia (Adriana Lessa) e da filha do casal, Lady Daiane, de "Senhora do Destino", acertou.

Christiane Torloni está interpretando pela milésima vez uma perua fútil e histérica que atende pelo nome de Teresa Cristina. Segundo consta é a grande vilã da trama. Até então está muito longe de ser considerada sequer uma mau-caráter. A atriz está sendo criticada, mas só está fazendo o que lhe é proposto. Difícil diferenciar sua interpretação numa personagem tão óbvia.

O elenco é muito irregular. Enquanto temos Lília,Christiane, Marcelo Serrado, Arlete Salles, Eva Wilma,Guida Vianna, Totia Meirelles, Renata Sorrah,Julia Lemmertz, Dan Stulbach e Dalton Vigh, também somos 'obrigados' a ver Eri Johnson, Caio Castro, Malvino Salvador e Carlos Casagrande, só pra citar alguns.
Adriana Birolli está artificial no papel de mocinha. Marco Pigossi é um bom ator, mas ainda lembra seu personagem em "Ti Ti Ti".

Júlia e Dan estão muito bem como um casal que se ama, mas enfrenta a dificuldade de não poder ter filhos. É um bom núcleo que só tende a melhorar com a entrada da Renata Sorrah,interpretando uma especialista em fertilização artificial.
A entrada de Eva Wilma talvez dê um fôlego à trama de Teresa Cristina. Um dos acertos desse núcleo é o mordomo Crô,vivido pelo Marcelo Serrado. Ele acerta o tom e pode render. Sua parceria com a sobrinha,  vivida pela Milena Toscano, também é interessante.

A abertura da novela foi tema de ferrenhas críticas, inclusive com acusações de plágio da novela "Brilhante", de 1981, escrita por Gilberto Braga.Realmente é quase igual. Mas não vi nada demais na música instrumental e achei até interessante. O único porém é realmente a 'simplicidade' na modelo solitária desfilando entre os espelhos. Se colocassem os próprios atores na abertura, como foi divulgado nos "teasers", o resultado ficaria muito melhor. Vide "As Cariocas".

"Fina Estampa" não empolgou e parece muito uma novela das 19 horas. Após tramas pesadas como "Passione" e "Insensato Coração",o excesso de 'leveza' da novela é motivo de estranhamento. Aguinaldo alega que sua trama será 'solar e p ra cima', além de voltada para a classe C. Pelo visto isso acabou sendo um acerto, uma vez que a audiência tem sido bastante elevada e chegou a superar as antecessoras, pelo menos por enquanto. Todavia,em se tratando de conteúdo, o autor ficou devendo e muito. Parece que estamos vendo um amontoado de tramas já escritas e muito batidas. A lentidão dos capítulos também é visível. Se tudo isso mudará semana que vem,ou no próximo mês,não dá pra prever. Mas o que nos resta é manter a esperança de que a novela engrene e melhore, porque do jeito que está não dá pra continuar.

Link relacionado: Término de Insensato Coração foi tão decepcionante quanto o seu início

3 comentários:

Dualys F.Souza disse...

Ando acompanhando esta novela, e até que não acho tão ruim, mesmo tendo muitos clichês e personagens com historias comuns. E pq tbm me deixa acordado...uma vez que há muita drama, e quem não se interessa por isso? rsrs... Mas como vc falou acima, tomara que melhorem, pq do jeito que está, não dá para continuar a ve-la.

Sérgio Santos disse...

A audiência da novela tá muito boa,mas não acho merecido.Ao menos por enquanto.Tudo se arrasta demasiadamente e nada de relevante acontece.Obrigado pelo comentário,Dualys.

Emagrece ou Engorda? disse...

Sabe qual é o problema do brasileiro? Dar a atenção para o que não merece. Eu tenho consciência de que o blog é seu, você posta o que quiser. Mas eu também posso dar a minha opinião. A Globo, mesmo sendo uma farsa completa, é a emissora que mais tem audiência.Pode ser chamada de melhor. Mesmo com novelas fracas, personagens ridículas eles conseguem o que querem: audiência. Pode ser que coloquem um mendigo qualquer no papel principal, e ele fará sucesso. Então, por que ao invés de perder tempo postando coisas fúteis, poste algo sobre a fome no mundo, por exemplo. Beijo :*